Não é o Borussia Dortmund: Aubameyang indica ex-time para Klopp treinar

4 minutos de leitura

De maneira chocante, o técnico Jürgen Klopp avisou que deixará o Liverpool no final desta temporada, e seu futuro tem sido debatido desde então. Inicialmente, a ideia do alemão é tirar um ano sabático.

No entanto, o anúncio de que Xavi Hernández também deixará o Barcelona acendeu rumores sobre uma possível ida do técnico dos Reds à Catalunha. Para Pierre-Emerick Aubameyang, ídolo recente do Arsenal e que jogou no Barça, a junção dos dois faz sentido.

Klopp no Barcelona?

A vontade de tirar um ano sabático e seu alto salário são os dois obstáculos que o Barça deveria superar caso opte pela contratação do treinador alemão. Ainda assim, a direção entende que é possivelmente o nome mais qualificado no mercado.

Klopp Liverpool
Foto: Icon Sport)

Aubameyang, em uma entrevista ao jornalista espanhol Gerard Romero, elogiou tanto Klopp quanto Xavi. O técnico alemão contratou Aubameyang para o Borussia Dortmund em 2013, e no clube aurinegro compartilharam duas temporadas em que o atacante disputou 94 partidas, marco 41 gols e deu 16 assistências.

Sob o comando de Xavi, ele jogou 24 partidas, deu uma assistência e marcou 13 gols, dois deles na goleada do Barcelona por 4 a 0 sobre o Real Madrid em pleno Santiago Bernabéu. A vitória encerrou uma sequência de cinco derrotas do Barça para o maior rival.

Aubameyang ‘banca’ a ideia

O ex-jogador do Arsenal, que deixou o clube londrino após ver a relação com o técnico Mikel Arteta se tornar insustentável, afirma que o estilo de Klopp combinaria muito com o Barcelona.

— Klopp é um vencedor. Sua maneira de ser se encaixa no Barça. Klopp dá tudo, energia, ganhou grandes títulos, é um bom treinador. Se houver a possibilidade para o Barça, é uma boa opção. Eu me senti muito bem com ele no Dortmund. Seria incrível se ele pudesse vir – disse.

Mercado: Barcelona impõe condições para volta de atacante
Foto: Icon Sport

Dito isso, o atacante gabonês, atualmente no Olympique de Marselha, convidou os culés a continuarem confiando no Barça e em Xavi: “A temporada ainda não acabou para o Barça. A liga e a Champions estão por vir. Sofremos, mas é preciso dar tudo para conquistar algo”.

Aubamenyang por Borussia Dortmund e Arsenal:

  • 213 jogos pelo Borussia Dortmund
  • 141 gols
  • 36 assistências
  • 3 títulos
  • 163 jogos pelo Arsenal
  • 92 gols
  • 21 assistências
  • 2 títulos

Aubameyang fez uma retrospectiva de sua passagem breve, mas intensa, pelo Camp Nou:

— Não tenho nenhuma queixa sobre o Barça, assim é a vida. Passei pouco tempo aqui, mas o mais importante é a boa lembrança que tenho. Acho que o problema para não continuar no Barça foi a questão econômica. Eu era um dos poucos jogadores que o clube poderia vender, senão acho que poderia ter ficado mais anos – lamentou.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]