‘Gol não é o forte’? Gabriel Jesus marca golaço, tem atuação de gala e Arsenal atropela na Champions

5 minutos de leitura

O Arsenal atropelou o Lens no fim da tarde desta quarta-feira (29) por 6 a 0 no Emirates Stadium, em jogo válido pela quinta rodada da fase de grupos da Champions League. Kai Havertz, Gabriel Jesus, Bukayo Saka, Gabriel Martinelli, Martin Odegaard e Jorginho (de pênalti) marcaram os gols da vitória que deu a classificação antecipada dos Gunners às oitavas de final e tornou este time o com o melhor ataque da competição até aqui.

Com o atropelo, o Arsenal também é a primeira equipe na história da Champions League a ter cinco marcadores diferentes (excluindo gols contra) no primeiro tempo de uma partida na competição. Além disso, os Gunners também se tornaram o primeiro time inglês ir para o intervalo de uma partida vencendo por cinco gols de diferença na Liga dos Campeões.

Starboy!

Bukayo Saka. que, com o passe para o gol de Jesus, se consagrou como o segundo jogador das cinco grandes ligas da Europa a chegar a 10 assistências em todas as competições nesta temporada, depois de Florian Wirtz, do Bayer Leverkusen. Além disso, o “Starboy” é o terceiro jogador, desde 2003/04 a marcar e dar assistência em três jogos consecutivos em casa na Champions League, ficando atrás apenas de Karim Benzema (quatro em 2011/12) e Luis Suárez (três em 2015).

Como foram os brasileiros em Arsenal x Lens

Gabriel Magalhães – 6,5

O zagueiro teve pouco trabalho defensivo devido à baixa produtividade do ataque do Lens. Ainda assim, fez seis cortes. Propondo jogo, distribuiu algumas bolas longas e deu segurança para o Arsenal na criação partindo da defesa. Jogador de 1,90m, o defensor venceu um duelo aéreo, único que foi exigido do brasileiro.

Gabriel Martinelli – 7,5

O que falar de Gabriel Martinelli? Talento muito especial! O atacante foi muito feliz pelo lado esquerdo e marcou um golaço, recebendo a bola em velocidade, conduzindo a bola, entrando na área, balançando os zagueiros e acertando um chute de muita categoria. Agora são dois gols e uma assistência em três jogos na Champions League. Além disso, sofreu o pênalti para o último gol do Arsenal já aos 40 minutos do segundo tempo, que foi convertido por Jorginho.

Gabriel Jesus – 8,5

O melhor jogador da partida calou os críticos com uma atuação de gala e um golaço, recebendo a bola de Saka na grande área, deixando um defensor no gol e chutando no canto direito do goleiro. Um golaço. Agora o brasileiro tem quatro gols e duas assistências em quatro jogos na Champions League. O brasileiro também se tornou o primeiro jogador a marcar em cada um das quatro partidas da Liga dos Campeões por um clube inglês. Craque.

A belíssima atuação de Gabriel Jesus sete dias após a polêmica declaração do artilheiro do Arsenal na Champions League, em que ele diz que “fazer gol não é o seu ponto forte“. A fala do atacante pegou mal no Brasil, principalmente por ter vindo após a derrota por 1 a 0 para a Argentina no Maracanã em jogo válido pela sexta rodada das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026.

Antes do gol, Gabriel Jesus já havia dado uma assistência de cabeça para o gol de Havertz, que inaugurou o placar logo aos 13 minutos de partida. Inclusive, foi o segundo gol do atacante alemão em dois jogos. A parada para a data Fifa fez bem ao jogador que custou 65 milhões de libras (R$ 397 milhões) aos cofres do Arsenal na última janela de transferências.

Jorginho – 6,5

Entrou aos 30 minutos do segundo tempo, no lugar de Declan Rice, e não apareceu muito. Teve uma média de quase um toque na bola por minuto e, como o jogo já estava bastante cadenciado, serviu mais para dar consistência à equipe do Arsenal. Ainda foi brindado com um gol de pênalti no final do jogo para fechar a goleada com chave de ouro.

Tabela da Champions League

Com a goleada, o Arsenal garantiu uma vaga antecipada nas oitavas de final da Champions League como líder do grupo B. Os Gunners têm 12 pontos, contra apenas cinco do Lens, que na última rodada vai precisar vencer o já eliminado Sevilla e torcer por uma vitória do PSV sobre o time do norte de Londres, além de tirar um saldo de gols de três de diferença em relação à equipe holandesa para se classificar para a próxima fase da Liga dos Campeões.

A próxima rodada para as equipes do grupo B será no dia 12 de dezembro às 14h45 (horário de Brasília). PSV e Arsenal se enfrentam, no Philips Stadion, enquanto Lens e Sevilla jogam no Félix-Bollaert.

Mas agora, o Arsenal volta suas atenções à Premier League. Os comandados pelo técnico Mikel Arteta lideram o Campeonato Inglês com 30 pontos e recebem o Wolverhampton (12º) no próximo sábado (2), 12h (horário de Brasília), no Emirates Stadium, em jogo válido pela 14ª rodada da competição.

Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.