De Jong: como o novo atacante pode ajudar o Barça

0
204
Sevilla - Luuk de Jong
Foto: Divulgação/ Sevilla FC

O Barcelona anunciou Luuk de Jong por empréstimo. O atacante jogou no Sevilla por 2 anos e fica na Catalunha até o fim da temporada 2021/22. Entretanto, existe uma opção de compra em definitivo. Dessa maneira, Griezmann voltou para o Atlético de Madrid. Mas, mesmo com mais opções para centroavante, Luuk pode ajudar a equipe.

Chegada de De Jong

Antes de mais nada, a venda de Griezmann foi mais por questão financeira do que futebolística. Laporta viu uma oportunidade em economizar uma grande porcentagem de dinheiro. Contudo, o francês foi bem na temporada passada e ajudou o clube a vencer a Copa do Rei.

Após fechar negócio com o Atlético de Madrid, o Barcelona correu atrás de um atacante. Luuk de Jong, que teve uma boa passagem pelo PSV e uma apagada no Sevilla, chega por empréstimo.

De Jong é centroavante de origem e sempre atuou nesta posição. Nos três primeiros jogos do Barcelona na época 2021/22, Ronald Koeman utilizou Memphis, Griezmann e Braithwaite. O dinamarquês atuou mais perto da área. Entretanto, o trio ofensivo tinha uma movimentação interessante, que confundiu a defesa adversária nas partidas.

Agora, com a recuperação de Ansu, Koeman pode utilizar Memphis, De Jong e Ansu, ou até mesmo o jovem Demir. Com Luuk, o ataque fica um pouco mais rápido, mas o novo contratado fica um pouco mais fixo na área.

A contratação de mais um centroavante

O Barcelona possui Braithwaite, Luuk de Jong e Aguero de centroavantes. O argentino, está machucado e volta em novembro. O dinamarquês deve continuar na equipe até janeiro e De Jong pode assumir a titularidade do clube ao longo da temporada.

Ao lado do meio-campista de Jong e de Memphis, Luuk deve ter mais entrosamento e pode ajudar a equipe durante as partidas. Por fim, o novo contratado ajuda na questão financeira e se encaixa no esquema de Koeman.