R$ 1,5 bilhão: Arsenal pode ter janela mais agressiva da história

4 minutos de leitura

Agressivo no mercado da bola, o Arsenal caminha para quebrar recorde de investimento em contratações nesta janela de transferências. Depois de chegar tão perto do título da Premier League na última temporada, os Gunners querem montar uma grande equipe para 2023-24, em que disputará Champions League após seis anos, além das principais competições nacionais.

Os jogadores que estão na mira do Arsenal no mercado da bola são:

  • Declan Rice (West Ham)
  • Roméo Lavia ( Southampton)
  • Jurrien Timber (Ajax)
  • Kai Havertz (Chelsea)

Estima-se que o Arsenal gaste 250 milhões de libras (R$ 1,5 bilhão) nas quatro contratações, o que superaria o valor gasto para a última temporada, que chegou a 192,36 milhões de euros (R$ 1 bilhão). Em 2021-22, os Gunners lideraram os gastos na janela de transferências, mesmo com Lionel Messi e Cristiano Ronaldo mudando de time. Na ocasião, o time londrino investiu 165,6 milhões de euros (R$ 866 milhões), superando Manchester United, Manchester City e Chelsea.

Em 2021-22, o Arsenal contratou sete jogadores, mas apenas três vingaram: Ben White, Martin Odegaard e Aaron Ramsdale. Nuno Tavares, Albert Sambi Lokonga e Takehiro Tomiyasu acabaram apenas compondo o elenco no Emirates Stadium.

Contratações do Arsenal para 2023-24

O principal alvo do Arsenal nesta janela é o capitão do West Ham, Declan Rice. Segundo o “The Guardian”, os Gunners fizeram uma proposta oficial de 80 milhões de libras (R$ 488 milhões) pelo jogador da seleção inglesa, mas os Hammers não aceitaram. O “The Athletic” noticiou na manhã desta terça-feira (20) que o clube do técnico David Moyes rejeitou a segunda investida gunner, no valor de 90 milhões de libras quase (R$ 500 milhõe). De acordo com a imprensa britânica, a equipe do Leste de Londres não aceitará uma oferta inferior a 100 milhões de libras (R$ 610,58 milhões).

Sobre Kai Havertz, o Chelsea pede 87 milhões de euros (aproximadamente R$ 460 milhões), mas segundo o jornalista italiano, Fabrizio Romano, especialista no mercado de transferências, os Blues estão flexíveis para negociá-lo por algo em torno de 65 milhões de libras (R$ 397 milhões). Segundo a imprensa britânica, os termos do contrato já foram acertados entre Arsenal e o meia.

Sobre Roméo Lavia, o Southampton pede 45 milhões de libras (R$ 274,779 milhões). Com a negativa de Moises Caicedo, o meia de 19 anos, criado nas categorias de base do Manchester City, é o principal alvo do Arsenal para formar dupla com Declan Rice.

Por fim, a novidade do Arsenal no mercado de transferências é o zagueiro do Ajax Jurrien Timber. Os Gunners fizeram uma proposta de US$ 38 milhões (R$ 181,4 milhões), mas a oferta deve ser rejeitada, já que o Ajax avalia o jogador de 22 anos no valor de US$ 64 milhões (R$ 305,5 milhões). O problema do clube londrino é a concorrência do Bayern de Munique, porém, há otimismo por parte da equipe do técnico Mikel Arteta em levar o jovem prodígio para o Norte de Londres.

Acompanhe tudo sobre o mercado da bola do Arsenal.

Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.