Guardiola ironiza e diz o que Manchester United precisa fazer para rivalizar com City na Premier League

1 minuto de leitura

Após vencer a Copa da Liga Inglesa, o Manchester United foi assunto na entrevista coletiva de Pep Guardiola, na última segunda-feira (27), antes do duelo entre Manchester City e Bristol City, pela FA Cup. O técnico catalão parabenizou o clube pelo título, e Erik Ten Hag pelo trabalho que vem sendo desenvolvido, mas não deixou de alfinetar o rival por conta da relação desregulada entre investimentos e desempenho dos Red Devils.

O Manchester United encerrou um jejum de seis anos sem títulos com a conquista diante do Newcastle. Guardiola parabenizou os antagonistas, elogiou a vitória sobre o Newcastle, mas ponderou sobre a demora do rival em vencer um torneio. O Manchester City havia vencido quatro das últimas cinco edições anteriores da Copa da Liga.

Parabéns ao United pela Copa da Liga Inglesa, e também ao Newcastle , o jogo foi divertido (…) Mais cedo ou mais tarde isso deveria acontecer, não deveria? Bem-vindos, brincou o treinador do City.

Pep Guardiola foi questionado se o Manchester United poderá se tornar um adversário real ao City na Premier League desta e das próximas temporadas. Sempre autêntico, o técnico ironizou sobre o investimento do rival que, apesar de alto, não se traduziu em bons resultados dentro das quatro linhas nos últimos anos.

Se eles gastarem um pouco mais de dinheiro, sim! É porque não gastaram, não é? – questionou Guardiola em meio a sorrisos.

Desde que Guardiola desembarcou na Inglaterra, o Manchester United nunca ficou à frente do Manchester City em uma classificação final de Premier League.

O momento atual é um dos de menor diferença entre os rivais, separados por seis pontos de vantagem para os Sky Blues, que possuem um jogo a mais.

O treinador ex-Barcelona revelou que imaginou que o United seria um adversário constante e direto em suas tentativas na Inglaterra. Porém, Guardiola reconheceu que Liverpool e Manchester City conseguiram se sobressair em relação aos rivais.

Quando cheguei aqui, pensei que o United sempre estaria lá(topo), pela história, por tudo (…) “O United tem que estar lá. Como adversários, fomos melhores nas temporadas anteriores, e agora eles estão mais pertos. Tudo pode acontecer na Premier League. É normal, eles estão na posição que normalmente deveriam estar. A realidade é que dois times, Liverpool e nós, se saíram incrivelmente bem nos últimos anos, analisou Pep Guardiola.

Na atual temporada, Manchester United e Manchester City se enfrentaram duas vezes, com uma vitória por 6 a 3 dos Citizens, e outra de 2 a 1, para os Red Devils.

Lucas Barbosa
Lucas Barbosa

Redator da PL Brasil. Foi por meio da Premier League, na tela do antigo Esporte Interativo, em 2007, que o Jornalismo entrou na minha vida. Duas paixões que abriram portas e me fazem realizar sonhos todos os dias. Passei pelos portais Mais Minas e Esporte News Mundo.