Inglaterra na Euro: 10 nomes que faltaram na convocação

11 minutos de leitura

Com muitas surpresas, Gareth Southgate convocou 33 jogadores para a preparação da Inglaterra rumo à Eurocopa 2024. Após um período de treinos e dois amistosos, sete atletas serão cortados e um elenco de 26 nomes partirá para a disputa na Alemanha.

Opções não faltaram ao treinador. A geração inglesa é muito talentosa e oferece nomes qualificados para Southgate. Dessa forma, bons jogadores fatalmente ficam fora da lista. A PL Brasil separou 10 jogadores que poderiam ser convocados para o English Team, mas foram preteridos.

Mereciam vaga? 10 jogadores ignorados por Gareth Southgate na convocação da Inglaterra

Ben White (Arsenal)

Não é o futebol o motivo pelo qual White não foi chamado. A ausência do jogador se justifica a partir de uma má relação que ele tem com a comissão técnica desde a Copa do Mundo de 2022, quando entrou em rota de colisão com o auxiliar Steve Holland. Em entrevista coletiva, Southgate justificou a falta do gunner alegando que ele não está disposto a participar da seleção inglesa.

— Não falei com Ben White. Pelo que sei, ele não está disponível para nós.

Galeno Porto Arsenal
Galeno e Ben White em Porto x Arsenal pela Champions League (Foto: Icon Sport)

É um desfalque importante para a Inglaterra. Polivalente, White pode jogar como zagueiro e lateral-direito. Na Premier League, foi um dos melhores defensores e terminou o campeonato com quatro gols e quatro assistências.

Dominic Solanke (Bournemouth)

A concorrência de Watkins, Kane e Toney é pesada, mas Dominic Solanke fez por merecer um chamado à seleção inglesa. O jogador foi um dos melhores atacantes da Premier League e viveu uma temporada mágica com o surpreendente Bournemouth, como mostram os números.

Solanke na Premier League 2023/24

  • 38 jogos (37 como titular)
  • 19 gols (quarto artilheiro da liga)
  • 3 assistências

Jadon Sancho (Borussia Dortmund)

Por conta de sua primeira metade de temporada ruim no Manchester United, Jadon Sancho saiu muito atrás na corrida pela Eurocopa. Porém, o meia-atacante se recuperou e conduziu o Borussia Dortmund à final da Champions League. Pode não ter sido suficiente, mas o jogador se colocou novamente na briga por uma vaga no English Team.

Borussia Dortmund
Sancho pertence ao Manchester United e joga pelo Borussia Dortmund (Foto: Icon Sport)

Marcus Rashford (Manchester United)

É fato que a temporada de Rashford no Manchester United é terrível. São apenas oito gols em 42 jogos. Segundo Southgate, foi esse o motivo para o atacante não ter sido convocado.

— Sinto que outros jogadores nessa área do campo tiveram temporadas melhores. É isso.

Mas… na Inglaterra, Rashford quase sempre correspondeu. Se consolidou como um homem de confiança do treinador e foi importante nas campanhas inglesas nas Copas do Mundo de 2018 e 2022 e na Eurocopa disputada em 2021.

Saka e Rashford em ação pela Inglaterra
Saka e Rashford na Inglaterra (Foto: Icon Sport)

Morgan Gibbs-White (Nottingham Forest)

Se o Nottingham Forest não caiu, muito se deve a Gibbs-White. O talentoso meio-campista foi o maestro dos Reds na temporada e ajudou a equipe a conquistar pontos importantes. Ele concedeu dez assistências e fez seis gols em 2023/24. Mas, assim como Solanke, enfrenta uma concorrência muito dura.

Gibbs-White no Forest (Foto: Icon sport)

Levi Cowlill (Chelsea)

Cowlill foi um dos nomes mais injustiçados da lista de Southgate. O defensor do Chelsea fez uma boa temporada, mas foi preterido a nomes como Jarrad Branthwaite, Marc Guehi e Jarel Quansah. A ausência do zagueiro dos Blues foi muito questionada na Inglaterra.

O jogador era muito esperado na convocação, até por já ter certa experiência com o time nacional. Colwill já foi convocado outras vezes, mas perdeu espaço para o novato Quansah.

Levi Colwill é um dos zagueiros mais promissores do Chelsea
Colwill pela Inglaterra (Foto: Icon Sport)

Reece James (Chelsea)

Em condições normais, Reece James dificilmente seria esquecido por Southgate. Ocorre que o lateral-direito do Chelsea teve uma temporada complicada recheada de lesões. Ao mesmo tempo, o lado direito da defesa é um dos mais concorridos, com nomes do quilate de Kyle Walker, Alexander-Arnold e Kieran Trippier.

O mesmo não acontece na esquerda, em que Luke Shaw é chamado mesmo sem entrar em campo há meses por conta de contusão.

Ben Chilwell (Chelsea)

Luke Shaw só foi convocado porque as opções para a lateral-esquerda não passam muita confiança para Southgate. Uma delas, Ben Chilwell, ficou fora da lista depois de uma temporada ruim no Chelsea, que também teve as lesões como protagonista.

Eric Dier (Bayern de Munique)

Até a metade da temporada, Eric Dier era carta fora do baralho. Mas desde que foi para o Bayern de Munique, o zagueiro revolucionou sua própria carreira e voltou aos bons tempos. Destaque do gigante alemão, o veterano chegou a ser cogitado na convocação, mas já não havia mais tempo.

Gareth Southgate elogiou o momento de Dier, mas ponderou que existem jogadores em sua frente na hierarquia inglesa neste momento.

— Achamos que ele está atrás dos outros caras que selecionamos. Assistimos a todos os jogos. Ele também jogou bem em alguns jogos importantes da Champions League por isso estávamos conscientes. Mas avaliamos de forma geral.

Dier e Kane, ex-Tottenham no Bayern de Munique, enfrentarão o Arsenal (Foto: Icon Sport)
Dier e Kane, do Tottenham para o Bayern (Foto: Icon Sport)

Fikayo Tomori (Milan)

Outro zagueiro muito bem avaliado pelos ingleses é Fikayo Tomori, do Milan. Contudo, mais uma vez, não houve espaço para sua convocação. Ele já havia ficado longe dos planos para a Copa do Mundo de 2022, quando vivia um momento ainda melhor.

Outros jogadores como Jordan Henderson (Ajax), Ross Barkley (Luton), Harvey Elliott (Liverpool) e Ruben Loftus-Cheek (Milan) foram ausências sentidas na convocação de Southgate.

A Eurocopa começa para a Inglaterra no dia 16 de junho, quando o elenco de 26 jogadores já estará fechado. Antes, os 33 escolhidos participarão uma forte preparação e de dois jogos amistosos.

  • Inglaterra x Bósnia – 03/06 – 15h45 (horário de Brasília) – St James’ Park
  • Inglaterra x Islândia – 07/06 – 15h45 (horário de Brasília) – Wembley
Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.