Barcelona – História, estatísticas e conquistas

Barcelona – História, estatísticas e conquistas
Fútbol Club Barcelona

Fútbol Club Barcelona é um clube espanhol com 122 anos de história. A saber, o Barça é um dos maiores e mais tradicionais do país europeu.

O time manda seus jogos no Camp Nou, histórico estádio que tem capacidade para 99.354 torcedores.

Barcelona tem a 2ª maior torcida da Espanha, passando de 13 milhões de adeptos pelo clube.  A saber, é o time com mais seguidores nas redes sociais do mundo. entre todos os esportes

Fútbol Club Barcelona

Barcelona foi fundado em 29 de novembro de 1899 por suíços, ingleses e catalães. Nesse sentido, o clube é um símbolo da cultura catalã, comunidade autônoma que abriga a cidade de Barcelona. É o 3º clube espanhol mais antigo em atividade.

Os torcedores do Barça desempenharam um papel importante na identificação catalã do clube durante sua longa história, em especial durante o governo autoritário de Francisco Franco.

A saber, o clube surgiu com o nome em inglês de Foot-ball Club Barcelona. No entanto, por conta da ditadura que se instaurou na Espanha, era proibido a utilização de outras línguas que não fossem castelhano. Assim, o clube adaptou seu nome ao espanhol.

Trajetória do Barcelona – fundação, conquistas e ascensão

Como já se sabe, o Barcelona é um dos maiores e mais tradicionais clubes da Espanha e de todo o mundo. Nesse sentido, além de ter a 2ª maior torcida de seu país, o Barça empilha títulos em sua sala de troféus.

Nesse sentido, o clube catalão é o time com mais conquistas nacionais na história. Assim, são 26 Campeonato Espanhol (2º time com mais títulos), 31 Copa do Rei (1º) e 13 Supercopa da Espanha (1º).

Além disso, é um dos três clubes que nunca caiu para a Segunda Divisão Espanhola. Ademais, o Barcelona é o 2º time com mais pontos na história da Liga Espanhola.

Além das taças nacionais, o clube coleciona também títulos internacionais. Nesse sentido, são cinco Champions League, cinco Supercopa Europeia e quatro Recopa Europeia.

Mercado de transferências do Barcelona

O gigante europeu sempre teve um mercado da bola movimentado, até porque sempre teve grandes jogadores, além de se interessar pelas principais estrelas e promessas mundiais. Nesse sentido, os rumores que sondam a Catalunha sempre são grandes.

A saber, a notícia relacionada ao clube que mais corre na Espanha é a possível contratação do Lewandowski, atual vencedor dos últimos dois prêmios de melhor do mundo da Fifa.

Com as grandes movimentações do clube no mercado da bola, separamos as cinco aquisições mais caras da história do clube.

Dembélé por €140 milhões vindo do Borussia Dortmund

Logo de cara, uma das transferências mais caras da história do futebol. Nesse sentido, em busca de um ponta, o Barcelona vai ao mercado de transferências e desembolsa 140 milhões de euros para contar com Dembélé, jovem francês que havia se destacado na Alemanha.

No entanto, mesmo com os altos valores, o reforço é tido como uma decepção pela torcida catalã. Dessa forma, o jovem atleta nunca conseguiu desempenhar o mesmo futebol que apresentava no Borussia Dortmund.

Desde que chegou à Espanha, o jogador entrou em campo 150 vezes, marcou 32 gols e deu 34 assistências. A decepção por Dembélé foi tão grande que o clube não irá renovar seu contrato e deixará o atleta sair de graça. A saber, seu vínculo se encerra no dia 30 de junho.

Coutinho por €135 milhões vindo do Liverpool

Outra contratação que balançou o mercado da bola foi a de Philippe Coutinho, que vinha se destacando no Liverpool e chamava a atenção de diversos clubes dos mais variados países. No entanto, os rumores na Catalunha foram maiores e se concretizaram na temporada 2017/18.

Apesar do grande talento apresentado nos Reds, o meia brasileiro não conseguiu mostrar seu repertório na Espanha. Sendo assim, por muito tempo chegou a nem entrar em campo nas partidas do Barcelona. Assim, foi emprestado ao Bayern e ao Aston Villa, que irá adquirir o atleta em definitivo.

Com a camisa do clube catalão, foram, ao todo, 106 jogos com 26 gols e 17 assistências.

Griezmann por €120 milhões vindo do Atlético de Madrid

Barcelona foi ao mercado de transferências e efetivou a contratação do atacante francês na temporada 2019/20. Nesse sentido, desembolsou 120 milhões de euros ao rival espanhol.

No entanto, o atleta não convenceu e também teve problemas dentro do clube. Nesse sentido, não rendia o futebol esperado e foi emprestado ao Atlético de Madrid na última temporada.

O francês completou 102 jogos enquanto defendia o Barcelona. A saber, marcou 35 gols e deu 16 assistências para seus companheiros. Apesar de ter sido emprestado ao Atlético de MadridGriezmann retornará ao Barça.

Neymar por €88 milhões vindo do Santos

Uma das contratações mais impactantes para o futebol brasileiro e mundial. No mercado da bola de 2013/14, o Barcelona efetivou a compra de Neymar, uma das principais promessas brasileiras do século. Apesar dos rumores de que iria ao Real Madrid, o brasileiro desembarcou na Catalunha.

A saber, formou o histórico trio de ataque com MessiSuárez, venceu a Tríplice Coroa e marcou seu nome na história de um dos maiores clubes do mundo, apesar da pouca idade.

Os números de Neymar no Barcelona são exorbitantes. Assim, foram 186 jogos, com 105 gols marcados e 61 assistências. A título de curiosidade, sua pior temporada no clube teve 15 tentos e 12 passes para companheiros.

Além de ser uma das contratações mais caras da história do BarçaNeymar é a venda mais cara da história do clube e do futebol. Sendo assim, o PSG pagou a bagatela de 222 milhões de euros para adquirir o jogador.

De Jong por €86 milhões vindo do Ajax

A lista se fecha com Frenkie de Jong, que foi contratado após uma grande temporada do Ajax. Nesse sentido, o mercado da bola de 2019/20 voltou os olhos aos jovens holandeses daquela equipe e o meio-campista desembarcou em Barcelona.

O jogador chegou à Espanha com grande expectativa. Entretanto, não foi o destaque que todos esperavam. Porém, também não foi uma grande decepção, como DembéléCoutinho.

O holandês defendeu o Barcelona em 140 jogos, marcou 13 gols e deu 15 assistências. De Jong ainda tem contrato com o clube até 2026.

Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debate.fcs), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.
Artigo anteriorCelta de Vigo – História, estatísticas e conquistas
Próximo artigoAthletic Bilbao – História, estatísticas e conquistas