Gabriel Sara deixa São Paulo e parte para time inglês

Meia do São Paulo, Gabriel Sara está de malas prontas para deixar o clube paulista e partir para a Inglaterra, para defender time da 2ª divisão. Portanto, as negociações entre Norwich City e Tricolor Paulista foram encerradas, e o anúncio ocorrerá nos próximos dias. Ademais, o jogador de 23 anos deve render aproximadamente 11 milhões de euros.

Antes de mais nada, o Norwich disputará a 2ª divisão do Campeonato Inglês em 2022/23. Pois, na última temporada, o clube verde e amarelo teve a pior campanha da Premier League e caiu. No entanto, é muito conhecido por ter boas campanhas na Championship e retornar à elite do futebol inglês.

Além disso, o desempenho de Gabriel Sara chamou atenção do West Bromwich Albion, que disputava o atleta com os Canaries. Porém, o recém chegado na 2ª divisão venceu a concorrência e garantiu o atleta. Ainda falta passar por exames médicos e definir detalhes de transferência para o anúncio oficial acontecer.

Dessa forma, com o anúncio, esse será o segundo reforço do Norwich na temporada 2022/23. Contudo, será a primeira contratação, com valor de transferência, apesar de muitos rumores apontarem a chegada dele via empréstimo. Apenas Isaac Hayden, do Newcastle, ficará no clube por apenas um ano.

Carreira de Gabriel Sara

Primeiramente, Sara veio das categorias de base do São Paulo. Sua estreia aconteceu ainda em 2017, quando ainda fazia parte do juniores. A saber, sua subida ao profissional aconteceu apenas em 2019. No entanto, cresceu muito no ano de 2020, o qual o Tricolor Paulista teve uma grande campanha durante o Brasileirão.

No entanto, Gabriel Sara não joga desde abril, com lesão no tornozelo direito. Portanto, por isso os exames médicos serão de extrema importância para o clube querer ou não assinar com ele.

A posição que o clube precisava

Com a possibilidade de desempenhar um papel de camisa 10, o brasileiro poderá ser uma grande contratação do Norwich. Pois, o clube precisa de mais atletas de qualidade que possam ajudar a equipe no acesso à Premier League para a próxima temporada. E, em especial, o meio-campo era uma posição fragilizada, que ganhou o brasileiro e Hayden, um volante, no plantel.