Itália vence e Argentina mantém marca inusitada na Copa do Mundo Feminina

6 minutos de leitura

A Itália venceu a Argentina por 1 a 0, segunda-feira (24), em sua estreia na Copa do Mundo Feminina 2023. A Azurre encontrou um gol no final da partida, em um jogo muito faltoso e com erros dos dois lados no Eden Park, em Auckland, na Nova Zelândia. Com o resultado, a Itália termina a primeira rodada da fase de grupos em segundo lugar, atrás da Suécia, enquanto as hermanas ocupam o último lugar.

Itália (F)
24/07/23 - 03:00

Finalizado

1

-

0

Argentina (F)

Itália (F) - Argentina (F)

Women's Copa do Mundo - Eden Park

1° Turno

Show de gols impedidos

Não dá para dizer que não saíram “gols” na primeira etapa. A Itália marcou duas vezes, mas nas duas oportunidades, a arbitragem marcou impedimento.

O primeiro lance aconteceu aos 13 minutos, quando a meio-campista Caruso, da Juventus, invadiu a área e marcou um golaço no canto das redes. Já o gol seguinte foi marcado por Valentina Giancinti, atacante da Roma, que recebeu a bola livre aos 40 minutos e mandou para o fundo das redes. Nas duas ocasiões, a bandeirinha prontamente apontou a irregularidade e os gols foram anulados sem a necessidade do VAR.

Itália arranca vitória no fim do jogo

O jogo estava encaminhado para terminar em 0 a 0, mas a dupla da Juventus, Lisa Boattin e Arianna Caruso, apareceu para mudar a história da partida. Aos 41 minutos do segundo tempo, Boattin lançou a bola na área e a camisa 10 da Juve subiu para marcar o gol, sem chances para a goleira Correa defender.

Argentina nunca venceu em Copas

No futebol feminino, a Argentina não é uma das potências mundiais. Em sua quarta participação em Copas do Mundo, as hermanas nunca venceram um jogo no torneio – e, com o resultado desta segunda, mantêm a marca. O país tem desenvolvido a modalidade aos poucos.

Em 2019, após uma grande manifestação das jogadoras, a primeira divisão argentina se tornou semiprofissional. A federação instituiu que os times deveriam ter pelo menos 15 atletas contratadas. Jogadoras da seleção também têm alcançado espaço em ligas mais fortes no exterior nos últimos anos, como a meio-campista Estefania Banini, uma das principais atletas do Atlético de Madrid.

Ainda há um longo caminho a percorrer para o futebol feminino na Argentina se tornar mais competitivo. Por ter caído em um grupo mais acessível, as hermanas têm boa chances de enfim conquistar seus primeiros três pontos em uma Copa do Mundo.

Próximos jogos do Grupo G na Copa do Mundo

A Itália volta a campo para a segunda rodada do Grupo G da Copa do Mundo no sábado (29), às 4h30, contra a líder Suécia. Já a Argentina vai em busca da sua primeira vitória contra a África do Sul na quinta-feira (27), às 21h.

A última rodada da fase de grupos tem os dois jogos simultâneos. No dia 2 de agosto, às 4h, teremos Argentina x Suécia e África do Sul x Itália.

Tabela do Grupo G

Veja como está a tabela de classificação do Grupo G:

  1. Suécia – 3 pontos – 1 partida – Saldo de gol (1)
  2.  Itália – 3 ponto – 1 partida – Saldo de gol (1)
  3. África do Sul – 0 ponto – 1 partida – Saldo de gol (-1)
  4. Argentina – 0 ponto – 1 partida – Saldo de gol (-1)
Maria Tereza Santos
Maria Tereza Santos

Jornalista pela PUC-SP. Na PL Brasil, escrevo sobre futebol inglês masculino E feminino, filmes, saúde e outras aleatoriedades. Também gravo vídeos pras redes e escolhi o lado azul de Merseyside. Antes, fui editora na ESPN e repórter na Veja Saúde, Folha de S.Paulo e Superesportes.