10 brasileiros que quase jogaram na Premier League

Será que você sabia que todos esses jogadores já despertaram interesse dos clubes ingleses?

lulinha-ronaldinho-chelsea
Telegraph

Não é novidade que o futebol brasileiro é alvo constante de interesse das grandes ligas europeias, e com a Premier League não é diferente. O Brasil é o oitavo país com mais jogadores na história do torneio, sendo o primeiro dentre os países não-europeus. E, além dos mais de oitenta brasileiros – excluindo-se os nascidos no Brasil mas naturalizados – que já estiveram na principal liga nacional do planeta, muitos outros quase jogaram na Premier League.

Desde eternas promessas até campeões renomados, listamos 10 jogadores brasileiros que, por pouco, não deixaram o país para disputar a primeira divisão inglesa.

Acompanhe a PL Brasil no YouTube!

Afonso Alves – Brasileiros na Premier League

Leia mais: 10 times com mais jogadores brasileiros na história da Premier League

Thiago Neves

Thiago Neves Fluminense Libertadores Antonio Scorza Collection AFP-min
Antonio Scorza Collection AFP

Em 2008, aos 23 anos, Thiago Neves vinha de excelente desempenho na campanha vice-campeã do Fluminense na Copa Libertadores, com quatro assistências e seis gols – sendo um hat trick na final no Maracanã – além de destaque na conquista do bronze brasileiro nas Olimpíadas de Pequim, ainda que reserva.

Assim, foi especulado em diversos clubes europeus e era um dos alvos para processo de renovação do Manchester City, até ser contratado pelo Hamburgo, por nove milhões de euros. Este ano, em entrevista ao canal De Sola, o jogador do Cruzeiro confirmou que, de fato, houve o interesse dos Citizens, assim como o auxílio do atacante nas negociações.

Lucas Lima

Santos Lucas Lima Ricardo Nogueira Collection Getty Images Sport
Ricardo Nogueira Collection Getty Images Sport

No início da temporada 16/17, o Crystal Palace vendeu Yannick Bolasie ao Everton por aproximadamente trinta milhões de euros. Com dinheiro para investir, o clube visava a contratação de Lucas Lima – que já havia sido ligado ao Barcelona – após o Santos recusar uma sinalização de empréstimo do jogador, visando lucrar imediatamente com a negociação.

Assim, os Eagles tentaram a contratação em definitivo do meio-campista, com uma proposta de 20 milhões de euros, além de luvas e salários milionários. Mas o atleta recusou a oportunidade jogar em Seluhst Park, confiando no interesse de clubes do primeiro escalão europeu em seu futebol.

Leia mais: Os brasileiros com mais títulos no4 futebol inglês

Aislan

Madureira Conca Aislan Fluminense Buda Mendes Collection Getty Images Sport-min
Buda Mendes Collection Getty Images Sport

Em 2008, aos 20 anos, o zagueiro Aislan passou uma semana fazendo testes no Sheffield United. A partir daí, despertou interesse do Liverpool, que teria sinalizado uma proposta de dois milhões de euros ao São Paulo.

E os Reds realmente estiveram perto de contratar o jogador, segundo ele mesmo confirmou em 2014, em entrevista ao Bate Bola da Rádio ESPN: “Foi uma situação complicada para mim. Queria muito ter ido para o Liverpool. Até hoje, se te falar que sei os reais motivos de não ter saído um acordo, eu estaria mentindo para você”.

Muller

Em 1994, recém-campeão da Copa do Mundo, Muller quase se tornou jogador do Everton. A transferência já era dada como mais que certa pela imprensa inglesa e o brasileiro era aguardado com euforia em Goodison Park.

Já em Liverpool, prestes a assinar o contrato, a negociação acabou não se concretizando, por divergências de repasses financeiros e cláusulas contratuais, que teriam irritado o atacante.

Os bastidores da fracassada negociação foram revelados em recente episódio do podcast Correspondentes Premier. Na sequência, Muller foi para o Kashiwa Reysol, onde ficou por apenas uma temporada.

Lulinha

lulinha ronaldinho chelsea

Revelado pelo Corinthians, Lulinha é o maior artilheiro das categorias de base do clube, com 297 gols marcados. Chegou à equipe profissional em 2007 com status de promessa e rapidamente atraiu interesse de gigantes do futebol europeu.

À época, o periódico britânico Independent noticiou que, além de sondagens do Tottenham, o Chelsea estaria disposto a oferecer oito milhões de euros pelo jovem de 17 anos, proposta que, no entanto, jamais se confirmou.

E, em 2015, em entrevista ao Terra, Lulinha expressou arrependimento ao revelar que teve a chance de se transferir ao Manchester United mesmo antes de se tornar profissional, oportunidade esta que recusou pelo sonho de fazer história no clube paulista.

Leia mais: Os 10 brasileiros mais jovens a estrear na Premier League

Kléber Gladiador

Kleber Gladiador Cruzeiro Juan Barreto Collection AFP-min
Juan Barreto Collection AFP

Revelado pelo São Paulo, Kléber “Gladiador” foi contratado pelo Cruzeiro, em 2009, junto ao Dínamo de Kiev, após breve empréstimo ao Palmeiras, que optou por não contratar o jogador em definitivo. E, em apenas cinco meses na equipe mineira, o atacante obteve tamanho destaque que despertou o interesse do futebol inglês.

Aos 25 anos, o jogador teria sido procurado pelo Liverpool – que à época contava com Fernando Torres e Dirk Kuyt – conforme revelou em entrevista ao programa Arena SporTV.

“O Palmeiras não acreditou muito no investimento e agora já poderia ter o retorno. Tenho uma proposta do Liverpool de sete milhões de euros. Estamos analisando. Eu quero ficar”.

Dedé

ANTONIO SCORZA Collection AFP
Antonio Scorza Collection AFP

Vivendo grande fase pelo Vasco em 2012, Dedé teria sido um dos grandes alvos do Queens Park Rangers para a temporada 12/13 – assim como Olivier Giroud, que acabou se transferindo para o Arsenal.

Especulou-se uma proposta de 12 milhões de euros pelo brasileiro, a maior que o cruz-maltino recebera pelo zagueiro. No entanto, Dedé optou por seguir no clube, almejando uma convocação para a Copa do Mundo de 2014.

Leandro Damião

As negociações envolvendo Leandro Damião e Tottenham foram uma verdadeira novela. Ela se estendeu desde a temporada 11/12 até o início de 2013, durante diversas janelas de transferências do mercado europeu, com valores girando em torno de 20 milhões de euros.

A primeira especulação foi em 2011, quando o técnico Harry Redknapp definiu o brasileiro como alvo para reforçar o ataque do clube. Em 2012, já sob o comando de André Villas Boas, os Spurs novamente tentaram contratar Damião, que se destacara nas Olimpíadas de Londres, com seis gols marcados.

Uma última tentativa do clube londrino teria sido realizada repentinamente em 2013, no último dia da janela de inverno europeia, mas mais uma vez em vão, onze meses antes do atacante se transferir para o Santos, por 13 milhões de euros.

Marcos

Shaun Botterill Collection Getty Images Sport
Shaun Botterill Collection Getty Images AllSport

Em janeiro de 2003, Marcos esteve muito perto de ser contratado pelo Arsenal, por quatro milhões, e se juntaria aos brasileiros Gilberto Silva e Edu Gaspar. O Palmeiras via com bons olhos a negociação do ídolo, visando o retorno financeiro, extremamente importante em um momento tão crítico do clube, pela primeira vez rebaixado à segunda divisão nacional.

“São Marcos” viajou a Londres para conhecer as instalações do clube com os detalhes já acertados. A transferência se concretizaria ao início da temporada 03/04 – que culminaria com o histórico título invicto dos Gunners. Mas, surpreendendo a todos, o goleiro decidiu permanecer no Brasil: “Eu não tinha estrutura nenhuma, não era casado, não tinha assessoria. Eu ia ficar lá sozinho”.

Everton Cebolinha

Everton Cebolinha seleção brasileira Alexandre Schneider Collection Getty Images Sport
Alexandre Schneider Collection Getty Images Sport

Após destaque e artilharia no título da Copa América, Everton Cebolinha se tornou alvo de muita especulação na janela de transferências europeia. A mais forte delas envolveu o Arsenal, sendo que o “Little Onion” também foi ligado ao Manchester United.

Os Gunners teriam sinalizado uma proposta de 40 milhões por Everton, valor considerado baixo pelo Grêmio, tendo em vista que o clube gaúcho detém apenas 50% dos direitos do atacante e contrato com o jogador de 23 anos até dezembro de 2022.

Mas nenhuma oferta pelo brasileiro foi de fato oficializada. E, para a mesma posição, o Arsenal contratou o marfinense Nicolás Pepe, junto ao Lille, por 80 milhões de euros.