O que esperar do Everton para o restante da PL 2019/2020

2 minutos de leitura

Um dos times mais instáveis da temporada 2019/2020 da Premier League, o Everton oferece mais perguntas do que respostas no retorno do campeonato. E até a pausa pela pandemia da covid-19, que deveria ser tranquila, foi movimentada.

O Everton antes da parada

Até a interrupção do futebol, o momento não era bom. Afinal, os Toffees fizeram um ponto dos últimos nove, e nos 11 jogos sob o comando de Carlo Ancelotti (que chegou em dezembro), foram cinco vitórias, três empates e três derrotas.

E se o time está ainda com chances de brigar por uma vaga europeia, deve agradecer primordialmente à dupla de ataque. O inglês Dominic Calvert-Lewin, na melhor fase da carreira (nono artilheiro da liga com 13 gols), e o brasileiro Richarlison (10), são responsáveis por 23 dos 37 gols do Everton nesta PL.

https://www.instagram.com/p/CBSDJu0BOM6/

Pausa movimentada no clube

Durante a pausa da pandemia, duas notícias movimentaram o clube. Primeiramente, relacionada à covid-19: o atacante italiano Moise Kean foi flagrado em uma festa com várias pessoas no dia 26 de abril, ignorando recomendações de isolamento. Ele foi multado em duas semanas de salário – perto das 160 mil libras.

A segunda foi dentro de campo. O meia Jean-Philippe Gbamin, contratado do Mainz para esta temporada, lesionou o tendão de aquiles em um lance sem contato durante um treino no fim de maio e ficará fora por seis meses, perdendo o resto da temporada.

Curiosamente, ele fez apenas dois jogos no começo de 2019/2020 quando, em agosto, sofreu uma lesão na coxa que lhe fez passar por duas cirurgias. O marfinense estava pronto para voltar agora, mas a nova lesão encerra inesperadamente suas chances.

Walcott também é outro desfalque para Ancelotti.

O que esperar do Everton para o restante da temporada 2019/2020

O Everton precisa pensar inicialmente em um objetivo mais direto: evitar sofrer o título do Liverpool. O retorno a campo dos rivais da cidade será com o clássico no dia 21 de junho, e uma combinação de resultados pode dar a taça aos Reds em caso de vitória. Certamente não é algo que os Toffees querem para a história.

Depois disso, o time ainda sonha com vaga nas competições europeias. Mas a tarefa é bem difícil. Os azuis estão na 12ª posição, com 37 pontos, a seis do sétimo colocado Sheffield United – que leva a vaga momentânea à Europa League.

everton 2019 2020
Jan Kruger/Getty Images

O time de Liverpool terá que não só emplacar uma sequência que ainda não conseguiu, bem como torcer contra os rivais. Por isso, uma grande ajuda será vencer os confrontos diretos – o Everton enfrenta Leicester, Tottenham, Wolverhampton e Sheffield.

Além disso, é importante fazer o dever de casa. O Everton é o segundo time com menor tempo atrás no placar jogando em seu estádio nesta PL, 141 minutos (apenas atrás do Liverpool com 102). Porém, sem torcida a partir de agora, esse número pode cair.

Mas o objetivo principal é dar a Carlo Ancelotti mais conhecimento e rodagem do elenco. O experiente e vencedor treinador italiano terá as rodadas finais para avaliar seus atletas e planejar o time da próxima temporada.

Leia mais: Quem são os maiores campeões ingleses? Confira a lista

Acompanhe a PL Brasil no Youtube!

  • CLÁSSICOS INGLESES | LIVERPOOL X EVERTON
Redacao
Redacao