Ange faz cobrança dura no Tottenham: ‘Não tínhamos nenhuma convicção no que estávamos fazendo’

4 minutos de leitura

Como tem sido ao longo da temporada, o Tottenham fez mais um jogo eletrizante pela Premier League. No início da tarde deste domingo (3), os Spurs empataram em 3 a 3 com o Manchester City no Eithad Stadium, em partida válida pela 14ª rodada do Campeonato Inglês. O duelo foi para o intervalo com o placar em 2 a 1 para os Citizens, de virada. Naquela altura, o técnico do time londrino, Ange Postecoglou, não estava nada satisfeito com a atuação da equipe.

— Na primeira parte tivemos a sorte de ainda estar presentes, para ser honesto. City poderia ter nos surpreendido durante esse período. Eles certamente tiveram chances suficientes para fazer isso. Não tínhamos nenhuma convicção ou crença real no que estávamos fazendo, estávamos perdendo muito a bola — disse Postecoglou em entrevista coletiva após o jogo.

Mas o treinador do Tottenham reconheceu a resiliência do time nos momentos difíceis. Os Spurs ficaram atrás do placar duas vezes, sendo uma delas aos 36 minutos do segundo tempo.

— Tivemos que nos acalmar no intervalo e o esforço que os meninos fizeram durante o segundo tempo foi excelente. Mais uma vez, é muito fácil ser surpreendido nesta arena contra um time tão grande, mas nos mantivemos firmes e deixamos as coisas desconfortáveis ​​para o City, pensei, durante todo o segundo tempo — continuou o técnico.

Eles nunca tiveram o controle total do jogo e essa é a chave para tirar algo dele. Marcamos três gols de qualidade. Estou satisfeito pelos jogadores, o esforço que fizeram no segundo tempo foi recompensado”, afirmou Ange.

Desfalques no Tottenham

O Tottenham vive uma crise com desfalques. No total, os Spurs têm nove jogadores no departamento médico:

  • Rodrigo Bentancur
  • James Maddison
  • Micky van de Ven
  • Manor Solomon
  • Ivan Perisic
  • Ryan Sessegnon
  • Ashley Phillips
  • Alfie Whiteman
  • Pape Matar Sarr

A boa notícia é que Richarlison entrou em campo no final do jogo e voltou de forma antecipada. Postecoglou também adiantou na entrevista coletiva que Pape Sarr estará disponível até o final da semana. Mas o resto demorará um pouco para voltar. À medida que recuperarmos os jogadores, estou confiante de que ganharemos impulso e poderemos lutar contra qualquer um.

— Passamos por um momento bastante extremo. Traremos Romero de volta e sentimos falta dele. Sempre sinto que se você conseguir superar esses períodos difíceis mantendo-se fiel ao time que deseja ser, você sairá mais forte, independentemente dos golpes que sofrer ao longo do caminho — concluiu o treinador do Tottenham.

Romulo Giacomin
Romulo Giacomin

Formado em Jornalismo na UFOP, passou por Mais Minas, Esporte News Mundo e Estado de Minas. Atualmente, escreve para a Premier League Brasil.