Getafe – História, estatísticas e conquistas

Getafe – História, estatísticas e conquistas
Getafe Club de Fútbol

Getafe Club de Fútbol é um time de futebol espanhol de apenas 39 anos. A saber, é a equipe mais jovem da atual LaLiga.

O plantel do clube manda seus jogos no Coliseum Alfonso Pérez, localizado na cidade de Getafe, que tem capacidade para 17.700 torcedores.

Getafe Club de Fútbol

Getafe Club de Fútbol foi fundado em 8 de julho de 1983. Anteriormente, já havia sido criado em 1923, como Sociedad Getafe Deportivo. Entretanto, acabou se desfazendo em 1933.

Posteriormente, como Club Getafe Deportivo, apareceu em 1946. Essa designação se manteve até 1983 quando se dissolveu, sendo refundado como Getafe Club de Fútbol, no dia 8 de julho de 1983.

Getafe – fundação, conquistas e ascensão

Desde que surgiu, em 1983, o Getafe não foi campeão de torneios grandes nacionalmente. A saber, ganhou apenas uma Segunda División B, campeonato equivalente à terceira divisão.

No entanto, desde que subiu à elite espanhola, o Getafe conseguiu se manter bem na primeira divisão. Assim, já são 17 participações na Liga Espanhola. A saber, sua melhor classificação no torneio foi a 5ª posição em 2018/19. Além disso, conseguiu dois vices da Copa do Rei, em 2006/07 e 2007/08.

Por fim, em competições europeias o Getafe apareceu três vezes. Assim, em 2007/08, sua primeira participação na Liga Europa, chegou às quartas de final após eliminar o Benfica. A saber, a equipe caiu para o Bayern de Munique após estar vencendo por 3 x 1 na prorrogação. Foi o melhor resultado em competições internacionais.

Mercado de transferências do Getafe

Getafe, que vem crescendo nos últimos anos, vê seu mercado da bola ficar mais agitado a cada temporada. Nesse sentido, ainda não é protagonista, mas começa a sondar grandes jogadores, como houveram rumores da contratação do galês Gareth Bale.

Além disso, outros rumores surgiram na imprensa espanhola nos últimos dias. Segundo o jornal Mundo Deportivo, o atacante Diego Costa teria se oferecido ao clube.

Entretanto, no momento não passam de rumores. Assim, outras grandes contratações já foram efetivadas pelo Getafe no mercado de transferências. Nesse ínterim, a PL Brasil separou as cinco maiores contratações da história do clube.

Marc Cucurella por €11,80 milhões vindo do Barcelona

A maior aquisição da história do clube no mercado da bola foi Marc Cucurella. O defensor, que pertencia ao Barcelona, rumou ao Getafe após o clube desembolsar 11,8 milhões de euros.

A saber, o jogador já havia passado pelo time em um empréstimo de uma temporada. Assim, chamou a atenção e foi contratado em definitivo pela equipe. Enquanto ainda era do Barcelona, mas emprestado ao Getafe, jogou 46 jogos e marcou um gol, além de dar cinco assistências.

Posteriormente, após a aquisição pela equipe do Getafe, participou de outras 40 partidas, balançou as redes mais três vezes e deu mais dois passes para seus companheiros. Com isso, chamou a atenção do Brighton, que o contratou por 18 milhões de euros. Assim, também se tornou a maior venda do clube espanhol.

Nemanja Maksimović por €10 milhões vindo do Valencia

A contratação mais antiga da lista é de Nemanja Maksimović, que chegou ao Getafe no mercado da bola da temporada 2018/19. Assim, o clube pagou 10 milhões de euros para contar com o atleta que defendia o Valencia.

Diferentemente de Cucurella, o volante sérvio não deixou a equipe e ainda representa o time espanhol, sendo titular constantemente. Nesse sentido, foram 153 jogos, com cinco gols e duas assistências.

Enes Ünal por €9 milhões vindo do Villarreal

O centroavante turco é um dos atletas que mais valeu o investimento para o time do Getafe. Camisa 10 e titular da equipe, chegou valendo 9 milhões de euros e, segundo o Transfermarkt, vale 25 milhões atualmente.

Ünal chegou no mercado da bola de 2020/21, quando defendia o Villarreal mas era frequentemente emprestado pela equipe espanhola. Pelo Getafe, foram 66 jogos, 21 gols e três assistências.

Erick Cabaco por €8 milhões vindo do Levante

O zagueiro chegou no mercado de transferências da temporada 2019/20. O Getafe pagou 8 milhões ao Levante para contar com o atleta. Desde então, o zagueiro entrou em campo 37 vezes e não balançou as redes.

No entanto, o jogador não é utilizado com frequência. Em 40 jogos possíveis na última temporada, jogou apenas 12 e foi titular em sete.

Jakub Jankto por €6 milhões vindo da Sampdoria

Por fim, a contratação mais recente é do meia tcheco Jakub Jankto. No mercado da bola de início de temporada, em 2021/22, o atleta foi comprado por 6 milhões de euros junto à Sampdoria.

Desde que chegou no Getafe, jogou 15 partidas, não marcou gols e deu duas assistências. A saber, dos 15 confrontos, Jankto começou o jogo em sete oportunidades.

Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debate.fcs), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.
Artigo anteriorEspanyol – História, estatísticas e conquistas
Próximo artigoMallorca – História, estatísticas e conquistas