Com zagueiro do Liverpool na mira, Blackburn precisaria quebrar padrão para trazê-lo

Não é novidade alguma que o Blackburn precisa reforçar seu elenco. Em especial, o seu sistema defensivo. Inclusive, é importante ressaltar que a equipe, que atualmente só tem 19 jogadores inscritos no elenco principal, possuem apenas 2 zagueiros “sêniores” à disposição. Assim, o zagueiro Ben Davies do Liverpool surge como uma opção interessante para os Rovers, dada a falta de espaço para o defensor em Merseyside.

Vale lembrar que o zagueiro inglês de 26 anos não é nenhum desconhecido da Championship. Além de seu empréstimo na última temporada ao Sheffield United, Davies atuou por muito tempo no Preston, um dos rivais do time de Ewood Park.

A carreira de Ben Davies

Apesar de ter 26 anos, Davies é um zagueiro já bem experiente, tendo disputado 4 das 5 principais divisões nacionais da Inglaterra. Com exceção da Premier League, o defensor inglês já teve atuações na Champioship, onde passou maior parte de sua carreira. Além disso, atuou na League One, League Two e também na National League. Dessa forma, tendo já experimentado diversos níveis de futebol, seria uma adição relevante aos Rovers.

Contudo, apesar de tamanha rodagem, o jogador nunca foi experimentado no mais alto nível. Então, é de se imaginar que seja de fato um atleta do nível da Championship, liga onde atuou 150 vezes.

Além de ser um jogador confiável, com boa estatura, 1,85, e relativamente ágil, Davies é versátil, podendo atuar em defesas com 3 zagueiros ou apenas 2 e também já atuou pela lateral esquerda.

Por fim, é de se imaginar que com boa experiência e ainda relativamente jovem, Davies seria uma ótima adição ao elenco dos Rovers.  A propósito, não só pela escassez presente no clube, mas também por sua qualidade, em especial na 2ª divisão inglesa.

Foto: Reprodução/Twitter/Ben Davies

A dificuldade para o Blackburn de trazer o jogador 

Com um bom currículo e sendo uma aposta quase sem margem de risco, é de se imaginar que um clube como o Blackburn não pensaria duas vezes antes de trazer o zagueiro, certo? Porém, algumas complicações pesam contra o time de Lancashire. Em especial ao se negociar com um time como os Reds.

Apesar de manterem uma boa relação, que inclusive foi fortalecida com o empréstimo de Harvey Elliot na temporada 20/21, o Liverpool é exigente quanto a seus empréstimos. Vale lembrar que quando o próprio Davies foi emprestado aos Blades, na última temporada, o time de Sheffield pagou uma quantia de 1 milhão de libras aos Reds.

Nesse contexto, para o Blackburn trazer o zagueiro, é imaginado que uma quantia parecida seja exigida, além de uma negociação intensa quanto ao seu salário, que é fora das margens praticadas pelo clube.

Além disso, a prova de que o time de Jürgen Klopp é duro nas negociações, é que apesar da compensação cobrada ao Sheffield United, o Liverpool pagou cerca de 2 milhões de libras quando contratou o zagueiro. Para tornar o cenário ainda mais assustador, o atual campeão das copas inglesas pagou menos de 1 milhão no ato da compra do atleta, tendo a quantia sido dividida em mais prestações.

Foto: Reprodução/Twitter/Anfield Watch

Nesse cenário, aliada à necessidade dos Rovers, se desenha um cenário onde o clube terá pouco poder de barganha nas negociações. É fato que Davies não fazer parte dos planos do Liverpool. O zagueiro inclusive foi deixado de fora da viagem de pré-temporada à Tailândia. Mas o clube não abrirá mão facilmente de um ativo com valor de mercado.

O cenário defensivo do Blackburn

Vislumbrando o início da temporada, que se inicia em duas semanas, os Rovers precisam acelerar nas negociações para ter um elenco já estruturado no dia da estreia. O time iniciará a campanha da Champioship contra o QPR no dia 30 de julho. Assim, o clube tem pouco tempo para causar uma boa impressão à sua torcida.

Após perder o jogador do ano Jan Paul van Hecke, que retornou ao Brighton após o fim de seu empréstimo e Darragh Lenihan que saiu de graça da equipe, os Rovers precisam reforçar urgentemente o coração de sua defesa.

No momento, o treinador  Jon Dahl Tomasson possui apenas  Scott Wharton de 24 anos e Daniel Ayala de 31 anos, que tem sido especulado no Granada nos últimos dias. Apesar de vários jovens terem sido promovidos da base, em especial alguns zagueiros, como Patrick Gamble e Jalil Saadi, é difícil já contar com eles como principais peças do elenco.

Por fim, é importante que o Blackburn garanta rápido o zagueiro. Pois, apesar de sua situação nos Reds, Davies certamente terá algumas opções de destinos. Em especial, com a crescente busca por zagueiro nas últimas janelas de transferências.

Além disso, o clube certamente não quer outro cenário como o de Anel Ahmedhodžić. Vale lembrar que, apesar de especulações nos Rovers e uma boa relação com Tomasson, optou por se junta ao Sheffield United a alguns dias.

Foto: Reprodução/Twitter/Ben Davies