Gilberto Silva crava qual brasileiro seria ‘reforço perfeito’ para o Arsenal

2 minutos de leitura

Lenda que fez parte da campanha “invencível” do Arsenal em 2003/04, Gilberto Silva saiu em defesa de dois compatriotas dos Gunners: Jesus e Martinelli. Ambos não têm conseguido marcar tantos gols nesta temporada e têm sido cobrados por parte da torcida.

Números de Jesus e Martinelli

2022/232023/24
Gabriel Jesus11 gols em 33 jogos8 gols em 23 jogos
Gabriel Martinelli15 gols em 46 jogos7 gols em 31 jogos

Ele (Jesus) sabe marcar gols. Ele é muito eficaz, trabalha duro para a equipe e abre espaço para outros jogadores. Acredito que, desde que esteja em forma, ele pode ser útil para nós — disse Gilberto Silva ao “LondonWorld”.

Martinelli está bem. Acredito que ele é capaz de produzir mais e marcar mais. Se você confiar apenas no seu atacante, não será suficiente para vencer o campeonato, os outros jogadores precisam marcar como Martinelli e Odegaard, Kai Havertz e Trossard, que têm sido muito importantes — completou falando sobre Martinelli.

Relação com Edu Gaspar

Arsenal
Edu Gaspar comanda o futebol do Arsenal (Foto: Icon Sport)

Gilberto Silva jogou junto de Edu Gaspar no Arsenal de 2002 a 2005. Juntos, os brasileiros conquistaram a Premier League de forma invicta em 2003/04, três títulos de Copa da Inglaterra (2001/02, 2002/03 e 2004/05) e duas taças de Supercopa da Inglaterra (2002 e 2004).

Hoje, o ex-jogador campeão mundial com o Corinthians em 2012 trabalha como diretor de futebol do clube londrino. Ele foi promovido de coordenador técnico a diretor esportivo, cargo inédito na história do clube inglês, em novembro de 2022.:

Edu é meu irmão. Estou muito feliz em ver onde ele está. Ele teve um começo difícil quando veio para o Arsenal com a condição do clube. Havia muita negatividade em torno do clube. As pessoas não estavam muito felizes. Ele enfrentou momentos difíceis, mas eles conseguiram reverter isso com muito trabalho. É preciso colocar energia e mudar algumas coisas e eles fizeram isso passo a passo.

Gilberto Silva foi perguntado durante a entrevista se poderá voltar a trabalhar ao lado de Edu no Arsenal e o pentacampeão mundial deixou a possibilidade no ar.

— Depende. No momento, o Arsenal tem uma equipe muito boa trabalhando lá com Edu. Se houver algo em que eu possa ajudar, ficarei mais do que feliz. Ainda volto para assistir aos jogos e apoiar o clube em suas campanhas como embaixador. O Arsenal é um ótimo lugar para estar.

Gilberto Silva quer Douglas Luiz no Arsenal

Douglas Luiz
Douglas Luiz pelo Aston Villa (Foto: Icon Sport)

Desde a temporada passada, o nome de Douglas Luiz é colocado no radar do Arsenal pela mídia internacional. A história esquentou recentemente, após o “Daily Mail” revelar que o Aston Villa pode ter que vender jogadores para se enquadrar nos padrões de fair play financeiro da Premier League. Gilberto Silva, que jogava na mesma posição, vê com bons olhos a ida do compatriota para o Emirates Stadium.

Por que não no Arsenal na próxima temporada? Seria ótimo para o clube e para ele.”

— Ele está progredindo e adaptado à Premier League. Ele provou o seu valor e agora pode subir para o próximo nível. Eu pessoalmente adoro quando jogadores brasileiros vão para a Premier League, que para mim é a liga mais difícil para jogar, especialmente para sul-americanos. Ir para a Inglaterra e se adaptar é uma tarefa difícil. Mas ele provou que consegue e vem fazendo um grande trabalho. Estou feliz vendo mais um brasileiro chegando à liga e fazendo um grande trabalho, porque mantém as portas abertas para os brasileiros e mantém a atenção no mercado brasileiro.

Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.