Chelsea deve ter muitas mudanças no seu plantel para a temporada 2022/23

Chelsea deve ter muitas mudanças no seu plantel para a temporada 2022/23
Foto destaque: Divulgação / Chelsea FC

A saber, de acordo com o The Athletic, site de esportes americanos com cobertura no Reino Unido, o elenco do Chelsea deve sofrer alterações para a próxima temporada. Isso porque, após ser confirmada a venda para o consórcio do empresário norte-americano Todd Boehly, o clube deve ter uma injeção de até R$ 1 bilhão em reforços  para próxima temporada.

SAÍDA DE MEDALHÕES, RETORNO DE BRASILEIRO E ‘CARTA BRANCA' DE THOMAS TUCHEL

A saber,  após ser comprado pelo empresário norte-americano Todd Boehly, da empresa de investimentos Clearlake Capital, o Chelsea deve ter muitas novidades para a temporada 2022/23. Dessa forma, de acordo com informações do site The Athletic, os Blues farão uma ‘revolução' no seu elenco, com a chegada e saída de jogadores.

Além disso, segundo o veículo, o técnico Thomas Tuchel terá ‘carta branca' para contratar e liberar jogadores. Dessa forma, o alemão abdicou das próprias férias no início deste segundo semestre. Com isso, ele consegue planejar a chegada de possíveis reforços para a próxima temporada.

A princípio, o orçamento para novas contratações pode atingir a marca de 200 milhões de libras, um pouco mais de R$ 1 bilhão na cotação atual, dependendo das vendas que forem feitas na janela de transferências do verão europeu.

OPORTUNIDADE DE MERCADO: BLUES ESTÃO CONFIANTES NA CONTRATAÇÃO DE ATACANTE DO BARCELONA

De acordo com o Daily Mail, veículo de notícias da Inglaterra, o Chelsea está interessado em Ousmane Dembélé, atleta do Barcelona. O camisa 7 tem contrato até 30 de junho de 2022.

Por outro lado, o clube não é o único na disputa. Assim, conforme especulações da imprensa espanhola, o Paris Saint-Germain e o Liverpool também teriam interesse. Os Reds estariam interessados no atacante para a reposição de Sadio Mané, que decidiu deixar o plantel nesta janela de temporada.

Em resumo, a contratação de Dembélé pode ser a primeira da era Todd Boehly.

TRANSFERÊNCIA DE HAZARD RENDE AO CHELSEA QUASE £ 123 MILHÕES DE LIBRAS

De acordo com o The Sun, veículo de notícias inglês, o Chelsea vendeu o meia em 2019 por £ 88,5 milhões de libras. Contudo, o acordo incluiu bônus de desempenho que poderiam elevar a taxa de transferência a patamares mais elevados, como aconteceu.

Assim, o clube de Londres recebeu quase £ 20 milhões de libras na temporada seguinte a transferência. Isso porque, o Real Madrid conquistou o título da LaLiga, 1ª divisão espanhola. Com isso, o clube de quebra se classificou para a Liga dos Campeões.

Com a conquista do 14º título da UEFA Champions League, os Blues embolsaram mais £ 15 milhões de libras. Por fim, é importante salientar que desde que chegou a Madrid, o meio-campista Eden Hazard não correspondeu as expectativas do torcedor Merengue, sendo pouco utilizado desde que se transferiu para Espanha.