Destaque do Arsenal é prioridade da Juventus para substituir Pogba após polêmica

4 minutos de leitura

O meia Paul Pogba não viveu bons momentos desde que voltou à Juventus. Criticado no Manchester United, o francês retornou ao clube italiano no início da temporada passada. Agora, é alvo de uma grande polêmica, pode ser banido do futebol e substituído por um destaque do Arsenal.

Segundo a edição de Turim do jornal italiano “La Repubblica”, a Juventus tem o volante Thomas Partey na mira para substituir o seu camisa 10 caso ele seja suspenso após ter reprovado em um teste antidoping.

A situação de Pogba

O jogador francês foi provisoriamente suspenso dos gramados e poderia ser banido por até quatro anos após testar positivo para testosterona após a partida da Juventus contra a Udinese em 20 de agosto, um jogo no qual ele não participou.

Pogba Juventus Arsenal
Foto: Icon sport

Como punição, a suspensão máxima em tais casos é de quatro anos – uma suspensão inicial de dois anos, que pode ser dobrada se for comprovado que a substância foi tomada intencionalmente.

Pogba havia jogado apenas 161 minutos no total, distribuídos em 10 partidas, desde que voltou ao clube. Os italianos já estavam dispostos a vendê-lo por rasteiros 10 milhões de euros, mas ele recusou investidas, por exemplo, da Arábia Saudita.

Partey, do Arsenal, é principal alvo

Diversos veículos da imprensa italiana afirmam que a Juventus deve cancelar o contrato de Pogba caso ele seja suspenso oficialmente. Por isso, o clube já tem um plano para substituí-lo.

O “La Repubblica” afirma que a Velha Senhora quer Partey, que vinha sendo titular do Arsenal nesta temporada até se lesionar. Ele está fora de ação por conta de um problema na coxa.

Partey em ação pelo Arsenal - Icon Sport
Foto: Icon Sport

Partey já havia sido vinculado a uma transferência para os gigantes italianos durante a última janela, mas o jornal acrescenta que será difícil tirá-lo do Arsenal, uma vez que é titular.

O ganês foi deslocado do meio para a lateral-direita, em uma nova função elaborada por Mikel Arteta, mas parece não se sentir totalmente à vontade ainda com a nova posição.

Aos 30 anos, Partey tem contrato até 2025 no Arsenal. Ele chegou em 2020 e foi peça fundamental para a briga pelo título da Premier League na temporada passada.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]