Joelinton tem casa invadida durante derrota do Newcastle para o Manchester City

4 minutos de leitura

O meio-campista Joelinton, do Newcastle, teve sua casa assaltada enquanto ele e sua família assistiam à derrota por 3 a 2 de sua equipe para o Manchester City, no St James’ Park, no sábado (13) à noite.

O brasileiro, que está atualmente lesionado, recebeu um alerta de segurança em seu telefone celular e imediatamente informou a polícia que três homens estavam em sua casa em Darras Hall, a 12 quilômetros de Newcastle upon Tyne.

Invasão à casa de Joelinton

A propriedade, onde Joelinton mora com sua parceira e três filhos, estava vazia na ocasião. Os policiais responderam e um helicóptero da polícia foi enviado, mas os invasores já haviam fugido do local.

Um porta-voz da Polícia de Northumbria descreveu o ocorrido ao jornal “Daily Mail”: “Pouco antes das 19h30 de sábado, a polícia recebeu uma ligação de um proprietário preocupado que relatou que três homens estavam dentro de sua casa em Darras Hall”.

— Felizmente, o proprietário não estava em casa, mas recebeu um alerta de segurança em seu telefone e imediatamente relatou as preocupações à polícia. A polícia foi enviada ao local, no entanto, os suspeitos já haviam fugido — afirmou.

joelinton newcastle
Foto: Icon sport

Ele encorajou moradores a contribuíram para a investigação: “As investigações continuam e qualquer pessoa com informações é solicitada a entrar em contato conosco pelo telefone 101, ou pelas páginas de ‘Denúncia’ de nosso site”.

Onda de assaltos às casas de jogadores da Premier League

Joelinton é o mais recente jogador da Premier League a ser alvo de ladrões nesta temporada, depois que a casa de Jack Grealish foi alvo durante o Natal, enquanto sua família estava em casa assistindo-o jogar na TV.

Os invasores levaram joias no valor de 1 milhão de libras durante o assalto no Boxing Day. Seu companheiro de equipe no Manchester City, Kevin De Bruyne, por outro lado, teve sua casa de 70 acres na Bélgica invadida no início de dezembro, enquanto ele estava na Arábia Saudita para o Mundial de Clubes.

No ano passado, Raheem Sterling foi forçado a voltar para casa da Copa do Mundo após um assalto em sua residência em Surrey, enquanto o ex-companheiro de equipe de Grealish, João Cancelo, e o defensor do Manchester United, Victor Lindelof, também foram alvos.

(Foto: Icon Sport)

Jesse Lingard e Paul Pogba, ex-companheiros de equipe de Lindelof em Old Trafford, também foram vítimas de assaltos.

Em dezembro, o Mail Sport revelou que os jogadores da Premier League gastam milhares na contratação de ex-militares do SAS, comprando cães de proteção e instalando salas de pânico de aço com linhas telefônicas de emergência em suas casas.

Na semana passada, o defensor do Chelsea, Ben Chilwell, colocou sua mansão em Surrey, no valor de 4,75 milhões de libras, à venda, supostamente devido a preocupações com o aumento do número de assaltos.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]