Fiorentina abre espaço para Arthur no time titular e substitui brasileiro com zagueiro ex-Palmeiras

5 minutos de leitura

Depois de garantir a volta à Conference League da próxima temporada por conta da punição da Juventus, a Fiorentina vive um dos mercados de transferências mais agitados do futebol italiano.

O último movimento da Viola é a venda do meio-campista Gaetano Castrovilli, de 26 anos, para o Bournemouth. O jornalista italiano Fabrizio Romano divulgou que o negócio foi fechado na casa dos 12 milhões de libras (R$ 74 milhões), com mais 2 milhões de libras (R$ 2 milhões) de bônus.

Castrovilli era o camisa 10 da Fiorentina, onde tinha vínculo desde 2017. O italiano se juntará aos Cherries para disputar a Premier League em 2023/24 — na última temporada, o time fechou em 15º lugar.

Arthur ganha espaço com saída de Castrovilli

A saída de Castrovilli é uma boa notícia para Arthur Melo, recém-contratado para jogar no meio-campo da Fiorentina. O brasileiro vê um concorrente a menos no setor em que atua, que agora tem como principais nomes Amrabat, Bonaventura e Mandragora, além do próprio Arthur.

O treinador Vicenzo Italiano variou pouco o trio de meio-campistas nos dois jogos mais importantes da última temporada. Na final da Copa da Itália, contra a Inter, jogaram Amrabat, Castrovilli e Bonaventura. Já na decisão da Conference League, diante do West Ham, Italiano não tinha Castrovilli e escolheu Mandragora para o seu lugar. A Viola foi derrotada nas duas finais.

Por outro lado, Arthur ganhou espaço nos amistosos de pré-temporada. Ele entrou no segundo tempo dos dois primeiros, substituindo Mandragora e Alfred Duncan, e começou jogando no terceiro, diante do Grosseto, quando inclusive marcou um gol.

Ainda existe a possibilidade da saída de Amrabat. O volante marroquino chamou atenção pela excelente Copa do Mundo que fez com Marrocos, e chegou a pedir para não treinar na Fiorentina em janeiro devido ao interesse do Barcelona. Agora, o jogador está na mira do Manchester United.

Fiorentina negociou Igor com Premier League e deve substituí-lo com ex-Palmeiras

As reformulações no elenco chegaram até a defesa do time de Florença. A Viola acertou a venda do zagueiro Igor Julio para o Brighton, da Premier League, por 17 milhões de euros.

E, para substituir o brasileiro, a Fiorentina apostou num zagueiro ex-Palmeiras que também teve passagem recente pela Inglaterra: o colombiano Yerry Mina, de 28 anos. Ele chega de graça depois de encerrar seu contrato com o Everton, de acordo com informações de Fabrizio Romano.

Mina foi zagueiro do Palmeiras entre 2016 e 2017, quando levantou uma taça de campeão brasileiro. Ele saiu do Brasil para jogar no Barcelona mas logo acabou no Everton, onde estava desde 2018.

O clube italiano também contratou o lateral-esquerdo Parisi do Empoli, por 10 milhões de euros, e a promessa argentina Gino Infantino, que chegou do Rosario Central por 4 milhões de euros.

Entre as vendas confirmadas, além de Igor, ainda estão Maleh (Lecce), Terzic (RB Salzburg), Zurkowski (Spezia), Rasmussen (Brondby), Saponara (Hellas Verona) e Venuti (Lecce).

A Viola ficou em oitavo lugar na última edição da Serie A, o que não seria suficiente para garantir uma vaga nas próximas competições europeias. No entanto, a Uefa puniu a Juventus, sétima colocada, com o veto às vagas europeias por conta de fraudes fiscais cometidas em temporadas anteriores. Os bianconeros também só terminaram em sétimo porque receberam 10 pontos de punição esportiva. Com isso, a Fiorentina herdou a vaga na Conference.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da PL Brasil desde 2023. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja e fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]