Inter de Milão: os 5 maiores ídolos da história

2 minutos de leitura

O futebol italiano sempre contou com um celeiro de craques, e com a Internazionale de Milão não foi diferente. Com uma história regada de títulos e jogos históricos, a Inter de Milão foi fundada em 1908 e teve destaques na década de 30, 60, 80 e final dos anos 2000. Assim, escolher os cinco maiores ídolos da história da Inter é uma tarefa complicada, mas nos aprofundamos na rica história do clube e citaremos os maiores jogadores da história da Inter de Milão. Confira abaixo.

Javier Zanetti

Títulos: 

  • 1x – Mundial de Clubes (2010)
  • 1x – Liga dos Campeões (2009/10)
  • 1x -Copa da Uefa (1997/98)
  • 5x – Serie A (2005/06, 2006/07, 2007/08, 2008/09 e 2009/10)
  • 4 x – Copa da Itália (2004/05, 2005/06, 2009/10 e 2010/11)
  • 4x- Supercopa da Itália (2005, 2006, 2008 e 2010)

O lateral-direito Javier Zanetti estreou na Inter de Milão no dia 27 de agosto de 1995 e atuou no clube até 2014. De lá para cá foram 16 troféus com a camisa Nerazzurri, realizando 858 jogos, com 21 gols e 33 assistências. O argentino tinha como principais características a força, velocidade e um lateral completo que sabia se defender e marcar. Além disso, Zanetti era muito leal com seus adversários. Isso porque ele tomou apenas um cartão vermelho e 54 amarelos em 18 temporadas.

Giuseppe Meazza

Títulos: 

  • 2x – Copa do Mundo (1934 e 1938)
  • 2x – Serie A (1929/30 e 1937/38)
  • 1x – Copa da Itália (1938/39)
  • 2x- Copa Internacional (2; 1927-30 e 1933-35)

Giuseppe Meazza leva o nome do estádio quando a Inter de Milão atua como mandante. Meazza jogava como meia ou atacante e foi campeão de dois mundiais com a camisa da seleção italiana. Na Inter, atuou de 1927 até 1940 e na temporada 1946/47. Apesar de ter passado pelos rivais Milan e Juventus, o craque vestiu a camisa do clube por 15 anos. Foram 409 partidas e mais de 284 gols, se tornando o maior artilheiro da história da Nerazzurri. Meazza faleceu no dia 21 de agosto de 1979, aos 68 anos.

Giacinto Facchetti

Giacinto Facchetti Inter de Milão
Giacinto Facchetti (Foto: Iconsport)

Títulos: 

  • 2x – Mundial de Clubes (1964 e 1965)
  • 4x – Serie A (1962/63, 1963/64, 1965/66 e 1970/71)
  • 1x – Copa da Itália (1977/78)
  • 2x – Copa dos Campeões (1963/64 e 1964/65)
  • 1x  – Eurocopa (1968)

O lateral-esquerdo Giacinto Facchetti é o defensor com maior número de gols do Campeonato Italiano. Ao todo foram 60 bolas nas redes em 18 temporadas, acumulando mais de 600 jogos. Facchetti tinha 1,94 cm e apesar da alta estatura para um lateral, tinha bastante habilidade, sabendo se defender e atacar. Além de jogador, foi diretor e presidente da Inter de Milão. O ídolo faleceu em 2006 e teve a camisa “3” aposentada pelo clube.

Sandro Mazolla

Títulos: 

  • 2x – Mundial de Clubes (1964 e 1965)
  • 4x – Serie A (1962/63, 1963/64, 1965/66 e 1970/71)
  • 2x – Copa dos Campeões (1963/64 e 1964/65)
  • 1x  – Eurocopa (1968)

Sandro Mazolla certamente é mais um dos grandes ídolos da Inter de Milão. O craque atuava pelo meio ou ala aberto pela direita, com grande velocidade e muita habilidade. Foram 565 jogos em 18 anos, marcou 160 gols e é o quarto maior artilheiro da história do clube. Mazolla era jogador de grandes partidas, decidindo a final da Copa dos Campeões e marcando gols decisivos contra o Milan. Aos 80 anos, o ídolo italiano também foi vice-campeão do mundial de 70 com a Azurra, perdendo a final para o Brasil por 4 a 1.

Ronaldo

Títulos: 

  • 1x – Copa do Mundo (2002)
  • 1x – Copa das Confederações (1997)
  • 1x – Copa América (1999)
  • 1x  – Copa da Uefa (1997)

Três vezes melhor do mundo, Ronaldo é considerado um dos maiores atacantes da história do futebol mundial. Apesar de atuar apenas cinco anos na Inter de Milão, conviver com lesões e sem conquistar títulos, o brasileiro fez história com camisa do clube italiano, marcado pela sua força física, velocidade e dribles rápidos, além é claro da facilidade de balançar as redes. Foram 99 partidas, 59 gols e 10 assistências.

 

Vitor R Vigorito
Vitor R Vigorito