Kvaratskhelia: o craque que foi recusado pela Juventus antes de brilhar no Napoli

2 minutos de leitura

Acabou a espera. O Napoli é campeão italiano novamente depois de 33 anos. Em meio ao brilhante desempenho que permitiu a conquista da Serie A da Itália com cinco rodadas de antecedência, foram dos os atores principais da equipe de Luciano Spaletti: Victor Osimhen e Khvicha Kvaratskhelia.

Kvara: foi assim, pela abreviação de seu complicado nome, que ponta-esquerda nascido na Geórgia ganhou admiradores ao longo dos últimos meses. Foram 14 gols e 14 assistências em 35 jogos na temporada — o georgiano ainda lidera os critérios de assistências e chances criadas na Serie A.

Kvara poderia ter jogado na Juventus?

O sucesso de Kvara em sua primeira temporada não era previsível, mas por pouco o craque não levou seu talento para o lado oposto ao que estará neste domingo. Quando ele defendia o Rubin Kazan, pouco antes da eclosão da guerra entre Rússia e Ucrânia, ele foi oferecido por 20 milhões de euros para a Juventus, que recusou o negócio.

Quem é Kvaratskhelia?

O georgiano tinha 20 anos e estava em sua terceira temporada na Rússia. Com o início do conflito armado, ele deixou o Kazan em março de 2022 para se juntar ao Dinamo Batumi, do seu país natal. Lá ele concluiu a temporada 2021/22 e, em seguida, foi também oferecido a Valencia e Sevilla, mas acabou fechando com o Napoli por 11,5 milhões de euros.

A qualidade demonstrada por Kvara em sua primeira temporada já valeu o investimento. Além das estatísticas individuais, ele também lidera o Napoli no que deve ser o primeiro Scudetto conquistado pela equipe em mais de 30 anos.

Kvara pelo Napoli na Serie A 2022/23

  • 10 assistências – 1º da liga
  • 13 grandes chances criadas – 1º da liga
  • 12 gols – 5º da liga
  • 1,3 bolas roubadas no último terço de campo – 5º da liga

O negócio foi tão bom para o Napoli que a expectativa é que Kvara não saia por menos de 100 milhões de euros. Seu desempenho tem chamado a atenção de gigantes da Europa, como o Real Madrid. Ainda assim, também é provável que o georgiano escolha permanecer em Nápoles.

Segundo divulgado recentemente pelo jornal espanhol “Marca”, o meia-atacante teria decidido renovar seu contrato com o Napoli até 2028, passando a ganhar 2,5 milhões de euros (R$ 14 milhões) por temporada. O acordo atual tem vencimentos de 1 milhão de euros por temporada e terminaria em 2027.

O entorno do georgiano teria o entendimento que se firmar como uma referência no Napoli é melhor do que arriscar voos maiores depois de apenas uma temporada na Itália. Uma entrevista recente dada pelo agente de Kvara, Mamuka Jugheli, ao site “CalcioNapoli24”, garantiu que o jogador ama Nápoles“.

Importância do clássico para a Serie A

O Napoli conta os dias para enfim voltar a comemorar o título italiano. Depois da eliminação para o Milan nas quartas da Champions League, vencer o Scudetto pela primeira vez desde 1989-90 é o último objetivo que restou. Para isso, basta manter os 14 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, a Lazio, nos oito jogos restantes.

Já a Juventus se colocou de volta na briga pela classificação às competições europeias após a Justiça italiana cancelar a punição por escândalos financeiros. Hoje com 59 pontos, em terceiro lugar, a Juve tinha sido penalizada em 15 pontos, que foram devolvidos até um novo julgamento.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da PL Brasil desde 2023. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja e fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]