Com mais uma grande atuação, McTominay foi eleito melhor em campo contra o Tottenham pelo treinador Solskjaer

Com mais uma grande atuação, McTominay foi eleito melhor em campo contra o Tottenham pelo treinador Solskjaer
Foto: Reprodução/ Twitter

O Manchester United fez uma grande atuação e venceu o Tottenham por 3 a 0, fora de casa pela 10ª rodada da Premier League 2021/22. Dessa maneira, alguns jogadores tiveram muito destaque na partida, foi o caso de Cristiano Ronaldo, Cavani e também McTominay. O volante fez mais uma baita partida e foi eleito pelo treinador dos Red Devils o melhor em campo.

MCTOMINAY, UM MONSTRO EM CAMPO!

Escocês de 24 anos e revelado pelo time de Manchester, McTominay vem ganhando uma importância muito grande para a equipe desde da última temporada. Dessa forma, se firmando na equipe titular a cada jogo que passa. Na equipe desde 2012, o volante fez sua estreia no profissional em 2017, com o treinador José Mourinho, contra o Arsenal pela Premier League. Em 2018, o jogador teve seu contrato renovado até 2023.

Na base, McTominay sofria muito com lesões, porém quando chegou ao profissional esse problemas parou de ocorrer. Dessa forma, ganhando muitos minutos, confiança e experiência dentro do clube. Em sua primeira temporada foram 19 atuações. Já na temporada passada foram 49 partidas sendo 37 como titular da equipe.

Conhecido como o volante Box to Box, McTominay tem muita mobilidade, apoio, coberturas, capacidade de sair da pressão e fazer o time jogar. Dessa maneira, ao lado do brasileiro Fred, tem um papel fundamental para os jogadores de ataque terem mais liberdade e menos desgaste na hora da composição da equipe para marcar.

NÚMEROS CONTRA O TOTTENHAM E ELOGIOS DO TREINADOR

Contra os Spurs, o volante teve 95% de passes certos, quatro desarmes em oito tentativas, 3/3 dribles e 5/5 passes longos corretos. Dessa forma, tomando conta e tendo o controle do meio campo dos Diabos Vermelhos.

PALAVRAS DE SOLSKJAER:

“Ele foi o melhor jogador em campo”, disse o técnico sobre o jogador de 24 anos.

“Esse é o Scott que vimos muitas vezes antes, você sabe. Ele teve seus ferimentos, ele foi operado nesta temporada, mas hoje eu o achei absolutamente brilhante. Ele ganhou seus tackles, dirigiu para frente, manteve a bola simples, trocou de jogo , cabeceou alguns lances de bola parada, então [ele foi] absolutamente superior”.