Dois jogadores da Premier League são presos acusados de estupro

4 minutos de leitura

Dois jogadores da Premier League foram presos no último final de semana sob acusação de estupro, de acordo com a reportagem do jornal inglês “The Sun” desta terça-feira (23). O jornal informa que os dois pertencem ao mesmo clube e foram libertos na noite desta segunda-feira, após pagamento de fiança.

Entenda a prisão dos acusados da Premier League

Por causa da legislação inglesa, a identidade dos dois não pode ser revelada. O jornal informa que um deles, de 19 anos, teria sido interrogado pela polícia “sob suspeita de agressão e cumplicidade em estupro” antes de ser formalmente preso. Ele foi entrevistado por detetives depois de passar uma noite na cela.

O outro atleta, também de 19 anos, foi preso no dia seguinte, sendo interrogado por suspeita de estupro. As informações sobre as prisões são de um porta-voz da polícia, cuja localidade também não foi revelada.

Ao “The Sun”, uma fonte anônima informou que a polícia chegou ao estádio para realizar uma das prisões e conversou com o suspeito em “uma sala privada no interior do gramado”. Ele teria deixado o clube com “outro indivíduo” e foi formalmente preso naquela noite.

Um porta-voz do time dos jogadores informou ao veículo inglês que, como o assunto está nas mãos da polícia, “o clube não fará mais comentários nesta fase”.

Mais dois integrantes da Premier League enfrentam acusações de estupro

Há mais casos recentes de membros da Premier League acusados de abuso sexual. Um deles ainda atua em seu clube e chegou a ser preso em julho de 2022, quando o caso se tornou público. Desde então, ele foi acusado de violência sexual por cinco pessoas diferentes. Em novembro de 2023, parte das vítimas deu um forte relato em entrevista à “BBC”, dizendo terem sido negligenciadas por Premier League, FA e o clube do atleta.

Em setembro de 2021, o técnico de um clube da Premier League também foi acusado de estupro de uma menor idade. A denúncia foi recebida pela Polícia Metropolitana de Londres na época, mas o suposto crime teria acontecido “alguns anos atrás”. A vítima é descrita, hoje, como uma “mulher madura”. O acusado chegou a ser entrevistado pela Polícia na época, mas não foi detido.

Maria Tereza Santos
Maria Tereza Santos

Jornalista pela PUC-SP. Na PL Brasil, escrevo sobre futebol inglês masculino E feminino, filmes, saúde e outras aleatoriedades. Também gravo vídeos pras redes e escolhi o lado azul de Merseyside. Antes, fui editora na ESPN e repórter na Veja Saúde, Folha de S.Paulo e Superesportes.