Há 25 anos, Ronaldo chegava na Inter de Milão

Há 25 anos, Ronaldo chegava na Inter de Milão
Há 25 anos, Ronaldo chegava na Inter de Milão

Decerto, Ronaldo é um dos maiores jogadores do futebol mundial. Com isso, o fenômeno fez história em todos os clubes por onde passou. Assim, uma de suas passagens mais marcantes foi na Inter de Milão. Dessa forma, faz 25 anos que Ronaldo era apresentado na nerazzurri.

Nesse ínterim, Em 25 de julho de 1997, revelado no Cruzeiro, se destacar no PSV e ganhar status de grande estrela no Barcelona, Ronaldo, na época Ronaldinho,  chegava à Inter como grande contratação da janela de transferências da época.

Em um vídeo publicado nas suas redes sociais, a Inter de Milão relembrou o dia da chegada daquele que seria conhecido mundialmente como Fenômeno. Nas imagens, é possível ver toda a mobilização do clube e dos torcedores nerazzurri, que enlouqueceram com a apresentação de Ronaldo, com a camisa 10 (o seu número 9 estava com o centroavante chileno Iván Zamorano). Decerto, mostrando a força que tinha aquele elenco.

Uma estrela em Milão: Ronaldo

A contratação de Ronaldinho pela Inter de Milão pegou o mundo do futebol de surpresa, já que o atacante estava completamente adaptado no Barcelona, sendo artilheiro e conquistando títulos (Copa do Rei 1996, Supercopa da Espanha 1996 e Recopa da Europa 1996/97). Vendo uma brecha por uma suposta decepção do brasileiro com o presidente Josep Lluis Núñez por não ter recebido um aumento salarial. Assim, o clube italiano pagou 32 milhões de dólares pela rescisão contratual. Hoje, parece um valor muito baixo para um jogador desse nível. Mas, na época era um valor astronômico.

Ronaldo jogou pela Inter de Milão entre 1997 e 2002, completando 99 jogos e marcando 59 gols. Pela equipe italiana, campeão da Copa da Uefa 1997/98 (hoje conhecida como Europa League), além de ter recebido a Bola de Ouro (como não existia o Fifa The Best, era a premiação dada ao melhor jogador do mundo na época) em 1997 e 2002.

Lesão

No entanto, não foram apenas as glorias que marcaram sua passagem na Inter. Pois, Foi na Internazionale também que Ronaldo teve suas mais graves lesões. Na temporada 1999/00, o brasileiro machucou o joelho contra o Lecce. Em 12 de abril de 2000, contra a Lazio, a lesão que assustou o mundo e atormentou o brasileiro por toda a sua carreira: seu joelho direito cedeu no primeiro drible e saiu do lugar. Ao passo que, essa é uma das lesões mais famosas da história do futebol.

Mas Ronaldo mostrou muita resiliência para suportar as dores e os dramas da recuperação que durou mais de 15 meses. Com os gols marcados pela Inter de Milão antes da grave lesão e pela excelente volta por cima, que culminou com o título da Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Coreia do Sul e do Japão, em 2002. Com isso, ganhou o apelido de Fenômeno.

Após a Internazionale, Ronaldo Fenômeno se transferiu em 2002 para o Real Madrid, onde ficou mais cinco temporadas. Depois, foi para o Milan. Onde, a transferência o transformou em traídor para alguns torcedores da nerazzurri.