Exclusivo: três propostas, Manchester United ‘forte’ e um ‘campeonato inglês’ de interessados em André

4 minutos de leitura

Por Caio Blois e Diogo Magri

Recém-campeão da Copa Libertadores pelo Fluminense, o meio-campista André inspira uma espécie de “Premier League” particular. Pelo menos quatro clubes de destaque da Inglaterra, em algum nível, se movimentaram pela contratação do jogador desde a última janela de transferências da Europa: Liverpool, Fulham, West Ham e Manchester United.

PL Brasil apurou que o quarteto e até outros clubes menores da Premier League fizeram contatos inicias. Mas destes, três fizeram propostas concretas no mercado do verão europeu, todas recusadas pelo Fluminense – que acordou com o staff de André a permanência do jogador até o fim do ano.

Fulham

Foi o primeiro clube a apresentar uma proposta por André na última janela. Naquele momento, o time de Londres lidava com a iminência da venda de João Palhinha para o Bayern de Munique – que acabou fracassando justamente pelo insucesso na busca do clube da Inglaterra por um substituto para o volante português.

Liverpool

Os Reds tiveram recusada uma proposta de 25 milhões de euros + 10 milhões de euros em bônus factíveis, que envolviam, entre outros fatores, licença de trabalho inglesa e número de partidas realizadas na Inglaterra. O Liverpool procurava reposição aos seis meio-campistas que deixaram o clube na última janela.

MacAllister, Szoboszlai, Endo e Gravenberch acabaram chegando. Somado às opiniões dúbias do Liverpool sobre André, o time de Jurgën Klopp está completamente fora das negociações no momento.

West Ham

Após conseguir vender o Declan Rice para Arsenal pelo maior valor já pago por um jogador inglês, os Hammers também tiveram uma proposta negada pelo Fluminense.

Com a negativa pelo brasileiro, o mexicano Edson Álvarez foi contratado junto ao Ajax para a posição de primeiro homem de meio-campo. Por isso, Lucas Paquetá também não deve ter a companhia de André no Estádio Olímpico de Londres.

E AGORA? No momento, não há propostas na mesa do Fluminense por André. A janela de transferências para a Europa reabre somente no dia 1º de janeiro de 2024 e fica aberta por 30 dias. Até o fim do período de negociações, a expectativa do clube carioca é arrecadar mais de 35 milhões de euros com o meio-campista de 22 anos.

E o Manchester United?

A PL Brasil soube que os Red Devils procuraram André nos últimos dias da última janela de transferência, que fechou no dia 1º de setembro.

No entanto, não houve proposta formalizada naquela ocasião. No entanto, com a mais recente lesão de Casemiro e a idade já avançada do volante que não repete nesta temporada o bom desempenho da última, o Manchester United está de volta ao páreo “com mais força” para levar André, conforme divulgou o jornalista Jac Talbot, confirmou a PL brasil e avançou a Trivela.

Nos últimos meses, além de vencer a Libertadores, André se valorizou ainda mais ao se tornar presença frequente nas convocações da seleção brasileira – onde também pode acabar substituindo Casemiro.

No início do mês, André disse ao canal oficial da Conmebol que recebeu uma “proposta irrecusável” de um clube da Premier League, mas que preferiu seguir no Fluminense em busca do troféu da Libertadores. O atleta se referia a proposta do Liverpool.

— Acho que todo jogador um dia sonha em estar jogando num grande clube da Europa. Mas eu resolvi manter minha palavra porque, quando fechou a janela de janeiro, o Diniz falou comigo que me queria aqui até o fim do ano. A gente não sabia que ia chegar uma proposta desse valor e falei que, independente do que acontecesse, eu iria ficar até o fim da temporada — disse o meia.

No caso do Manchester United, o clube vive a incerteza de quem comandará seu futebol, já que os Red Devils negociam a venda de 25% de suas ações para o bilionário Sir Jim Ratcliffe.

Diogo Magri
Diogo Magri

Jornalista formado pela ECA-USP, campineiro e repórter na PL Brasil. Passagens por EL PAÍS, Revista Veja e Futebol Globo CBN.

Contato: [email protected]