Provável escalação do Manchester United

De início, confira a provável escalação do Manchester United, que vai enfrentar o Crystal Palace no próximo domingo (22). O jogo acontece às 12h (horário de Brasília). Outrossim, a partida será jogada no Selhurst Park, casa dos Eagles, após a derrota para o Brighton no sábado (7). Então, veja a provável escalação do Manchester United contra a equipe de Patrick Vieira.

Provável escalação do Manchester United

Antes de tudo, é possível que a provável escalação do Manchester United seja semelhante a do seu último jogo pela Premier League. Desse modo, o time não possui jogadores suspensos por cartões.

Ademais, no confronto contra o Everton, o meio-campista Fred começou entre os titulares. Contudo, o brasileiro foi substituído após sentir uma possível lesão no quadril. Além disso, o volante Paul Pogba também está lesionado. O departamento médico do United analisa a situação do francês, que deixou o campo com dores. Por fim, Jadon Sancho está com amigdalite, podendo desfalcar o clube por tempo indeterminado.

Então, possivelmente sem titulares importantes, confira a provável escalação do Manchester United:

Manchester United escalação: David de Gea, Diogo Dalot, Victor Lindelof, Raphael Varane, Alex Telles; Nemanja Matic, Bruno Fernandes; Scott McTominay, Fred, Anthony Elanga e Cristiano Ronaldo. Técnico: Ralf Rangnick

Escalação Crystal Palace x Manchester United

Em suma, a provável escalação de Crystal Palace x Manchester United deve sofrer muitas mudanças, já que são mais de cinco desfalques para o lado vermelho. No entanto, o zagueiro Harry Maguire vive má fase. Portanto, é possível que Ralf Rangnick entre com Raphael Varane no lugar do britânico. Todavia, em um duelo importante da Premier League, todos querem estar em campo pelos Red Devils. Como mencionado, a escalação do Manchester United será:

David de Gea, Diogo Dalot, Victor Lindelof, Raphael Varane, Alex Telles; Nemanja Matic, Bruno Fernandes; Scott McTominay, Fred, Anthony Elanga e Cristiano Ronaldo. Técnico: Ralf Rangnick

Assim, a provável escalação do Crystal Palace deve ser:

Jack Butland, Clyne, Andersen, Marc Guéhi, Mitchell, Eberechi Eze, Will Hughes, Schlupp, Jordan Ayew, Mateta e Zaha. Técnico: Patrick Vieira

Desfalques do Manchester United

A princípio, a maior dúvida na escalação do Manchester United é o uruguaio Edinson Cavani, que está com problemas na virilha desde o dia 11 de Fevereiro. Então, os Red Devils perdem um atleta importante e com bastante experiência na carreira

Além disso, o atacante Mason Greenwood está afastado do clube desde Janeiro. Dessa maneira, após uma grave acusação de agressão sexual, a polícia deteve o atleta, que pagou uma fiança e está livre. Contudo, ainda permanece suspenso do elenco dos Red Devils.

Primeiramente, o Manchester United ainda não conseguiu chegar ao melhor desempenho. Tendo um dos melhores elencos da Premier League, o clube foi eliminado pelo Atlético de Madrid nas oitavas da Champions. Além disso, deixou a Copa da Inglaterra após a derrota nas penalidades para o Middlesbrough.

Jogador destaque do Manchester United

Por certo, os Red Devils tem destaques em diferentes setores. Contudo, o time de Manchester possui Bruno Fernandes como o jogador que mais se destaca. Entretanto, mesmo não vivendo boa fase, Cristiano Ronaldo continua sendo peça chave para a equipe de Ralf Rangnick.

Assim, na Premier League, o português já participou diretamente de 15 gols, dando seis assistências e marcando nove vezes em 26 partidas pela elite do futebol inglês na temporada 2021/2022. Portanto, mesmo não sendo o atleta que mais participou de gols, o meio-campista é regular, conseguindo entregar um bom desempenho na maioria dos confrontos que participa.

Bruno Fernandes. Foto: Reprodução / Getty Images

Últimas conquistas do Manchester United

Em primeiro lugar, o United já completou mais de quatro anos sem títulos. Tendo sido campeões da Europa League na temporada 2016/2017, os Red Devils não conseguiram conquistar mais nenhum troféu até agora, igualando jejum do início da “Era Ferguson”.

Nesse sentido, sendo um dos maiores clubes da Inglaterra, a equipe de Manchester é muito cobrada pelos seus torcedores nos últimos anos, já que conquistou seu último título inglês na temporada 2012/13, chegando a quase dez anos sem ser campeã nacional.

Além disso, o time não é campeão continental desde 2008. Portanto, o Manchester United precisa virar a chave para voltar aos tempos vitoriosos que assombraram o mundo no início do século.

Foto destaque: Divulgação / Manchester United