Felipe – Mercado da bola, transferências, rumores e estatísticas


Felipe Augusto de Almeida Monteiro, mais conhecido como Felipe, é um jogador de futebol brasileiro que atua como zagueiro. A saber, o jogador nasceu no dia 16 de maio de 1989, em Mogi das Cruzes na grande São Paulo. Atualmente defende a camisa do Atlético de Madrid, da Espanha.

Felipe – Início de carreira

Felipe sempre teve o sonho de se tornar atleta profissional. No entanto, percorreu um caminho longe e difícil até alcançar seu objetivo. Desse modo, na juventude ele chegou a fazer testes em clubes como Portuguesa, Corinthians e São Paulo. Mas nada deu certo. Já com 18 anos, chegou a pensar que teria que desistir da carreira como jogador e seguir outro rumo.

Pouco tempo depois, Felipe conseguiu entrar para o elenco do União Mogi, time da sua cidade natal. A partir daí tudo começou a mudar. Posteriormente, saiu da equipe local para jogar no Bragantino. Aliás foi na equipe de Bragança que o zagueiro despertou o interesse de um dos clubes mais tradicionais do país, o Corinthians.

Certamente, a vida profissional de Felipe alcançou um novo patamar no clube paulista. Apesar do fato de ser pouco aproveitado de cara, com o passar dos anos ele se tornou peça importante no Timão.

Trajetória, conquistas e highlights de Felipe

Felipe chegou ao clube da capital paulista em 2012, aos 23 anos de idade. Decerto, levou tempo para conquistar espaço no time. No entanto, naquele mesmo ano conquistou Libertadores, Mundial de Clubes e a Recopa Sul-Americana no ano seguinte.

Já em 2015, quando o Corinthians foi campeão brasileiro, o jogador foi peça fundamental. Dessa maneira, muitos rumores envolvendo o mercado de transferências começaram a se intensificar.

No ano seguinte, aos 27 anos, Felipe deixou o futebol. De acordo a Transfermarkt, o Corinthians negociou o jogador com o Porto, de Portugal, por 8,2 milhões de euros. Sendo assim, em sua passagem pelo time português, o zagueiro foi bastante utilizado e chegou a se destacar. Ademais, conquistou o Campeonato Português 2017/18 e a Supertaça de Portugal em 2019.

Após um primeiro contato com o futebol europeu, novos rumores indicavam para uma possível saída do brasileiro. Decerto, no mercado de transferências foi cogitado um retorno ao Corinthians. No entanto, durante o mercado da bola o jogador deixou Portugal e seguiu para a Espanha. Em suma, foi comprado pelo Atlético de Madrid por 20 milhões de euros.

Atualmente, com a camisa do Atleti, Felipe foi campeão espanhol na temporada 2020/21. Depois disso, em 21/22, o jogador entrou em campo em 35 jogos, sendo 23 como titular e 12 no banco de reservas. Além disso, o defensor marcou dois gols e ajudou com uma assistência.

Transferências e mercado da bola de Felipe

De Mogi à Madri, a carreira de jogador profissional de Felipe movimentou bastante o mercado de transferências. Certamente, os primeiros rumores envolvendo o nome do jogador começaram após as conquistas do timão. Na época, evidentemente, várias equipes do futebol internacional demonstraram interesse no zagueiro.

Atlético de Madrid

A saber, Felipe assinou contrato com o Atlético de Madrid na temporada 2018/2019. A saber, o contrato inicial o clube espanhol se estendeu até o último 30 de junho de 2022. De acordo com informações do mercado da bola, o jogador começou o ano com um futuro incerto no time comandado por Diego Simeone.

Por isso, começaram muitos rumores envolvendo uma possível transferência de mercado envolvendo o zagueiro de 33 anos. Dessa forma, Felipe chegou a ser considerado o brasileiro mais valioso disponível no mercado da bola europeu.

Nesse ínterim, ele recebeu sondagens de clubes da Turquia e Inglaterra. Além disso, clubes do futebol brasileiro como Atlético-MG e Internacional também demonstraram interesse no atleta. Sobretudo, o ex-time do defensor, Corinthians, foi um dos destaques durante o período.

No entanto, depois de muitos rumores sobre no mercado da bola, o jogador e o clube colchonero chegaram a um acordo de renovação. Em síntese, o novo contrato estende a permanência de Felipe em Madri até 30 de junho de 2018, com opção de ampliação por mais um ano.

Seleção Brasileira

A saber, o defensor fez sua estreia com a camisa da Seleção Brasileira em 2018, na era Tite. Na época, já com 29 anos e três meses, chegou a ser chamado para jogos pelas Eliminatórias Sul-Americanas e amistosos. Bem como, Felipe está regularmente presente nas listas de convocados do técnico brasileiro.

Foto destaque: Reprodução / David S. Bustamante / Getty Images