Southgate avalia utilizar três zagueiros na Inglaterra em meio a ‘caminhão’ de possíveis desfalques

5 minutos de leitura

A Inglaterra terá, novamente, a oportunidade de afastar os comentários negativos e se aproximar do título da Eurocopa 2024. Porém, o técnico Gareth Southgate pode trabalhar com mudanças cruciais na escalação, em meio ao risco de desfalques de peso.

No sábado (6), às 13h (horário de Brasília), a Inglaterra enfrenta a Suíça pelas quartas de final da Euro. Quem vencer garante a vaga na semifinal, enquanto quem perder se despede do torneio.

Southgate considera fazer grande mudança na Inglaterra

Enquanto se prepara para enfrentar a Suíça, Southgate explora um outro sistema tático. Segundo informações do “Daily Mail”, durante os treinos realizados nesta quarta-feira (3), o treinador utilizou a formação com três zagueiros.

Se optar por essa formação, a tendência é que John Stones, Kyle Walker e Ezri Konsa formem a linha de zagueiros. Isso porque Guehi, que tem sido o titular na Eurocopa, está suspenso.

Caso opte por essa mudança, não vai ser uma novidade para a seleção inglesa. Southgate utilizou o esquema tático de 3-5-2 durante a prorrogação na vitória contra a Eslováquia, nas oitavas de final.

O uso de três zagueiros foi a opção preferida de Southgate por um tempo. Esse foi o sistema utilizado na Copa do Mundo de 2018, com a seleção fechando o torneio em quarto lugar. Ela também apareceu em alguns momentos na Euro 2020, na qual os ingleses ficaram com o vice-campeonato.

No entanto, segundo fontes consultadas pelo “Daily Mail”, também existe a possibilidade da formação inicial ser o 4-2-3-1. A mudança pode acontecer no decorrer do jogo, caso os ingleses encontrem dificuldades para derrotar a Suíça.

Seleção da Inglaterra comemora vitória sobre Eslováquia
Seleção da Inglaterra comemora vitória sobre Eslováquia (Foto: IMAGO/Focus Images)

Inglaterra pode sofrer com desfalques de peso

Além do desempenho, que não vem agradando os torcedores, a Inglaterra corre o risco de ver os principais jogadores fora da reta final da Eurocopa.

Bellingham está sendo investigado pela Uefa, que considerou a comemoração no gol marcado contra a Eslováquia como um gesto obsceno. Porém, além de sofrer punições pelo caso, a estrela do Real Madrid está pendurada e pode perder o jogo da semifinal caso receba um cartão amarelo.

De acordo com as regras do torneio, o jogador que somar dois cartões amarelos deverá cumprir suspensão no jogo seguinte. Essa contagem é zerada nas semifinais.

Para piorar, Bellingham não é o único jogador que corre o risco de ser suspenso. Trippier, Foden, Mainoo e Gallagher também estão pendurados e, em caso de vitória diante da Suíça, podem perder a disputa da semifinal caso levem um novo cartão.

Jude Bellingham em campo pela Inglaterra.
Jude Bellingham em campo pela Inglaterra. Foto: Icon Sport
Gabriel Lemes
Gabriel Lemes

Me formei em Jornalismo pela Univap em 2019 e sou redator da PL Brasil. Já escrevi para o Quinto Quarto, Minha Torcida, Futebol na Veia e Portal Famosos.