Dinamarca vence China em jogo que quebra marca curiosa na Copa do Mundo feminina

3 minutos de leitura

Dinamarca (F)
22/07/23 - 09:00

Finalizado

1

-

0

China (F)

Dinamarca (F) - China (F)

Women's Copa do Mundo - HBF Park

1° Turno

Dinamarca e China fizeram uma partida equilibrada na manhã deste sábado (22) pela primeira rodada do Grupo D da Copa do Mundo feminina. As seleções empatavam sem gols até os 45 minutos do segundo tempo, quando as dinamarquesas, com gol de cabeça marcado por Vangsgaard, abriram o placar e garantiram a vitória magra por 1 a 0.

O confronto foi a nona partida desta edição da Copa do Mundo, e quebrou uma marca curiosa: foi o primeiro jogo sem pênalti marcado no torneio. Também foi a primeira vez na história que a Dinamarca venceu a China em uma Copa do Mundo — antes, eram três confrontos sem vitórias.

Com o resultado, a seleção da Dinamarca se junta à Inglaterra na liderança do grupo, ambas com três pontos e um gol marcado. As inglesas venceram o Haiti também por 1 a 0, mais cedo, com gol de pênalti marcado por Stanway. As dinamarquesas ficam à frente na tabela pelo critério de menos cartões recebidos.

copa do mundo china e dinamarca
Disputa pelo alto em duelo entre Dinamarca e China pela primeira rodada do Grupo D da Copa do Mundo 2023 (Foto: Iconsport)

Autora do gol da vitória saiu do banco

A atacante Vangsgaard, autora do gol que deu a vitória para a Dinamarca contra a China, saiu do banco de reservas para decidir a partida. A atleta do PSG entrou em campo aos 40 minutos da segunda etapa, substituindo Thomsen. O gol veio cinco minutos depois, aos 45, de cabeça.

Primeiro jogo sem pênalti na Copa do Mundo

O confronto entre Dinamarca e China quebrou uma marca curiosa nesta edição da Copa do Mundo: foi a primeira partida sem nenhum pênalti marcado. Os oito primeiros jogos tiveram penalidades máximas.

O aproveitamento das batedoras não está bom. Dos oito pênaltis cobrados, apenas quatro terminaram em gol, um aproveitamento de 50%. No jogo do mesmo grupo, entre Inglaterra e Haiti, Stanway chegou a perder a primeira cobrança, defendida por Theus. Após análise do VAR, que viu que a goleira se adiantou, a árbitra mandou a cobrança voltar. Na segunda batida, a inglesa repetiu o canto e, dessa vez, fez o gol.

Tentativa de invasão de campo

Uma mulher tentou invadir o gramado do duelo entre Dinamarca e China para protestar contra um festival da carne de cachorro, chamado Yulin, que acontece no país asiático anualmente.

Ela segurava duas placas que compunham a frase “Nosso governo perdoa o festival Yulin”. Os seguranças do Mundial contiveram a manifestante antes que ela pudesse chegar ao gramado. A transmissão, como de praxe, não exibiu o momento.

Próximos jogos de Dinamarca e China

A Dinamarca vai encarar a Inglaterra, uma das favoritas da Copa do Mundo, na segunda rodada do Grupo D, na próxima sexta-feira (28), às 5h30. No mesmo dia, às 8h, a China encara o Haiti.

A última rodada do grupo terá jogos simultâneos no dia 1 de agosto, às 8h: China x Inglaterra e Haiti x Dinamarca.

Tabela do Grupo D

A Dinamarca saiu à frente e, após a primeira rodada, lidera o Grupo D da Copa do Mundo. As dinamarquesas têm o mesmo número de pontos e de saldo de gols das inglesas, mas ficam na liderança pelo critério de cartões.

Veja a tabela do Grupo D:

• 1º – Dinamarca – 3 pontos – 1 partida – Saldo de gol (1)
• 2º – Inglaterra – 3 pontos – 1 partida – Saldo de gol (1)
• 3º – China – 0 ponto – 1 partida – Saldo de gol (-1)
• 4º – Haiti – 0 ponto – 1 partida – Saldo de gol (-1)

Daniel Servidio
Daniel Servidio