Howard Webb elege personalidades mais difíceis com quem lidou na Premier League

Everton, Stoke, David Moyes e Craig Bellamy figuram na lista do ex-árbitro

Howard Webb elege personalidades mais difíceis com quem lidou na Premier League

Howard Webb é mais uma das várias figuras icônicas da Premier League. Atualmente aposentado, o ex-árbitro do futebol inglês elegeu uma lista de jogadores, torcidas e técnicos mais difíceis com quem lidou em toda a sua carreira como juiz na terra da Rainha. Em entrevista cedida ao jornal Daily Mail, Webb contou experiências e histórias de sua carreira.

Howard Webb elege os obstáculos na sua carreira na Premier League 

Clubes

“As duas equipes com quem tive mais dificuldade de lidar em seus estádios foram Everton e Stoke City”, revelou. “As duas torcidas são muito fanáticas que, obviamente, empurram seus clubes. Em Stoke, os torcedores têm boa reputação, penso. Entretanto, nós, árbitros, éramos geralmente hostilizados durante as partidas. Era uma vantagem para o time.”

“Com o Everton era a mesma coisa. Mais uma vez, um ótimo clube atrás dos bastidores. Os torcedores são muito frenéticos. Mesmo as jogadas claramente faltosas eram recebidas com sonoras vaias. A faixa de campo mais próxima das arquibancadas atrás dos gols era a mais difícil de trabalhar. Você certamente ouviria a pressão vinda de lá.”

Leia mais: Pochettino é um dos melhores treinadores do futebol mundial, diz Guardiola

Técnicos

“Todos os técnicos têm os seus momentos, mas, sem sombra de dúvidas, David Moyes era o que menos tinha amor pela profissão dos árbitros. Da Premier League, ele é o comandante que mais criticava minhas decisões, muito mais do que os outros.”

Jogadores

“O jogador mais difícil com quem lidei na Premier League foi Craig Bellamy. Batalhei para ter um relacionamento sadio com Craig. De novo… um ótimo jogador. Mas, nos gramados, ele era igualmente rápido em dizer sua opinião e não dar a mínima para o que eu falava.”

“Existem outros jogadores como Joey Barton e Robbie Savage que também encaixam nessa categoria. Eles colocavam o coração na ponta das chuteiras. Também eram de opinião forte, mas nada que comprometesse o nosso diálogo. Fui feliz por ter trabalhado de forma saudável com eles”.

Carreira

Howard Webb apitou cerca de mil partidas no total, válidas por todas as competições profissionais da Inglaterra (Premier League, Copa da Inglaterra, Copa da Liga Inglesa e Supercopa da Inglaterra), além dos torneios internacionais e continentais. Em 2010, Webb foi o primeiro árbitro da história a apitar uma final de Champions League e Copa do Mundo no mesmo ano.