Jorginho no Chelsea: reconstruindo o meio-campo dos Blues

Jorginho foi um dos melhores meio-campistas do Napoli. Agora no Chelsea, terá a oportunidade de provar o seu talento na liga mais competitiva do mundo.

Jorginho

Chelsea finalmente deu início ao seu processo de mudanças. Com a demissão de Antonio Conte, os Blues anunciaram Maurizio Sarri como seu substituto, e de quebra o meio-campista Jorginho.

A dupla chega a Londres com a missão de repetir o sucesso que tiveram na Itália.

Jorginho e Sarri sendo apresentados oficialmente pelo Chelsea. Foto: Chelsea Fc

Sarri é conhecido por ter um estilo de jogo competitivo, rápido e encantador. E, para alegria dos Blues, Jorginho é um dos pilares que fazem o treinador trabalhar assim.

O meio-campista italiano por pouco não se transferiu para o Manchester City. Ao que tudo indica, continuar trabalhando com Sarri foi crucial na decisão.

Aos 26 anos, Jorginho terá a chance de mostrar seu alto nível na liga mais competitiva do mundo. Em sua chegada, o meio-campista falou sobre a oportunidade de jogar no Chelsea.

“Eu estou absolutamente em êxtase por estar aqui no Chelsea. Não é fácil se tornar parte de um time tão grande e eu estou muito, muito feliz. Eu estou empolgado para jogar em uma liga tão intensa, por um time que dá o máximo para jogar e vencer”

Como Jorginho ajuda o Chelsea?

Jorginho troca a 8 do Napoli pela 5 do Chelsea. Foto: Chelsea FC

O Chelsea teve uma temporada bem abaixo das suas expectativas. Com uma série de problemas internos, os Blues ficaram de fora até da Champions League.

O meio-campo dos Blues foi um dos problemas que o ex-técnico Antonio Conte não conseguiu resolver.

Com a venda de Nemanja Matic para o Manchester United, o clube não conseguiu achar o parceiro ideal para o francês N'Golo Kanté. Eis que surge Jorginho. No Napoli, Jorginho se destacou pela sua capacidade em controlar as ações do time italiano.

Jogando em frente às linhas defensivas, ele é quem dita o ritmo que a equipe irá jogar. A principal função do meio-campista é fazer a transição entre defesa e ataque com qualidade.

No entanto, o seu excelente passe permite a criação de jogadas no terço final de campo, principalmente com os lançamentos buscando atacante que entra nas costas da defesa.

De que forma Sarri irá utilizá-lo?

Jorginho em ação pelo Napoli. Foto: Getty Images

O comandante italiano foi peça fundamental para que Jorginho se tornasse o grande jogador que é hoje. No Chelsea, o meio-campista tem tudo para ser titular ao lado de Kanté.

As equipes de Sarri tem como principal esquema de jogo o 4-3-3, com muita intensidade e criatividade por parte dos meias.

Até o momento, é possível imaginar uma meiuca formada por: KantéJorginho Cesc Fàbregas. Esse meio-campo permite ao Chelsea: marcação, intensidade, criação e versatilidade.

Jorginho deve se posicionar com um pouco mais de liberdade, tendo em vista que Kanté é o protetor à frente da zaga. Em alguns momentos, poderá assumir o papel do francês e se posicionar como primeiro homem do meio, principalmente na saída de bola.

Os Blues ganham um reforço importante na reconstrução do seu meio-campo e na busca por títulos. Jorginho tem no Chelsea a grande oportunidade da sua carreira e certamente fará de tudo para não desperdiçá-la.