Betis conhece rivais na Europa League 2022/23

3 minutos de leitura

O Real Betis conheceu seus primeiros adversários na Europa League 2022/23. Portanto, conheça cada um dos rivais dos Verdiblancos e entenda o páreo da equipe espanhola na competição na PL Brasil. 

Real Betis: a segunda força do Grupo C da Europa League 2022/23 

Foto; Divulgação/ Uefa Europa League

Em resumo, a equipe comandada por Manuel Pellegrini é uma das favoritas do Grupo C, da Europa League 2022/23. A saber, o grupo é formado por Roma, Ludogorets, Real Betis e HJK.  

Sendo assim, o Real Betis é a segunda equipe mais bem qualificada do grupo. Já que é um time de uma liga competitiva e seu elenco é qualificado para competir com as melhores equipes da competição. Sequencialmente, a Roma é a equipe mais forte do grupo e grande favorito para a classificação como líder. 

Em sequência, Manuel Pellegrini terá em mãos uma equipe mais forte que a temporada passada. Aliás, chegaram como reforços Luiz Henrique e Luiz Felipe. No mais, o atacante e o zagueiro reforçam a equipe atual campeã da Copa do Rei, principal copa do seu país. A saber, o elenco verdiblanco é composto por Fekir, Borja Iglesias, Joaquin, Claudio Bravo e Willian José. Elenco esse, o segundo favorito para classificação do grupo. 

Por fim, o elenco do Betis tem expectativas de apresentar um bom nível de atuação e enfrentar de igual para igual os grandes favoritos da competição no geral. Logo, a segunda vaga dos classificados para a próxima fase do grupo é iminente. 

Roma: favorito do Grupo C da Europa League 2022/23 com chegada de grande reforço 

Foto: Divulgação/ AS Roma

Certamente, a Roma é a equipe mais qualificada do grupo. Aliás, o time de José Mourinho é o atual campeão da Conference League. Além disso, a esquadra romana se reforçou para a temporada com a chegada de Paulo Dybala. Sendo assim, o meia argentino se une ao elenco formado por atacantes como Zaniolo e Abraham. 

Além disso, a equipe italiana tem jogadores experientes em seu elenco. A saber, Rui Patrício, Smalling e El Shaarawy. Ressaltando que, um grande destaque da equipe é o treinador português, José Mourinho.  

Em conclusão, a equipe do treinador português segue a base da temporada passada, e com a chegada de Dybala, pode apresentar um nível de futebol maior e desequilibrar em duelos com os adversários do grupo, quase garantindo a primeira colocação para a próxima fase. 

Ludogorets: equipe búlgara veio da Champions League e promete equilibrar o grupo 

 

Foto: Divulgação/ Ludogorets Razgrad

Em síntese, o Ludogorets participou da fase eliminatória da Champions League. A saber, o time é o atual campeão búlgaro. Sendo assim, o Dínamo Zagreb eliminou o time búlgaro nos play-offs. 

Dando continuidade, o Ludogorets enfrentou o Zalgiris, já em fase eliminatória da Europa League. A saber, os verdes de Razgrad, venceram a equipe lituana por 1 x 0 na Bulgária e empatou 3 x 3 na Lituânia. 

Por fim, o time de Razgrad é frequente em competições europeias e promete equilibrar o grupo. Sendo assim, Roma e Betis precisam de atenção nos confrontos na Bulgária. 

HJK: azarão do Grupo C 

Foto: Divulgação/ Helsingin Jalkapalloklubi

Em síntese, o atual campeão finlandês é o time mais fraco tecnicamente do Grupo C da Europa League 2022/23. Aliás, equipes da região da Finlândia não possuem tradição em competições europeias. Além disso, financeiramente, as equipes do país não possuem recursos financeiros para reforçar os seus elencos. 

Por fim, ao que tudo indica, o HJK será a equipe que distribuirá pontos para os favoritos do grupo. Sendo assim, a participação da equipe finlandesa na Europa League é um verdadeiro passeio pelo continente. 

Quando começam os jogos do Betis na Europa League 2022/23?

A UEFA não divulgou os confrontos da UEFA Europa League 2022/23. Portanto, a 1ª rodada está prevista para seu início no dia 8 de setembro. Expectativa para uma excelente temporada. 

Ari Junior
Ari Junior

Ari Junior, baiano e apaixonado pelas histórias que o esporte nos proporciona. Fã de esportes desde criança, acompanho NBA, NFL, MMA e futebol nacional e internacional. Como estudante de jornalismo e com o sonho de trabalhar com o jornalismo esportivo, busco cobrir os principais eventos esportivos do mundo.