Provável escalação do Chelsea

Primeiramente, confira a provável escalação do Chelsea, que encara o Liverpool no próximo dia 14 de maio, às 12h45 (horário de Brasília), pela final da Copa da Inglaterra 2021/22. 

A saber, o embate será no Estádio de Wembley. A vitória é essencial para que o plantel de Thomas Tuchel consiga conquistar um título na temporada. Portanto, confira a provável escalação do Chelsea.

chelsea logo

Provável escalação do Chelsea

Chelsea escalação: Kepa; César Azpilicueta, Thiago Silva e Antonio Rudiger; Marcos Alonso, Reece James, Mateo Kovacic, Loftus-Cheek e Mason Mount; Timo Werner e Kai Havertz. Técnico: Thomas Tuchel.

Antes de mais nada, é preciso destacar que a provável escalação do Chelsea é de um plantel recheado de peças. Thomas Tuchel tem inúmeras opções para poder montar o seu time. Entretanto, é possível ver os preferidos do alemão ao definir a provável escalação do Chelsea.

A saber, os Blues devem realizar duas mudanças no time titular em relação a última partida. Sendo assim, o retorno de Loftus-Cheek no lugar de no meio campo Jorginho. Ademais, os retornos de César Azpilicueta e Thiago Silva nos lugares de Trevoh Chalobah e Andreas Christensen. Por fim, o retorno de Havertz no lugar de Romelu Lukaku. Embora o belga tenha balançado a rede três vezes nas últimas duas partidas, o alemão deve iniciar a partida como titular.

Escalação Chelsea x Liverpool

Em suma, a provável escalação de Chelsea x Liverpool será a melhor de cada time para o dia. Ambos desejam vencer, mesmo em posições diferentes na classificação. Como já mencionamos, a escalação do Chelsea será:

Kepa; César Azpilicueta, Thiago Silva e Antonio Rudiger; Marcos Alonso, Reece James, Mateo Kovacic, Loftus-Cheek e Mason Mount; Timo Werner e Kai Havertz. Técnico: Thomas Tuchel.

Assim, a provável escalação do Liverpool deve ser:

Alisson; Alexander-Arnold, Konaté, Van Dijk e Robertson; Fabinho (Keita), Henderson e Thiago; Salah, Luís Díaz e Mané. Técnico: Jürgen Klopp.

Nesse jogo, o técnico alemão Jürgen Klopp não deve contar com o volante brasileiro Fabinho, que saiu lesionado na vitória contra o Aston Villa. No entanto, o atleta permanece como dúvida, já que o treinador externou uma expectativa positiva pela rápida recuperação do jogador.

Além disso, o time deve ser o mesmo que vem atuando. Contudo, Keita pode herdar a vaga de Fabinho, caso o brasileiro seja realmente cortado para a final. Assim também, o atacante colombiano Luís Díaz tem jogado muito bem, e pode começar como titular no lugar do português Diogo Jota.

Desfalques do Chelsea

A saber, uma ausência já conhecida da equipe londrina é o Ben Chilwell, ala esquerdo que sofreu uma grave lesão no joelho em partida contra a Juventus pela Liga dos Campeões. Além disso, Hudson-Odoi e N'Golo Kanté seguem como duvida para o duelo.

Jogador destaque do Chelsea

O Chelsea é um plantel que joga de forma coletiva. Cada peça é fundamental para que o esquema de Thomas Tuchel tenha sucesso. Sendo assim, é difícil denominar na Chelsea escalação apenas um destaque. Todavia, um atleta que vem merecendo ser exaltado é Edouard Mendy.

Desde que chegou ao clube, o senegalês conseguiu ganhar o posto de titular. O camisa 16 inspira confiança nos companheiros e principalmente para os torcedores. Além disso, o atleta conquistou o prêmio de melhor goleiro do ano de 2021.

Na atual temporada, Mendy atuou 46 vezes. Dessa forma, o arqueiro sofreu 38 gols (média de 0,82 gol/partida). Além disso, em 22 oportunidades, ou seja, quase metade dos duelos o goleiro não sofreu gols.

Por fim, é importante salientar que o jogador foi um dos pilares na conquista da UEFA Champions League 2020/21. Na atual temporada, o camisa 16 disputou sete partidas, sofrendo gol em apenas duas oportunidades.

Sem sombra de dúvidas, este é o melhor momento do senegalês desde que chegou à Inglaterra. O guarda-redes vive um excelente momento neste ciclo.

Foto: Divulgação / Chelsea FC

Últimas conquistas do Chelsea

Desde que foi comprado pelo empresário russo Roman Abramovich, o Chelsea mudou de patamar. O clube deixou de ser mais um time de Londres na Inglaterra, para se tornar um dos protagonistas da liga. O clube venceu cinco edições desde que o clube foi adquirido por Abramovich.

Na nova era, os Blues venceram todos os títulos nacionais possíveis. Além disso, o clube sonha em conquistar o bicampeonato seguido Champions League. Ademais, a equipe Azul conseguiu conquistar o Mundial de Clubes da FIFA, completando sua prateleira de títulos com todos os torneios possíveis. Nesta temporada, o clube tem é um dos favoritos a conquistar a Orelhuda.

Na atual temporada, o Chelsea conquistou a Supercopa da UEFA e o Mundial de Clubes. Por outro lado, no último domingo (27), a equipe perdeu nos pênaltis a final da Copa da Liga Inglesa para o rival Liverpool, numa disputa que só acabou com o goleiro Kepa errando a sua cobrança e garantindo o titulo para os Reds.

Em relação a Liga dos Campeões, o clube deu “adeus” a competição ao ser eliminado pelo Real Madrid. A equipe londrina até chegou a vencer o segundo duelo, mas foi eliminado pelo critério de saldo de gols referente aos dois confrontos.

Em relação a Premier League, o título está sendo disputado por Manchester City e Liverpool. Os Blues não possuem chances matemáticas de conquistar o campeonato. Em síntese, o objetivo é permanecer no G4 para disputar a próxima Champions.

Por fim, o clube segue vivo apenas em uma competição: FA Cup. Sendo assim, sobre a Copa da Inglaterra, o clube irá rever novamente o Liverpool em fuma final. A partida tem data marcada para acontecer no dia 14 de maio.

Foto Destaque: Divulgação/ Chelsea FC