Inter de Milão x Benfica: jogo de seis gols garante italianos na semifinal da Champions League; veja notas

3 minutos de leitura

Inter Milan
19/04/23 - 16:00

Finalizado

3

-

3

Benfica

Inter Milan - Benfica

UEFA Liga dos Campeões - Giuseppe Meazza

3rd Turno

Inter de Milão ficou no empate por 3 a 3 com o Benfica nesta quarta-feira (19), no San Siro, em Milão, e selou sua classificação para as semifinais da Champions League. Barella, Lautaro Martínez e Correa fizeram os gols para os italianos, que já tinham a vantagem após o 2 a 0 conquistado em Lisboa. Aursnes, António Silva e Musa marcaram para os portugueses, que correram atrás do placar durante todo o jogo.

Leia mais:

As atuações de Inter de Milão x Benfica

Destaques da Inter de Milão

Lautaro Martínez – 7,5

Um gol e uma assistência que definiram de vez o confronto em Milão. O primeiro foi um passe despretensioso para Barella, que abriu o placar com um chutaço de fora da área. Depois, já no segundo tempo, o argentino completou o cruzamento de Dimarco para fazer 2 a 1. O atacante ainda deu o lugar para o compatriota Correa, que fez o terceiro com um belo chute no canto de Vlachodimos.

Barella – 7,0

Depois de marcar na partida de ida, o meia voltou a balançar as redes em Milão — desta vez com um golaço. O maior personagem do confronto que devolveu a Inter às semifinais da Champions também coroa uma temporada como grande destaque da Inter.

As notas da Inter de Milão

  • Onana – 5,5
  • Darmian – 6,0
  • Acerbi – 6,0
  • Bastoni – 6,5
  • Dumfries – 6,0
  • Barella – 7,0
  • Brozovic – 6,5
  • Mkhitaryan – 6,0
  • Dimarco – 7,0
  • Lautaro Martínez – 7,5
  • Dzeko – 6,5
  • Lukaku (Dzeko) – 6,0
  • Correa (Lautaro Martínez) – 7,0
  • Çalhanoglu (Barella) – 6,0
  • Gosens (Dimarco) – sem nota
  • D’Ambrosio (Bastoni) – sem nota

Destaques do Benfica

Grimaldo – 7,0

Foi quem mais tentou do lado do Benfica, aparecendo sempre como boa opção pela esquerda. Ele viu Rafa Silva cruzar para Aursnes diminuir, o próprio bateu uma falta na cabeça de António Silva, que marcou o segundo gol do Benfica, e Grimaldo ainda fez a jogada do terceiro gol, já nos acréscimos, marcado por Musa.

David Neres – 6,5

O ponta brasileiro voltou a entrar bem no segundo tempo, a exemplo do que fez na partida de ida, e até acertou a trave. Mesmo assim, não foi o suficiente para dar alguma esperança aos benfiquistas.

As notas do Benfica

  • Vlachodimos – 5,5
  • Gilberto – 5,5
  • António Silva – 6,5
  • Otamendi – 6,0
  • Grimaldo – 7,0
  • Florentino – 5,5
  • Chiquinho – 5,5
  • João Mario – 6,0
  • Rafa Silva – 6,0
  • Aursnes– 6,5
  • Gonçalo Ramos – 5,0
  • David Neres (Gilberto) – 6,5
  • Gonçalo Guedes (Gonçalo Ramos) – 5,5
  • Musa (Chiquinho) – 6,5
  • João Neves (Rafa Silva) – sem nota
  • Schjelderup (João Mario) – sem nota

O resultado classifica a Inter de Milão para as semis da principal competição europeia pela primeira vez em 13 anos. Na última oportunidade que alcançou essa fase, a Inter, na época treinada por José Mourinho, acabou campeã da Champions. E o adversário não poderia ser maior: será o heptacampeão e rival Milan, que eliminou o Napoli e volta a estar entre os quatro melhores europeus pela primeira vez em 16 anos (na última vez, os milanistas também levantaram a taça). Os jogos estão marcados para 9 e 16 de maio.

Os nerazzurri voltam a campo no próximo domingo (23), contra o Empoli, pela liga italiana. Já ao Benfica resta tentar manter a vantagem de quatro pontos para o Porto no Campeonato Português. O próximo jogo é diante do Estoril, também no domingo.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da PL Brasil desde 2023. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja e fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]