Conheça um jogador histórico na PL de cada seleção da Copa do Mundo

Montamos uma lista com um jogador histórico de cada seleção participante da próxima Copa do Mundo, realizada na Rússia no ano que vem!

Conheça um jogador histórico na PL de cada seleção da Copa do Mundo
Getty Images

A Premier League é uma das competições que mais têm jogadores com nacionalidades diferentes. E como estamos perto da próxima Copa do Mundo, decidimos criar uma lista com alguns nomes históricos que representaram seus países jogando em terras inglesas, seguindo a ordem dos grupos sorteados no começo do mês.

Leia mais: Os 11 gols mais bonitos de Thierry Henry no Arsenal

Grupo A

Rússia – Arshavin

A Rússia teve poucos jogadores atuando na Premier League. O mais histórico é o atacante Andrey Arshavin. Em cinco temporadas, o russo virou ídolo do Arsenal.

Egito – Salah

Artilheiro da atual temporada e recém-chegado ao Liverpool, Mohamed Salah é um dos principais jogadores da competição. Em 16 jogos até aqui, o egípcio marcou 13 gols e é um dos maiores jogadores do Egito na história da Premier League.

 

 

Arábia Saudita – Nenhum

A Arábia Saudita é uma das poucas nações que nunca tiveram jogadores na Premier League.

Uruguai – Suárez

31 gols em 33 jogos, prêmio de melhor jogador da temporada e quase chegou ao título da liga. A temporada 2013/14 foi quase perfeita para o Liverpool e para Luis Suárez, fazendo com que ele se tornasse o uruguaio com maior destaque na Premier League. Polêmico, o jogador participou de quatro temporadas pelos Reds. 

 

 

Grupo B

Getty Images

Portugal – Cristiano Ronaldo

Um dos maiores jogadores da história do futebol e vencedor de cinco prêmios de melhor jogador do mundo, Cristiano é o português que teve mais destaque em todas as edições da Premier League. O atacante teve uma brilhante passagem pelo Manchester United, alcançando o título da Liga dos Campeões, além dos três campeonatos da Premier League.

Marrocos – Boufal

Com duas temporadas no Southampton, Boufal é o representante da seleção marroquina na Premier League. Apesar de não ter marcado tantos gols, o único feito nesta temporada foi ter vencido o prêmio de gol mais bonito do mês de novembro.

 

Espanha – Fàbregas

Doze temporadas jogando na Inglaterra – mais especificamente em Londres – 327 jogos na Premier League, 110 assistências e 49 gols são os números de um dos maiores espanhóis de todos os tempos na Premier League. Revelado pelo Barça, tendo uma breve passagem pela Catalunha de 2012 a 2014, Césc Fàbregas fez a maior parte da sua carreira jogando no Arsenal e Chelsea.

Irã – Dejagah

Um dos menos conhecidos desta lista é o iraniano Dejagah. Com 49 partidas pelo Fulham na Premier League, o meia marcou cinco gols e deu três assistências.

 

Grupo C

Arsenal legend Thierry Henry led the gunners to numerous triumphs
Getty Images

França – Henry

Um dos maiores jogadores da história do Arsenal, o francês é um dos grandes jogadores da Premier League. Foi campeão duas vezes, além de ser vencedor de 10 prêmios individuais – 2 “Melhor Jogador do Ano”, 4 “Golden Boot” e outros 4 “Melhor Jogador do Mês”.

Austrália – Cahill

Sete temporadas, 323 jogos, 56 gols, 22 assistências e somente um time: o Everton. Este é o histórico de Tim Cahill, o maior jogador australiano de todos os tempos na Premier League. O meia é um dos melhores cabeceadores da história, já que praticamente metade de seus gols foram pelo alto.

Peru – Solano

Jogador histórico da Premier League, Nolberto Solano faz parte do seleto grupo de jogadores que passaram de 300 jogos na competição. O meia marcou 49 gols em seus 10 anos de carreira na Inglaterra, sendo um dos 5 maiores goleadores sul-americanos da competição.

Dinamarca – Eriksen

Atual meio-campista do Tottenham, o dinamarquês vem chamando a atenção de gigantes da Europa, como o Real Madrid. Nesta semana, ele chegou à marca de 150 jogos na Premier League. Na Copa, o craque deverá ser o jogador que levará a seleção nas costas.

Grupo D

Getty Images

Argentina – Aguero

O maior artilheiro da história do Manchester City, Sergio Aguero, pode ser considerado o jogador argentino com mais relevância no futebol inglês, ganhando até de Tévez. Apesar de ter triunfado somente um Golden Boot, o atacante sempre está na listas de maiores goleadores da temporada. Nesta, ele já tem nove gols marcados em 11 participações, perdendo para apenas para Kane, com 12, e para o surpreendente Salah, com 13.

Islândia – Gudjohnsen

Com passagens em quatro clubes da Inglaterra, o islandês fez sua história no Chelsea na era Abramovic. Chegando em 2000 ao clube londrino, o atleta foi bicampeão da Premier League pelo time. Em 211 partidas, o maior jogador islandês da história marcou 55 gols e deu 28 assistências.

Croácia – Modric

Um dos melhores meio-campistas da atualidade, camisa 10 do Real Madrid e o melhor jogador croata que já passou pela Premier League. Este é Luka Modric. Jogando no Tottenham, desfilou com sua habilidade incrível e incomparável. Em quatro temporadas, foram 127 jogos, 13 gols e 15 assistências.

Nigéria – Mikel

Comandante da Nigéria ao lado de Iwobi, do Arsenal, John Obi Mikel é um dos jogadores com mais história no Chelsea. Foram 11 temporadas pelos Blues e dois campeonatos. Entretanto, o volante, que deu dez assistências, marcou apenas um gol com a camisa londrina.

 

Grupo E

Branislav Ivanovic celebrates after scoring
AFP/Getty Images

Brasil – Coutinho

Seis temporadas, camisa 10 de Anfield, ídolo do clube e o principal jogador do time. Apesar de não ser bem um goleador, o meio-campista da Seleção é deslumbrante quando vai para cima de seus adversários. Elogiado por Gerrard, um dos maiores ídolos do clube, Coutinho é a esperança do clube para vencer a Champions League. Assim, iria para a Copa do Mundo com um enorme prestígio e confiança.

Suíça – Xhaka

Duas temporadas pelo Arsenal, 48 jogos na Premier League, dois gols e cinco assistências: estes são os dados de Granit Xhaka no Campeonato Inglês. Esperança da Suíça na Copa, ao lado de Shaqiri, o meia deve dar trabalho para a nossa Seleção.

Sérvia – Ivanovic

O representante sérvio da lista é Ivanovic. Além de Matic, que atualmente está no Manchester United, Branislav Ivanovic jogou no Chelsea e na seleção da Sérvia. Em 261 partidas, venceu três campeonatos ingleses, uma Champions League, uma Liga Europa e participou de 42 gols da equipe, sendo 22 marcando e 20 dando assistências.

Costa Rica – Campbell

Considerado uma promessa da base dos Gunners, Joel Campbell, após uma belíssima participação na última Copa do Mundo, é a esperança dos costa-riquenhos na próxima edição. Em sete temporadas como profissional, Joel não teve tantas oportunidades no Arsenal. Foram 23 jogos, três gols e duas assistências.

Grupo F

Imagem relacionada
Getty Images

Alemanha – Ozil

Meia de grande habilidade, visão e passe, Mesut Ozil pode ser considerado o alemão mais importante na Inglaterra. Há um bom tempo no Arsenal, Ozil já conquistou os torcedores dos Gunners e promete dar muito mais à equipe londrina, caso não saia. Ozil tem como principal habilidade o passe, haja vista suas 47 assistências para gol no Campeonato Inglês.

México – Chicharito

O atacante mexicano é um dos maiores jogadores da história de seu país. Porém, na Inglaterra, não teve tanto sucesso. Aparecendo para o mundo no Manchester United, o jogador acabou de chegar no West Ham, e já vem marcando seus gols.

Suécia – Ibrahimovic

Considerado um dos melhores jogadores da história do futebol, Zlatan Ibrahimovic é o sueco com maior destaque na Premier League. Em sua segunda temporada na competição, o atacante já soma 17 gols em 32 jogos, uma proporção de um a cada duas partidas.

Coreia do Sul – Son

Um dos jogadores em melhor momento no Tottenham é o sul-coreano Son. O ponta do time londrino está sendo de extrema importância para o clube e para a sua seleção, sendo a esperança de gols da última.

Grupo G

Resultado de imagem para Hazard
John Sibley/Reuters

Bélgica – Hazard

A seleção belga tem diversos jogadores históricos na Premier League que vão estar na próxima Copa do Mundo, como De Bruyne, Lukaku, Courtois, entre outros. Porém, um jogador destaca-se mais: Eden Hazard. Chegou jovem ao Chelsea e depois de longos anos é a estrela do time. O jogador venceu dois campeonatos ingleses e disputou o Mundial em 2012.

Panamá 

A segunda seleção que participa da Copa do Mundo na Rússia que nunca teve nenhum jogador representante na Premier League é o país panamenho.

Inglaterra – Kane

Harry Kane é a esperança de gols do Tottenham e da seleção inglesa. Desejado pelo Real Madrid, o inglês já está novamente na briga pela artilharia da Premier League, com 12 gols, um a menos que o líder Salah.

Tunísia – Khazri

Pouco conhecido no mundo do futebol, o tunisiano Khazri é o representante de seu país nesta lista. O meia, que chegou na temporada 2015/16 ao Sunderland, está emprestado ao Rennes da França, enquanto o time inglês disputa a Championship.

Grupo H

Polônia – Fabianski

O goleiro com mais defesas nesta temporada na Premier League é também o polonês com mais história na competição. Com passagem pelo Arsenal, o jogador se destaca no Swansea City.

Senegal – Mané

Um dos melhores jogadores da Premier League é Sadio Mané. O motorzinho do Liverpool já foi um dos eleitos como o “Melhor jogador do Mês” nesta edição do Campeonato Inglês. Pela seleção, o atleta é o maior jogador e a esperança de uma campanha histórica de seu país que conseguiu classificar-se à Copa do Mundo.

 

 Colômbia – Juan Pablo Angel

A seleção colombiana tem o seu goleiro titular atuando na Premier League: David Ospina, do Arsenal. Porém, um jogador histórico pouco conhecido é Juan Pablo Angel. Com sete temporadas disputadas no Aston Villa, o atacante tem 175 partidas, 44 gols e 14 assistências. O colombiano é um dos maiores goleadores sul-americanos da Premier League.

Japão – Okazaki

Jogador que chegou no ano histórico do Leicester, Shinji Okazaki é mais um atleta histórico da Premier League. Representante da seleção japonesa na lista, o atacante, em três anos, ganhou o título da competição em 2015/16, além de marcar 12 gols e ser praticamente um titular absoluto.