O ‘perdão’ de Guardiola a Haaland: ‘Joguei 11 anos e marquei 11 gols’

4 minutos de leitura

O Manchester City volta a campo daqui a pouco contra o Brentford no Eithad Stadium em jogo válido por rodada atrasada da Premier League, mas após o empate com o Chelsea no último sábado (17), Pep Guardiola foi perguntado sobre a falta de gols de Erling Haaland e a resposta chamou a atenção.

Haaland teve várias oportunidades de estufar as redes, mas não conseguiu converter as chances. Contudo, Guardiola saiu em defesa do jogador em entrevista à “Sky Sports”.

“Joguei 11 anos e marquei 11 golos, não sou ninguém para dar conselhos ao Erling [Haaland]. No próximo jogo, ele vai marcar“, afirmou o treinador.

— Foi um bom jogo. Na primeira parte não fomos muito bem e é isso que temos de melhorar, mas na segunda tivemos várias oportunidades e fomos melhores — concluiu Guardiola.

Na realidade, Guardiola disputou 510 jogos oficiais e marcou 27 gols no total. Ele estufou as redes apenas 11 vezes em 11 anos atuando pelo Barcelona, em 285 partifas.

Irritação de Haaland

Visivelmente irritado, Haaland empurrou uma câmera que estava filmando o seu rosto, após o empate do Manchester City. O atacante perdeu três grandes oportunidades na partida contra o Chelsea e viu os concorrentes Arsenal e Liverpool vencendo, o que significa que os Citizens não dependem mais só deles para assumir a liderança da Premier League.

No total, Haaland fez nove chutes contra o Chelsea, o maior número que ele teve em um jogo nesta temporada sem encontrar as redes.

Haaland em jogo do Manchester City
Foto: Icon Sport

Das nove finalizações, apenas duas foram no alvo. Mas uma em específico foi aos 32 minutos do segundo tempo. Uma cabeçada na cara do gol e que foi desperdiçada por Haaland.

Ainda assim, o ex-atacante de Manchester City e Chelsea, Daniel Sturridge, fez como Guardiola e também defendeu Haaland na transmissão da “Sky Sports”, dizendo que “tem dias que nada dá certo”.

— Claro que ele vai analisar seu jogo quando chegar em casa. Ele vai pensar: “O que eu poderia ter feito melhor?” Um jogador do nível dele, que entra em campo com a expectativa de marcar gols, vai se sentir mal consigo mesmo e se olhar e pensar: “Eu poderia ter sido a pessoa que venceu o jogo para a equipe hoje”. Mas é a vida de um atacante. Você tem esse tipo de dias em que nada dá certo.

Números de Haaland na temporada

  • 21 gols
  • 6 assistências
  • 27 jogos

Números de Haaland na Premier League

  • 16 gols
  • 5 assistências
  • 19 jogos
Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.