Andrea Sottil vai ser o novo treinador da Udinese

Andrea Sottil vai ser o novo treinador da Udinese
Foto Destaque Divulgação: Viola News

Antes de mais nada, a Udinese publicou oficialmente que Andrea Sottil vai ser o novo treinador da equipe. Assim, o anúncio aconteceu na manhã dessa terça-feira (07), em suas redes sociais. Acompanhe aqui na Premier League Brasil tudo à respeito de sua negociação.

De antemão, a diretoria anunciou no final do mês passado que não renovaria o contrato com Gabriele Cioffi e desde então, ainda era dúvida de quem seria o sucessor. Com isso, a escolha acabou ficando para um velho conhecido de Udine e principalmente, dos clubes italianos.

Dessa maneira, Sottil estaria voltando para os Bianconeri o Zebrette após quase 20 anos, quando jogou de 1993 até 2003. Bem como, conquistou uma Copa Intertoto da Uefa, que era uma forma de classificação para a Taça UEFA (ou Europa League, atualmente).

Sobretudo, fez sua melhor passagem da sua carreira na Udinese, onde marcou seis gols em 87 jogos. Além disso, não havia marcado mais de dois gols em nenhum outro clube, fazendo 13 tentos no total em 410 partidas.

Além disso, conquistou apenas uma Coppa Italia em 1995/96 quando atuou pela Fiorentina, em sua terceira temporada no profissional, mas marcou um gol somente.

Entretanto, como treinador, Andrea Sottil estaria assumindo pela primeira vez um clube da primeira divisão italiana, sem ter conquistado nenhum título. Dessa forma, nunca jogou ou treinou fora de seu país de origem, a Itália.

Por fim, o italiano estava treinando o Ascoli e evitou o rebaixamento para a terceira divisão em 2020/21. Já na temporada seguinte, levou a equipe para disputar os play-offs de acesso, entretanto, perderam na primeira rodada para o Benevento. Agora, assinou com o clube de Udine até junho de 2023, com opção de renovação para a temporada seguinte.

Andrea Sottil não é o único reforço da Udinese

Portanto, os Friulani também anunciaram por meio das redes sociais, a chegada do jovem Leonardo Buta, do Braga (Portugal). Por último, o jovem português de 20 anos assinou um contrato por cinco temporadas com a equipe.