Copa da Inglaterra: as trajetórias de Arsenal e Chelsea até a final

Relembramos as caminhadas da dupla londrina até a grande decisão da FA Cup 2019/2020

0
557
copa-da-inglaterra-final-arsenal-v-chelsea-fa-cup-final-Dan-Mullan Getty-Images.
***LEFT IMAGE*** Ian MacNicol/Getty Images ***CENTER IMAGE*** Laurence Griffiths/Getty Images ***RIGHT IMAGE*** Dan Mullan/Getty Images

A final da Copa da Inglaterra que colocará Arsenal e Chelsea frente a frente se aproxima. Neste sábado, 1º de agosto, Gunners e Blues disputarão a conquista da taça mais antiga da história do futebol às 13h30, em Wembley. Aqui, a PL Brasil recorda as trajetórias das equipes durante a Copa da Inglaterra 2019/2020

Copa da Inglaterra: as trajetórias de Arsenal e Chelsea até a final

Arsenal 

Já sob o comando de Mikel Arteta, após a demissão do espanhol Unai Emery, os Gunners iniciaram sua trajetória na Copa da Inglaterra na terceira rodada da competição. 

Terceira rodada

No dia 6 de janeiro, uma quinta-feira, a equipe londrina derrotou o tradicional Leeds United por 1 a 0, no Emirates Stadium. O gol marcado da vitória foi marcado pelo jovem Reiss Nelson, aos 10 minutos da segunda etapa.

Na ocasião, os donos da casa tiveram menos posse de bola e finalizaram menos do que os comandados de Marcelo Bielsa.

Quarta rodada

Já na quarta rodada, ainda em janeiro, no dia 27, os Gunners visitaram o Bournemouth. E novamente com gols de jovens, saíram vitoriosos do Vitality Stadium. Aos 5 minutos do primeiro tempo, Saka abriu o placar, e vinte minutos depois Nketiah ampliou. Já nos acréscimos do confronto, os donos da casa descontaram com Sam Surridge

Ao contrário do duelo diante do Leeds, frente ao Bournemouth o Arsenal teve mais posse de bola, porém finalizou menos que o adversário. 

Oitavas de final

Nas oitavas, ou simplesmente na quinta rodada da FA Cup, já em março, o oponente foi o Portsmouth, no Fratton Park. A equipe de Arteta venceu o time do Sudeste inglês por 2 a 0. Nessa ocasião, os gols foram do zagueiro Sokratis Papastathopoulos e novamente pelo jovem Nketiah

Quartas de final

Mais uma vez longe do Emirates Stadium, o Arsenal triunfou. Dessa vez, diante da surpresa da Premier League 2019/2020 Sheffield United. No Bramall Lane, já após o retorno do futebol na Inglaterra depois da paralisação causada pela pandemia da covid-19, os Gunners quase vacilaram.

De pênalti, Pépé, contratação mais cara da história do clube, abriu o placar ainda aos 25’ da primeira etapa. Quando a vitória parecia certa, os donos da casa empataram aos 42’ do segundo tempo. No entanto, o espanhol Ceballos, em bonito lance, decidiu a parada para a equipe de Mikel Arteta, fazendo 2 a 1 aos 46’. 

Semifinal 

A semifinal colocou mestre e aprendiz em disputa. Pep Guardiola, o mestre, se viu frente a frente com Mikel Arteta, ex-aprendiz e ex-auxiliar técnico do treinador catalão. E o aprendiz, com muita competência, derrotou o mestre. 

Num esquema tático com três zagueiros e grande atuação defensiva de David Luiz, Arteta dificultou o trabalho do Manchester City, que no geral fez um jogo abaixo do que pode. Além disso, o técnico dos Gunners contou com um ótimo aproveitamento de Aubameyang, que em três finalizações ao gol marcou duas vezes. Resultado: Arsenal 2×0 Manchester City, e equipe londrina na final da competição.

Chelsea

Assim como o Arsenal, o Chelsea iniciou sua trajetória na Copa da Inglaterra na terceira rodada da competição. 

Terceira rodada

No dia 5 de janeiro, em Stamford Bridge, os comandados de Frank Lampard receberam o tradicional Nottingham Forest. Os Blues venceram o confronto por 2 a 0, com gols marcados por Callum Hudson-Odoi e Ross Barkley ainda no primeiro tempo.

O Chelsea teve domínio da partida. Foram 15 assistências contra apenas duas dos visitantes. Já na porcentagem de posse de bola: 75% a 25% para os londrinos. 

Quarta rodada

Na sequência da competição, os Blues visitaram o Hull City, que fez péssima campanha na Championship e acabou rebaixado para a terceira divisão inglesa. 

Mais uma vitória no tempo normal, dessa vez por 2 a 1. Batshuayi abriu o placar aos seis minutos do primeiro tempo e Tomori ampliou aos 19’ da segunda etapa. 14 minutos depois, Grosicki descontou para os mandantes. 

Oitavas de final

A campanha do Chelsea teve adversários mais complicados que a do Arsenal, no contexto geral. Tanto que já nas oitavas de final, o time de Lampard enfrentou o Liverpool, a melhor equipe do país. 

Porém, pelo foco na Uefa Champions League e na Premier League, Jürgen Klopp escalou os onze titulares com reservas. Além disso, os Blues ainda contaram com uma ajudinha do goleiro Adrian, que aos seis minutos de jogo defendeu mal finalização de Willian e acabou colocando bola para o fundo das redes do Liverpool.

Já na segunda etapa, aos 19’, os mandantes ampliaram com Barkley e selaram o 2 a 0. No geral, o confronto foi bem equilibrado, tendo o Liverpool mais posse de bola e quase o mesmo número de finalizações do Chelsea. Foram 13 para os Blues e 11 para os Reds. 

Quartas de final

Na sequência e já depois do retorno pós-parada, mais um adversário complicado: o Leicester de Brendan Rodgers. Os Foxes, que ficaram de fora da Uefa Champions League na última rodada, foram uns dos destaques da temporada inglesa. 

Mas Ross Barkley apareceu novamente para decidir. Aos 18 minutos da segunda etapa, no King Power Stadium, o camisa 8 recebeu passe da direita de Willian e dentro da área colocou no fundo das redes de Kasper Schmeichel. 

Semifinal

Se o Arsenal enfrentou o City na semifinal, o Chelsea confrontou a outra equipe de Manchester: o United de Ole Gunnar Solskjaer. Os Diabos Vermelhos estavam embalados pela boa fase no retorno após a parada causada pela pandemia do novo coronavírus e viam na FA Cup uma boa oportunidade de taça na temporada.

Entretanto, a equipe de Frank Lampard foi melhor no Wembley. Além disso, ainda contou com um dia não inspirado do goleiro David De Gea e seus companheiros. Assim, os Blues construíram um justo 3 a 1 e garantiram o clássico londrino na final da Copa da Inglaterra 2019/2020. 

Após relembrar os retrospectos das equipes até a final que será disputada em Wembley, para qual londrino vai sua torcida?

Leia mais: PL Brasil Awards 2019/2020: jornalistas elegem os destaques da temporada

Acompanhe a PL Brasil no YouTube!

  • JORNALISTAS ELEGEM DESTAQUES E DECEPÇÕES DA PREMIER LEAGUE 2019/20

Não há posts para exibir