Alvo de Chelsea e Real Madrid, atacante do Bayern de Munique pode renovar com a equipe

Alvo de Chelsea e Real Madrid, atacante do Bayern de Munique pode renovar com a equipe
Foto destaque: Reprodução/Twitter Serge Gnabry

Além da novela “Robert Lewandowski“, o Bayern de Munique tem outra estrela do seu ataque demorando para decidir seu futuro: Serge Gnabry. Mesmo alvo de rumores que revelam o interesse de gigantes como Chelsea e Real Madrid, o jogador pode estar próximo de renovar com o clube alemão e permanecer em Munique. Assim, caso aceite a negociação, ele deve assinar renovação válida por quatro ou cinco temporadas.

Primeiramente, de acordo com o jornal Kicker, da Alemanha, Gnabry gostou dos termos oferecidos pelo Bayern de Munique em sua proposta de renovação mais recente. Portanto, o jogador teria se mostrando bem mais inclinado a permanecer na Baviera neste momento.

A saber, o atacante de 26 anos tem contrato com os bávaros até meados de 2023. No entanto, por causa de um aparente desacerto entre o atleta e diretoria do time, ele começou a ver seu nome entre os rumores de transferências. Serge Gnabry teve 17 gols marcados e 10 assistências em 45 partidas na temporada passada.

A novela Robert Lewandowski e Bayern de Munique

Além de Gnabry, Lewandowski há tempos vem dando o que falar por causa de sua possível saída do clube alemão. Em meio as negociações entre Barcelona e Bayern de Munique, o polonês é alvo de nova polêmica: sua aparente “apatia” e os atrasos nos treinos do time germânico.

Assim, com vontade declarada de deixar o Bayern de Munique, Lewandowski chegou atrasado pelo segundo treino seguido na pré-temporada bávara, segundo informações do jornal Bild. Apesar da aparente falta de interesse, o atacante fez todas as atividades com o restante do elenco visando a preparação para a temporada 2022/2023.

Mas, esses podem ser os últimos compromissos do polonês com a camisa bávara. A saber, de acordo com as informações da “Sky Sports“, o Bayern de Munique estaria aceitando negociar o craque por 45 milhões de euros, o equivalente a R$ 246 milhões. Ainda, a publicação destacou que essa decisão de diminuir o valor da negociação foi causada por conta de o contrato de Lewandowski ir apenas até junho de 2023. Por esta razão, em janeiro do ano que vem, o craque já poderia assinar um pré-contrato com qualquer outro clube que quisesse. Assim sendo ele acabaria saindo de graça e dando prejuízo aos alemães.

Foto destaque: Reprodução/Twitter Serge Gnabry