“Ele não está à venda”, diz técnico do West Ham sobre transferência do meia Declan Rice

“Ele não está à venda”, diz técnico do West Ham sobre transferência do meia Declan Rice
Foto: Divulgação / West Ham

Com a janela de transferências do verão europeu seguindo a todo vapor, os clubes ingleses estão correndo contra o tempo para garantir seus reforços. Assim, Declan Rice segue na mira de alguns times da Inglaterra.

A saber, alguns rumores de interesses do ChelseaManchester UnitedManchester City sobre o jogador Declan Rice, fizeram o técnico do West Ham, David Moyes, afirmar novamente que o atleta não será vendido neste verão.

Declan Rice e o seu futuro

Ao longo de 12 meses, tanto o West Ham quanto o técnico  David Moyes, responderam várias vezes a mesma pergunta sobre  o jogador Declan Rice: “ele não está à venda”.

A saber, o jogador de 23 anos, é considerado um dos meio-campistas mais completos do mundo. Sendo assim, vem chamando a atenção de vários clubes, principalmente, os ingleses.  Dessa forma, tem grandes chances  de se tornar um dos principais jogadores da Inglaterra e se destacar ainda mais no West Ham. 

De antemão, o futebolista inglês está avaliado em £ 150 milhões de libras, e tem oficialmente dois anos de contrato com o West Ham, além da opção de extensão por mais um ano. No momento, não há declarações do jogador sobre as propostas recebidas por outros clubes.   

Interesse principal: Chelsea 

De antemão, o meio-campista teve uma passagem pelo  Chelsea, aos 14 anos. No entanto, Rice acabou sendo dispensado. Agora, quase 10 anos depois, o The Blues possui um enorme interesse pelo atleta. 

De acordo com informações de alguns sites ingleses,  em junho o novo co-proprietário do Chelsea, Todd Boehly, havia se aproximado do West Ham. Assim, o objetivo era tentar uma chance de acordo por Rice. Todavia, não houve sequer possibilidade de negociação, já que os Hammers descartaram de imediato uma possível venda de Declan Rice. 

“Sem lances!  Nós não levaríamos nenhum, de qualquer maneira. Nós dissemos o tempo todo que ele não está à venda.” Confirmou Moyes.