Curtis Jones: uma joia que o Liverpool tem nas mãos

Aos 19 anos, Jones ganhou a confiança de Klopp e tem ajudado o Liverpool

0
642
Curtis Jones contra o Ajax
PAUL ELLIS/POOL/AFP via Getty Images

Jovem, cria da base do Liverpool, meio-campo, scouser e dono da camisa 17 dos Reds. Poderíamos muito bem estar falando sobre Steven Gerrard, maior ídolo da história do Liverpool. Mas essa descrição também se encaixa muito bem no perfil de Curtis Jones, um jovem que vem sendo importantíssimo na equipe de Merseyside. 

Leia mais: Make Us Dream: documentário é tanto sobre as glórias de Gerrard quanto sobre angústias

Quem é Curtis Jones?

Curtis Jones nasceu em 30 de janeiro de 2001, justamente em Liverpool. Tem 19 anos hoje, portanto, e joga com frequência no meio-campo do atual campeão inglês. Jones chegou na equipe dos Reds ainda no sub-9 e, desde pequeno, chama atenção por ser um jogador talentoso e versátil

Já desde 2018, Curtis Jones vem recebendo a chance de treinar com a equipe principal do Liverpool e, até então, tinha participado apenas de alguns jogos amistosos de pré-temporada. Por outro lado, Jurgen Klopp nunca escondeu a admiração pelo futebol de Jones e deu ao jovem scouser sua primeira oportunidade no time titular em janeiro de 2019, quando iniciou contra o Wolverhampton na terceira fase da Copa da Inglaterra.

Leia mais: 6 jovens que Klopp pode encaixar na rotação do Liverpool

E o primeiro gol de Jones pelo time principal dos Reds também foi na Copa da Inglaterra, mas dessa vez contra o grande rival local do Liverpool, o Everton. Na ocasião, o tento de Jones deu aos Reds a vitória e eliminou o rival da competição. Além disso, na mesma edição da Copa da Inglaterra, logo na fase seguinte, foi o capitão mais jovem da história do Liverpool, na vitória sobre o Shrewsbury Town. 

Em julho de 2020, o Liverpool ofereceu ao jogador um novo contrato de longa duração. Dois dias depois, Jones marcou seu primeiro gol na Premier League, contra o Aston Villa, em Anfield. Ademais, ainda na temporada passada, ele ganhou o prêmio de Jogador da Temporada na Premier League 2, liga em que atuou com a equipe sub-23. 

Leia mais: Os 10 maiores ídolos da história do Liverpool

Temporada 2020/2021: a temporada dos sonhos 

Peter Powell – Pool/Getty Images

No início da temporada, o Liverpool anunciou que Jones passaria a utilizar a camisa 17, ao invés da 48, que vinha utilizando. Esse foi o primeiro sinal de que Klopp pretendia dar mais minutos e oportunidades ao jovem de 19 anos. E o indício foi mesmo concretizado, até porque, apesar de o Liverpool contar com um grande número de meio-campistas, o clube vem sofrendo com um número altíssimo de lesões em seu elenco.

A lista de contundidos tem sido mesmo bastante extensa. Jordan Henderson no início da temporada, Thiago desde o clássico contra o Everton em outubro, Naby Keita com inúmeros problemas musculares e Alex Oxlade-Chamberlain, que sofreu uma lesão ainda na pré-temporada e voltou recentemente.

Além deles, Xherdan Shaqiri e James Milner também enfrentam problemas musculares, enquanto Fabinho foi recuado para a zaga após as lesões de Van Dijk e Joe Gomez. Assim, tudo isso abriu um grande espaço para Jones, que tem agarrado a oportunidade e se esforçado intensamente para não perdê-la.

Leia mais: Guia do Liverpool na Premier League 2020/2021

Curtis Jones
PAUL ELLIS/POOL/AFP via Getty Images

Nesse ínterim, Jones parece ter conquistado (e muito) a confiança de Jurgen Klopp. Para se ter uma ideia, o jovem já jogou nove jogos inteiros e mais outras sete aparições de menos minutos. O próprio Klopp, em entrevista coletiva, já afirmou que, apesar da pouca idade, Jones tem a maturidade de um jogador com 26 ou 27 anos.

O assistente técnico de Klopp, Pep Lijnders, também não poupa elogios a Jones. “Ele é, provavelmente, o meio-campista mais ofensivo que temos no elenco. Ele é o tipo de jogador que surpreende saindo do meio-campo e indo até a área e também não tem medo de chutar a gol”, destacou Lijnders. 

Na temporada atual, Curtis Jones soma 10 aparições na Premier League, mas, por enquanto, não marcou nenhum gol na competição. Já na Champions League, Jones tem um gol, contra o Ajax, em Anfield, e uma assistência para o gol de Salah contra a Atalanta, em Bérgamo. Além disso, pela Copa da Liga Inglesa, marcou dois gols contra o Lincoln City e atuou no jogo contra o Arsenal, quando cobrou o 4º pênalti dos Reds e converteu.  

Nas últimas partidas, mas principalmente contra o Tottenham, num confronto direto pela liderança da PL, Curtis Jones comprovou os motivos pelos quais Klopp deposita nele tanta confiança, em que pese sua juventude.

Isso porque Jones jogou, e vem jogando, seu melhor futebol, qualificando-se como real candidato a conquistar um espaço fixo no elenco qualificado do Liverpool. O jovem scouser tem recursos e confiança de sobra para brilhar na equipe e o Liverpool tem uma joia que ainda pode ser mais lapidada em suas mãos

Leia mais: Projeções de apostas mantêm Liverpool e Manchester City como favoritos para o título da Premier League