O caminho e a trajetória de Andressa Alves na Europa

O caminho e a trajetória de Andressa Alves na Europa
Foto: Divulgação/ Roma

Andressa Alves começou sua carreira no Brasil, passou por alguns clubes e atingiu um ponto alto atuando pelo São José. Assim, as atuações e as constantes convocações para a Seleção Brasileira despertaram os olhares dos clubes de fora.

Sendo assim, em entrevista ao PL Brasil, a atleta contou um pouco da sua trajetória jogando fora do Brasil e os momentos importantes. Vale lembrar que, a atleta chegou a acertar com Boston Breakers, do Estados Unidos, mas acabou não atuando pela equipe. Isso porque, na mesma época teve a Copa do Mundo no Canadá e o desempenho dela despertou o interesse de outros times.

Caminho para a Europa

Com as boas partidas do Mundial, mesmo caindo nas oitavas de final, o Montpellier, da França, comprou a jogadora. Além disso, o calendário pesou na decisão de Andressa Alves, já que no EUA, a tabela dura seis meses e na Europa o período de jogos é o padrão.

Depois de uma boa temporada veio a proposta do Barcelona. Sendo assim, em junho de 2016, Andressa tornou-se a primeira brasileira no clube catalão. Dessa forma, participou do elenco até o ano de 2019. Na atual temporada, já sem a camisa 22, o Barça alcançou o recorde de público no futebol feminino, em jogo diante do Wolfsburg, na semifinal da Champions League. Ao todo, esteve presente 91.648 pessoas no Camp Nou.

“Foi uma felicidade muito grande ver o Camp Nou lotado pra assistir as meninas, eu fico muito feliz porque tive uma passagem muito boa no clube, o Barcelona não era o que é hoje, não tinha o que tem hoje, eu passei lá pra poder ajudar a conquistar as coisas e fiquei feliz demais pelas meninas, que elas possam encher de novo o estádio e crescer cada vez mais o futebol feminino na Espanha”, disse Andressa Alves.

Chegada de Andressa Alves na Roma

Antes de mais nada, depois de boas temporadas pelo Barcelona, surgiu o interesse da Roma. Assim, a equipe italiana comprou a estrela brasileira, em 2019. Dessa forma, foi contratada para ser destaque do elenco na busca de títulos. No ano de 2020, a equipe foi campeã da Copa Itália, o primeiro troféu da história do time na modalidade e, teve a atacante como artilheira e melhor do torneio.

Andressa Alves
Andressa Alves em ação pela Roma (Foto: Reprodução/ Roma)

“Olha, foi um sentimento muito bom, indescritível. Foi o primeiro título do clube, muito importante, a Copa Italia, foi uma competição muito boa pra mim, fui artilheira. No final deu tudo certo, valeu tudo a pena e espero que esse ano venham mais títulos com a camisa da Roma, que continuemos crescendo como clube, do futebol feminino e alcançando grandes objetivos”, afirmou Andressa.

Vida pessoal na Itália

A atleta atua em um país que conta com uma beleza especial e muitos lugares para conhecer durante os períodos livres:

“A Itália é muito bonita, eu moro aqui em Roma, então é uma cidade que qualquer lugar que você vai aqui tem uma história pra aprender e conhecer. Eu gosto muito do Coliseu, eu sempre saio aqui pra poder jantar, passear, e aqui é uma cidade muito bonita. Sou muito feliz de poder morar aqui”, disse a brasileira.

Um tema muito importante falado por Andressa Alves é sobre a orientação sexual, a atacante é casada com a ex-jogadora Fran e tem até um canal no Youtube para falar sobre diversos temas:

No começo, preconceito apenas fora da família e amigos, aquela coisa da sociedade que estamos tentando mudar né? Olhares, mas nada que extrapolasse isso, e sempre tive o apoio da minha família sobre esse assunto, foi um relacionamento bem tranquilo. As dificuldades existem pra todos os casais, homo e heterossexuais”, finalizou.

Com passagens por Montpellier e Barcelona, hoje atua pela Roma. Assim, Andressa é uma das peças essenciais do elenco italiano e tem a meta de conseguir mais títulos com a equipe.

Leia Mais

Foto: Divulgação/ Roma