Éderson – Mercado da bola, transferências e rumores


Éderson José dos Santos Lourenço da Silva, ou simplesmente Éderson, é um jogador de futebol brasileiro que atua como volante. A saber, o atleta nasceu no dia 7 de julho de 1999 em Campo Grande, capitão do Mato Grosso do Sul, e atualmente defende a Salernitana, da Itália.

Éderson – Início de carreira

Apesar de ser sul-mato-grossense, Éderson iniciou sua carreira no Desportivo Brasil, modesto clube do estado de São Paulo. A saber, entrou no clube aos 14 anos, em 2013. Ainda nas categorias de base, foi emprestado ao Shandong Luneng, da China.

Após um ano de empréstimo, em 2015, voltou e começou a se destacar defendendo o clube paulista, quando, em 2018, foi emprestado mais uma vez. Assim, foi ao Cruzeiro e ficou até 2019, já no profissional cruzeirense.

Trajetória, conquistas e highlights de Éderson

Cruzeiro adquiriu o jovem jogador ainda nas categorias de base para poder contar em definitivo com o atleta. Dessa forma, Éderson ficou em 2018 e 2019 defendendo o Celeste.

Com a camisa do time mineiro, o volante chegou a 27 jogos e dois gols marcados. Após um período de atraso em salários e FGTS, o atleta conseguiu uma rescisão amigável com o clube mineiro e foi ao mercado da bola em busca de um novo clube.

Transferências e mercado da bola de Éderson

Em busca de um novo clube no mercado de transferências, Éderson chegou a um acordo para defender o Corinthians. Assim, assinou um contrato de cinco anos com o alvinegro paulista.

Na temporada de 2020 teve um bom início, onde conquistou a titularidade após alguns gols marcados. No entanto, com o passar do tempo, foi caindo de rendimento e chegou a ser substituído com 15 minutos de jogo em um jogo.

Éderson jogou 25 jogos e marcou três gols. Porém, com a má fase vivida na temporada, o atleta passou por um empréstimo no mercado da bola da temporada seguinte. Nesse sentido, viajou ao Ceará para fechar com o Leão do Pici.

Fortaleza

O volante desembarcou em Fortaleza para jogar pelo Fortaleza, de Juan Pablo Vojvoda. Assim, com o esquema colocado em campo pelo argentino, o volante se destacou no Tricolor de Aço e chamou a atenção.

Após três gols e três assistências em 58 jogos pelo Fortaleza, surgiram rumores de uma possível saída de Éderson no mercado de transferências do exterior. Nesse sentido, no início de 2022, passou a defender um clube italiano após um pagamento milionário no mercado da bola.

Salernitana

Nesse sentido, após muitos rumores, a Salernitana, da Itália, executou a compra do volante por 6,5 milhões de euros, que foram pagos ao Corinthians, clube que detinha os direitos do atleta.

Na temporada 2021/22, Éderson jogou a Série A Italiana pela Salernitana. Assim, o jovem brasileiro chegou a 15 jogos, com dois gols marcados e dois passes para gols de seus companheiros.

Com os bons números mostrados em apenas seis meses de clube, Éderson chamou a atenção de mais clubes italianos, que quiseram investir no mercado da bola para contar com o volante brasileiro.

Nesse sentido, após alguns rumores sondando o jovem atleta, a Atalanta chegou a um acordo para contar com o brasileiro. Dessa forma, de acordo com a TNT Sports o clube vai desembolsar 15 milhões de euros para contar com Éderson.

A saber, o pagamento será feito nesse mercado de transferências e o jogador defenderá a Atalanta a partir da temporada 2022/23. Mesmo com o acerto, porém, o atleta ainda não foi anunciado oficialmente pelo novo clube italiano.

Seleção Brasileira

Éderson tem bastante rodagem no mundo do futebol, mas não pela Seleção Brasileira. Sendo assim, foi convocado apenas uma vez para defender o time de seu país, quando jogou amistosos contra o Chile com a equipe Sub-20.

Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debate.fcs), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.
Artigo anteriorCarlos Augusto – Mercado da bola, transferências e rumores
Próximo artigoImmobile – Mercado da bola, transferências e rumores