Jesus vai bem, mas Arsenal vacila demais contra o Lens e pode ter desfalque de peso contra o City

4 minutos de leitura

O Arsenal parecia que teria uma vitória tranquila sobre o Lens, mas com dois erros defensivos e uma posse de bola “estéril”, perdeu por 2 a 1 de virada, na França, em jogo válido pela segunda rodada da Champions League. Gabriel Jesus marcou o gol dos Gunners.

Os Gunners tiveram mais posse de bola, controlaram o jogo, mas tiveram poucas chances claras de jogo. O time sentiu falta de Gabriel Martinelli e teve problemas para furar as linhas do Lens. Dois vacilos defensivos custaram os três pontos.

Mudanças na escalação

Arteta decidiu ir com força máxima diante do Lens pela Liga dos Campeões. White ficou no banco e Tomyiasu ganhou chance na lateral direita. Gabriel Jesus voltar a ser referência, enquanto Trossard ficou com a vaga na ponta esquerda.

Gabriel Martinelli ainda segue fora por lesão. Ele está desde o meio de setembro no departamento médico.

Alerta vermelho

Para a partida desta terça, Arteta não poupou Saka, que deixou o jogo contra o Bournemouth, no último fim de semana, mancando. Ele recebeu atendimento médico no primeiro tempo do jogo e foi substituído por Fábio Vieira. Foi dos pés dele que saiu a assistência para o gol de Gabriel Jesus.

Perder Saka seria um duro golpe para Arteta. O próximo jogo do Arsenal é contra o líder da Premier League, Manchester City, neste domingo. Um dos principais nomes do time, o jogador é dúvida para o duelo.

Notas do Arsenal

Gabriel Jesus – 6

Foi oportunista e abriu o placar com uma finalização precisa. Batalhou na frente como sempre, mas o Arsenal não soube traduzir a grande posse de bola em chances reais de gol. A equipe inglesa teve dificuldades para superar o forte sistema defensivo francês e Jesus recebeu poucas bolas.

Raya – 5

Raya foi apontado como um dos culpados pelo primeiro gol do Lens. Longe de sua área, viu seu lançamento para Tomiyasu ser interceptado. Em uma bela jogada combinada, o time francês marcou um golaço. O espanhol qualifica a saída de bola — e o fez durante os 90 minutos — e não foi mais exigido na partida.

Gabriel Magalhães – 5,5

Não teve culpa nos dois gols do Lens. Foi seguro nas jogadas. Vive ótima fase ao lado de Saliba na zaga.

Próximos adversários do Arsenal

  • Manchester City (Premier League) – Emirates Stadium – domingo (8) – 12h30 (de Brasília)
  • Parada para Data Fifa
  • Chelsea (Premier League) – Stamford Bridge – sábado (21) – 13h30 (de Brasília)
  • Sevilla (Champions League) – Ramón Sánchez Pizjuán – terça-feira (24) – 16h (de Brasília)
Pedro Ramos
Pedro Ramos

Editor da PL Brasil entre 2012 e 2020 e subcoordenador na PL Brasil desde 2023. Passagens pelo jornal Estadão e o canal TNT Sports. Formado em Jornalismo e Sociologia. Ex-pesquisador do GEMAA (Grupo de Estudos Multidisciplinar da Ação Afirmativa).

E-mail: [email protected]