Jens Lehmann, o gigante alemão campeão invicto pelo Arsenal

Arqueiro teve seus momentos mais vitoriosos nos Gunners

0
582
jens lehmann arsenal

O esquadrão do Arsenal campeão de forma invicta da Premier League na temporada 2003/2004 tinha o alemão Jens Lehmann como goleiro.

A história de Jens Lehmann

Vamos conhecer um pouco a história da carreira do goleiro alemão, que por clubes, disputou 787 partidas, sofreu 823 gols e teve 278 jogos sem sofrer gols. 

Início vitorioso no Schalke 04

(Photo by Bongarts/Getty Images)

O alemão foi revelado pelo Schalke 04 em 1988, quando se tornou profissional. Pelo time de Gelsenkirchen o goleiro foi campeão da Copa da Uefa (atual Europa League) na temporada 1996/1997.

O começo de carreira não foi nada fácil para o arqueiro, que chegou a ser substituído no intervalo de um jogo após levar três gols no primeiro tempo. Porém, Jens Lehmann não desanimou e deu a volta por cima no clube alemão ao ganhar a competição europeia.

Photo: The Bundesliga Fanatic

Um fato marcante em sua passagem pelo Schalke 04 foi o gol de cabeça nos acréscimos que empatou o clássico contra o Borussia Dortmund em 2 a 2.

Aliás, em 1997, o goleiro ganhou o prêmio de goleiro do ano pela Uefa. Pelo clube alemão, Lehmann disputou 310 partidas e não levou gols em 105 jogos.

A frustração de Lehmann no Milan

(Getty)

Na temporada 1998/1999, o arqueiro teve uma breve passagem pelo clube italiano, porém disputou apenas seis partidas, sofrendo seis gols e com seis jogos sem levar gols. Apesar do pouco tempo no clube, levantou o caneco do Campeonato Italiano daquela temporada.

Após a frustrada e rápida passagem pelo futebol italiano, Lehmann voltou novamente para a Alemanha, mas dessa vez para defender as cores do Borussia Dortmund

Volta à Alemanha… para jogar no rival do clube que o revelou

Pelo clube aurinegro o goleiro foi campeão da Bundesliga na temporada 2001/2002. Ao todo, o arqueiro jogou 179 partidas e sofreu 178 gols, com 63 partidas sem sofrer gols. Na mesma temporada, o clube foi vice-campeão da Copa da Uefa, perdendo a final para o Feyenoord.

O arqueiro teve uma passagem de sucesso e destaque pelo clube alemão e, dessa forma, chamou atenção do clube inglês Arsenal.

Prestígio de Lehmann no Arsenal

Daily Mail Online

Em julho de 2003, os Gunners contrataram o goleiro para ser o substituto do arqueiro inglês David Seaman, titular dos últimos 13 anos da equipe londrina. E foi no Arsenal que o alemão mais conquistou títulos, vencendo uma Premier League (2003/2004), uma Copa da Inglaterra (2004/2005) e uma Supercopa da Inglaterra (2004).

Ao todo, o arqueiro disputou 200 partidas pelos Gunners, sofrendo 168 gols e não levou gol em 80 partidas. As boas atuações pela equipe inglesa convenceram o então técnico da seleção alemã, Jurgen Klinsmann, a escalá-lo como titular na Copa do Mundo em 2006.

Lehmann foi decisivo para a classificação para a final da Champions League 2005/2006, ao defender pênalti cobrado por Juan Roman Riquelme em jogo fora de casa diante do Villarreal.

Na final, o goleiro alemão ficou marcado pela expulsão logo no início da partida, apenas 18 minutos jogados, quando a partida ainda estava 0 a 0. Mesmo saindo na frente, a equipe inglesa não conseguiu segurar o poderoso Barcelona logo nos minutos finais de jogo.

Leia também: Van Nistelrooy: glória no United como um dos melhores atacantes da Europa

Após ter se aposentado oficialmente do futebol ao final da temporada 2009/2010, o goleiro retornou da aposentadoria a pedido do então treinador Arsène Wenger, pois o clube estava com seus três goleiros lesionados.

Após o término do contrato, o goleiro enfim aposentou-se oficialmente.

Fim de carreira no Stuttgart

Já em reta final da carreira, em junho de 2008, o arqueiro voltou para a Alemanha, dessa vez para defender o VfB Stuttgart. Com um contrato de apenas um ano, o goleiro resolveu prolongar a carreira por mais uma temporada, até o final da temporada 2009/2010, quando se aposentou aos 40 anos.

Nas duas temporadas pelo clube alemão, o arqueiro disputou 90 partidas, sofrendo 112 gols e ficando 28 jogos sem levar gols. Foi o único clube que o arqueiro não conquistou títulos.

Período na seleção alemã

Fez sua estreia na seleção em fevereiro de 1998 diante da seleção de Omã, em amistoso antes da Copa do Mundo da França, mas ficou no banco de reservas no Mundial.

Lehmann foi titular da seleção alemã a partir da Copa das Confederações de 1999, mas a seleção não passou das fases de grupos. Na Eurocopa de 2000, o goleiro fez parte do elenco, porém não atuou, ficando como opção no banco de reservas.

O goleiro também esteve presente no grupo vice-campeão mundial na Copa do Mundo de 2002. Porém, após duas copas como reserva, Lehmann enfim virou titular no mundial de 2006 disputado na Alemanha.

(Foto: Getty Images)

Definitivamente, o goleiro foi muito importante na partida diante da Argentina nas quartas de finais. Posteriormente, ele defendeu dois pênaltis, e a seleção conquistou o terceiro lugar no mundial, ao vencer a seleção de Portugal.

Seu último torneio pela seleção alemã foi a Eurocopa de 2008, em que ficou com o vice-campeonato ao perder a final para a seleção da Espanha.