Guardiola fala sobre novo elenco e falta de lateral-esquerdo

Pep Guardiola falou sobre a nova formatação do elenco do Manchester City na temporada 2022/23. Portanto, com a saída de seis jogadores, o clube trouxe quatro reforços, mas ainda tem grande carência na lateral esquerda.

Decerto, Pep falou que gosta de trabalhar com elenco curto, mas mostrou ansiedade para conseguir a aquisição de um novo nome para atuar no lugar de Zinchenko, que deixou os citizens para jogar no Arsenal:

“Gosto de trabalhar com poucos jogadores e ter todos envolvidos. É o que é. Mostramos nos últimos anos que temos um elenco pequeno e estamos lá nas últimas etapas. Temos uma janela de transferências no inverno, onde podemos fazer algo que não podemos fazer agora.

Nada de especial. Somos iguais. Josh está lá. João está lá. Nathan está lá. Veremos. Temos duas semanas até o final do mês e veremos”.

Em suma, falando sobre a possibilidade de novas contratações, Guardiola mostrou que o City está buscando resolver as pendências do elenco. Ainda assim, pela dificuldade dos acordos, principalmente pelos valores, a base será bem utilizada neste início de 2022/23:

“Há muitos jogadores ao redor do mundo e muitos deles podem se adequar perfeitamente a esse time e ao jeito que somos. O mercado de transferências é muitas vezes difícil. Vender é mais difícil do que comprar, mas às vezes não é possível. Temos uma academia e veremos”.

Portanto, com improvisação na lateral, o City encara o West Ham no domingo (7), pela estreia da Premier League. A tendência é de que Cancelo jogue na esquerda, mais uma vez, com Walker pela direita.

Foto destaque: Reprodução/MCFC