Éderson fala sobre possibilidade de jogar no Brasil

O goleiro brasileiro Éderson deu uma entrevista descontraída para o canal do youtuber Alê Oliveira. Em quase 1h de conversa, o arqueiro do Manchester City revelou o time que torceu enquanto esteve no Brasil, além de entrar em uma polêmica sobre jogar em algum time nacional.

Primeiramente, Éderson falou sobre seu time. Filho de pai vascaíno, o goleiro contou que na infância, torceu para o time carioca. Entretanto, depois escolheu outros dois clubes paulistas, após começar a jogar na base, no início da carreira:

“Meu pai quis que eu fosse vascaíno. Quando eu era pequeno, comprou roupa do Vasco e tudo. Depois eu fui palmeirense. Aí entrei no São Paulo e virei são-paulino”.

Éderson não quer jogar no Brasil

Decerto, o goleiro também falou sobre as possibilidades de retornar ao país, para jogar em algum time. Éderson deixou claro que as chances não são em 0, mas que não pensa no retorno.

Elencando alguns motivos, o goleiro colocou questões pessoais na frente da gestão de carreira, como segurança da família e educação das filhas. Éderson quer jogar em Portugal:

“Eu não pretendo jogar no Brasil. Não vou falar nunca, porque no futebol tudo pode acontecer. Pretendo terminar em Portugal, mais tranquilo, mais segurança, tem um custo de vida barato, se vive bem, tem educação, saúde, comida boa. É um país tropical também. É mais pelo desenvolvimento dos meus filhos”.

Com presença garantida na seleção brasileira para a Copa do Mundo, o goleiro briga para ser titular no Catar. Homem de confiança de Guardiola, Éderson tem mais de 250 jogos com a camisa dos Citizens, e 11 títulos na conta, incluindo 4 Premier Leagues.

Foto destaque: Reprodução/MCFC