Guia do Huddersfield Town Premier League temporada 2018/2019

Confira esse material completo sobre a temporada dos Terriers

0
265
Guia do Huddersfield Town Premier League 4
Mounié foi um dos destaques do Huddersfield na última campanha (Reprodução/Stadium Astro)

Confira o mais completo guia do Huddersfield Town Premier League temporada 2018/2019, produzido pela equipe da PL Brasil:

Passada a primeira temporada após o retorno do Huddersfield Town a Premier League depois de quase meio século longe da principal competição da inglesa, os Terriers chegam com um pouco mais de fôlego para disputar a temporada 2018/2019.

O tricampeão inglês fez uma campanha fidedigna às expectativas que giravam o John Smith's Stadium, depois do seu regresso. Apesar de ter feito um bom mercado, o clube era apontado como um dos que brigariam para não voltar a Championship, e assim o fez até as rodadas finais.

Leia mais: Valor de mercado de Martinelli triplica em cinco meses 
Guia do Huddersfield Town Premier League 4
Mounié foi um dos destaques do Huddersfield na última campanha (Reprodução/Stadium Astro)

Após empatar com o Chelsea em Stamford Bridge por 1 a 1, em partida atrasada da 35ª rodada, os Terriers finalmente alcançaram o objetivo desejado desde a sua volta à primeira divisão.

Se quiser prolongar sua estadia na Premier League, o Huddersfield precisa de melhorias nos dois principais setores do time. Na última temporada os Terriers marcaram apenas 28 gols, número que lhe deixou com a marca de pior ataque da competição ao lado do rebaixado Swansea.

Na defesa o resultado também foi alarmante, mas nesse quesito a equipe do John Smith's Stadium não carregou o primeiro lugar. Com 58 gols sofridos, o Huddersfield terminou a campanha de retorno a Premier League como a sexta defesa mais vazada da competição.

Para comandar a equipe, o homem responsável por conduzir o time nortenho será mais uma vez o norte-americano David Wagner. Ele mantém-se no comando desde a temporada 2015/2016, e foi o homem que preparou o Huddersfield para voltar à Premier League.

Apesar de buscar reforços pontuais, os Terriers ainda deve ser nivelado pelos times do mais baixo escalão dessa edição, que promete ser uma das melhores dos últimos tempos, com times tradicionais se reforçando surpreendentemente bem.

Por outro lado, é possível perceber que a diferença não é muito acentuada, o que faz com que não seja uma surpresa, caso o Huddersfield consiga um espaço no meio da tabela.

Quem saiu?

Dean Whitehead (aposentadoria), Robert Green (Chelsea, free-agent), Jack Payne (Bradford City, empréstimo), Sean Scannell (Bradford City, não revelado), Tareiq Holmes-Dennis (Bristol Rovers, não revelado), Tom Ince (Stoke City, £10m), Joel Coleman (Shrewsbury Town, empréstimo), Jordy Hiwula (Coventry City, não revelado), Scott Malone (Derby County, £2.7m), Jordan Williams (Barnsley, não revelado), Michael Hefele (Nottingham Forest, empréstimo)

Quem chegou?

Ben Hamer (Leicester City, free-agent), Terence Kongolo (Mônaco, £17.5m), Ramadan Sobhi (Stoke City, £5.7m), Juninho Bacuna (Groningen, não revelado), Erik Durm (Borussia Dortmund, não revelado), Adama Diakhaby (Mônaco, £8m), Isaac Mbenza (Montpellier, empréstimo)

Destaque – Aaron Mooy

Guia do Huddersfield Town Premier League
Arte: Gabriel Leal

Aaron Mooy está há dois anos vestindo a camisa do Huddersfield, sendo uma das principais peças do meio-campo de David Wagner na temporada passada, quando disputou 36 das 38 rodadas, sendo titular em 34 delas.

Em junho, o australiano disputou a Copa do Mundo da Rússia. Foi titular nas três partidas disputadas pela seleção australiana, sendo um dos jogadores mais regulares da equipe.

Fique de olho

Guia do Huddersfield Town Premier League 2
Reprodução/Getty

Jogando pela ponta esquerda, o reforço Ramadan Sobhi, ex-Stoke City, pode causar problemas com suas infiltrações da lateral para o meio-campo na tentativa de usar sua perna direita para o arremate.

O jovem egípcio alia velocidade e dribles curtos para se livrar dos seus marcadores, que se não acompanharem na velocidade, terão que pará-lo com faltas. Na temporada passada ele jogou 24 vezes pelo Stoke, sendo titular em 12 delas, tendo marcado 2 gols.

Posição na última temporada da PL

16º lugar

Títulos do Campeonato Inglês

3 títulos

Time-base do Huddersfield Town

3-4-3 – Lössl; Kongolo, Schindler, Zanka; Durm, Hogg, Mooy, La Parra; Quaner, Mounié, Sobhi

Arte: Guilherme Lima/Julio Puiati

Palpites

Guia do Huddersfield Town Premier League temporada 2018/2019

[playbuzz-item item=”491d1aa2-19bf-4780-a53f-3f595d257bda” wp-pb-id=”951154″]