Atuações: brasileiros são destaque em derrota do Chelsea para os Wolves; veja notas

3 minutos de leitura

Wolverhampton
08/04/23 - 11:00

Finalizado

1

-

0

Chelsea

Wolverhampton - Chelsea

England Premier League - Molineux Stadium

O Wolverhamtpon recebeu o Chelsea, no Molineux, neste sábado (8), em partida válida pela 30ª rodada da Premier League. Os mandantes marcaram com Matheus Nunes ainda no primeiro tempo e seguraram o placar mínimo até o final. A primeira partida de Frank Lampard à frente dos Blues foi de poucas chances efetivas e apenas um chute a gol, aos 42 minutos do segundo tempo.

O time de Julen Lopetegui chega a 31 pontos e está imediatamente abaixo do Chelsea, que tem 39. Os Wolves voltam a campo no próximo sábado (15) para enfrentar o Brentford, novamente no Molineux, também pela Premier League. Os Blues estacionaram na 11ª posição e se distanciam do top-5 na briga por competições europeias: são 14 pontos de diferença para o Tottenham, o 5º colocado. A equipe de Lampard vai ao Santiago Bernabéu na quarta-feira (12) para as quartas de final da Champions League contra o Real Madrid.

Destaques do Chelsea

Reece James – 7,5

O lateral-direito foi quem mais levou perigo no ataque do Chelsea. Foi o jogador mais participativo dos Blues, gerou oportunidades com cruzamentos e lançamentos e mostrou segurança defensiva nos contra-ataques diante de Podence.

Wesley Fofana – 7,0

O zagueiro foi substituído no final do segundo tempo, mas foi seguro durante o jogo e impediu a maior parte das chances do Wolverhampton. Na defesa, deu carrinhos providenciais como último homem e recuperou sete bolas, além de ter vencido nove de 10 duelos. No ataque, deu seis passes para o último terço e ajudou o Chelsea a chegar perto do gol adversário.

Sterling – 4,5

Em sua primeira temporada nos azuis de Londres, Sterling tem tido dificuldade de atingir o nível de anos anteriores. Teve apenas 65% de acerto nos passes e foi o jogador que menos tocou na bola no Chelsea: apenas 28 vezes, além de ter perdido sete dos nove duelos que disputou ao longo do jogo.

As notas do Chelsea:

Kepa – 5,5
James – 7,5
Fofana – 7,0
Koulibaly – 7,0
Cucurella – 4,5
Gallagher – 5
Fernández – 6
Kovacic – 6
Sterling – 4,5
Havertz – 5
Félix – 5,5

Destaques do Wolverhamton

Matheus Nunes – 8,0

O meia luso-brasileiro foi o principal criador do time da casa e fez um belo gol para dar a vantagem aos Wolves. Matheus foi importante em passes em profundidade para tentar levar perigo ao gol do Chelsea, além de bons momentos defensivamente. Recuperou a bola nove vezes e venceu nove duelos defensivos até deixar o jogo com dores no final do segundo tempo.

João Gomes – 7,0

O jovem ex-Flamengo foi destaque ofensiva e defensivamente contra o Chelsea. Foram 62 toques na bola e seis passes para o último terço para ajudar o time a criar, enquanto recuperou a bola 10 vezes, interceptou duas jogadas e venceu 75% de seus duelos defensivos.

Diego Costa – 4,0

O hispano-brasileiro teve muita dificuldade em dar prosseguimento nas jogadas do Wolverhampton. Principalmente depois dos mandantes passarem à frente do placar, quando o time passou a sair mais em contra-ataques. Com apenas 57% de aproveitamento nos passes, o atacante “travou” o ataque dos Wolves em alguns momentos e não foi efetivo em frente ao gol, com apenas um chute no jogo.

Guilherme Ramos
Guilherme Ramos

Jornalista pela UNESP. Escrevi um livro sobre tática no futebol e sou repórter da PL Brasil. Já passei por Total Football Analysis, Esporte News Mundo, Jumper Brasil e TechTudo.

Contato: [email protected]