Onde Agüero se encontra na lista de maiores atacantes da Premier League?

Argentino já é o maior sul-americano da história do futebol inglês

0
75
aguero premier league
imago Philip Oldham

Conforme Sergio Agüero anunciou que irá deixar o Manchester City ao fim da temporada, foi levantado o debate sobre qual colocação o argentino se encontra na lista de maiores atacantes na história da Premier League.

De maneira inconclusiva, a PL Brasil selecionou cinco grandes atacantes da competição e apresentou suas personalidades junto aos números expressivos conquistados ao longo de suas carreiras. Assim sendo, é possível estruturar o debate a fim saber onde Agüero se posiciona entre os melhores.

Portanto, serão analisados apenas números envolvendo a Premier League, sem contar outras competições de solo nacional e continental – incluem-se dados em clubes de fora da Inglaterra e passagens pela seleção nacional.

Alan Shearer

Na época, os dedos apontados para o céu nas comemorações de Alan Shearer poderiam não ter um significado exato. Contudo, ao longo da grandiosa carreira, a celebração pode ser associada ao topo que ele alcançou na lista de maiores artilheiros da Premier League, isolado, com 260 gols – 52 a mais em relação ao segundo colocado.

Seu toque de classe se equilibrava perfeitamente com a robustez do futebol inglês vista na década de 1990. Ao passo que fazia parte jogo mais físico, onde a categoria que vemos nos dias de hoje era ímpar, Shearer a tinha de sobra. No Blackburn, levou o time ao seu primeiro título inglês em 80 anos. No Newcastle, virou Deus.

Apesar de dois vice-campeonatos em 1996 e 1997, respectivamente, Shearer marcou a época de ouro do Newcastle que, muito graças ao atacante, fez jus à sua tradição e mostrou o porquê de ser um dos clubes mais tradicionais do país. Além de, claro, se firmar como um dos maiores atacantes da Premier League.

Números e premiações na Premier League: maior artilheiro da história (260 gols); Jogador do Ano PFA (1995 e 1997); Jogador do Ano PL (1995); Time do Ano PFA (1992, 1993, 1994, 1995, 1996, 1997 e 2003); Jogador do Mês PL (4x); Artilheiro da PL (1995, 1996 e 1997); campeão Premier League (1995); segundo jogador com mais hat-tricks (11); maior artilheiro do Newcastle (206); ao lado de Thierry Henry, o primeiro nomeado para o Hall da Fama.

Leia mais: Alan Shearer: a máquina de fazer gols que dominou o futebol inglês

Andy Cole

Certamente, todo grande time precisa de um centroavante à altura. Com David Beckham, Paul Scholes, Ryan Giggs, Gary Neville, Phil Neville e Nicky Butt oriundos da base, era necessário alguém de fora suprir a carência ofensiva. Ao lado de Dwight Yorke, Andrew Cole – ou Andy, para os mais íntimos, exerceu esse papel ao lado da vitoriosa classe de ‘92 do Manchester United.

Com sua leitura de jogo nitidamente superior em relação aos adversários, Cole se aproveitava da vantagem para transformar situações adversas em chances claras de gol. Como por exemplo, no clássico lance em que encobriu o goleiro de fora da área contra o Everton, em 1997/1998. Ou nas tabelas inevitáveis junto ao companheiro Yorke.

Seja se posicionando para receber bolas enfiadas ou criando sua própria jogada, Cole não se omitiu dentro de um time cheio de estrelas e marcou seu nome na história da competição. Com 187 gols, não só é o terceiro maior goleador da Premier League, como também o segundo que mais fez gols pelo Manchester United no campeonato.

Números e premiações na Premier League: terceiro maior artilheiro da história (187 gols); Jogador Jovem do Ano PFA (1994); Jogador do Mês PL (1x); Artilheiro da PL (1994); campeão Premier League (1996, 1997, 1999, 2000 e 2001); nono com mais hat-tricks (5); indicado na segunda leva de jogadores do Hall da Fama.

Wayne Rooney

Somente um jogador do Manchester United poderia superar o número de gols de Andy Cole: Wayne Rooney, não apenas o maior artilheiro da história do clube como um todo (253), como também o segundo maior artilheiro na história da Premier League (208). O garoto de ouro que surgiu no Everton e, hoje, dispensa apresentações.

Ao lado de Cristiano Ronaldo, Rooney serviu de complemento para as maiores conquistas do clube no século. Depois que o português deixou o clube, se tornou referência e mostrou o quão grande é seu futebol. Wazza dominou a Premier League em todos os sentidos. Outrora considerado um “bully”, se tornou um dos maiores.

Suas premiações também vão de 0 a 10. Uma vez que, ainda jovem, conquistou o melhor jogador jovem de 2004 e 2005 – esta, a primeira vez que alguém conseguiu repetir o feito em anos consecutivos desde 1995 e 1996, quando Robbie Fowler o fez pelo Liverpool. Ao todo, quatro nomes já conseguiram (Fowler, Ryan Giggs, Wayne Rooney e Dele Alli).

Quando mais experiente, se mostrou presente em times do ano (2006, 2010 e 2012), além de ser considerado o jogador de 2010 em votação feitas pelos jogadores. Premiações à parte, a principal não veio, já que Rooney nunca conseguiu se sagrar artilheiro de uma edição da Premier League.

Números e premiações na Premier League: segundo maior artilheiro da história (208 gols); Jogador do Ano PFA (2010); Jogador do Ano PL (2010); Time do Ano PFA (2006, 2010 e 2012); Jogador Jovem do Ano PFA (2004 e 2005); Jogador do Mês PL (5x); campeão Premier League (2007, 2008, 2009, 2011 e 2013); sétimo com mais hat-tricks (7); maior artilheiro do Manchester United (253).

Leia mais: Os 5 melhores atacantes da década da Premier League

Thierry Henry

Talvez o melhor adjetivo para definir Thierry Henry seja o “Mr. Premier League”. A proporção atingida pelo francês, conforme bateu na trave para ser o melhor do mundo em 2003, ficou pequena para os solos ingleses. Henry foi especial e conseguiu traduzir isso em campo durante sua passagem pelo b. Não à toa que a única temporada invicta da história teve ele como protagonista.

Apesar de figurar apenas a sexta colocação da artilharia, com 175 gols, Henry é considerado não só um dos maiores atacantes da Premier League, como também é visto como o melhor jogador da história da competição. Inclusive, sendo o segundo nomeado para o Hall da Fama, ao lado de Alan Shearer.

Sua plasticidade com a bola se converteu em conquistas únicas longe das quatro linhas. Em suma, foram dois prêmios consecutivos de melhor jogador do ano, vaga no time do século (de 1907 a 2007), maior artilheiro do Arsenal (228) e quatro artilharias de PL – líder no quesito.

Números e premiações na Premier League: sexto maior artilheiro da história (175 gols); Jogador do Ano PFA (2003 e 2004); Jogador do Ano PL (2004 e 2006); Time do Ano PFA (2001, 2002, 2003, 2004, 2005 e 2006); Jogador do Mês PL (4x); Artilheiro da PL (2002, 2004, 2005 e 2006); campeão Premier League (2002 e 2004); Time do Século; quarto com mais hat-tricks (8); maior artilheiro do Arsenal (228); ao lado de Alan Shearer, o segundo nomeado para o Hall da Fama.

Sergio Agüero

Comparado aos outros, Agüero pode não ter atingido o patamar de prêmios individuais contra craques de outra posição na Premier League. No entanto, no aspecto de atacante, poucos atingiram o que o argentino atingiu ao longo de sua passagem pelo Manchester City – que terminou nesta temporada.

Kun é o jogador com mais hat-tricks na história da competição, com 12. Um a mais que Shearer, quatro a mais que Henry, cinco a mais que Rooney. Em contraste com o rival Red Devil, conseguiu a artilharia da Premier League na temporada 2014/2015. Agüero também é o jogador com o maior número de prêmios de ‘Jogador do Mês’ na história, com 7 – o troféu foi lançado em 1994.

Assim como Shearer fez no Newcastle, Agüero colocou o City no mapa: foram cinco títulos de Premier League. Com seus 260 gols, o argentino lidera com folga a artilharia da história do clube, com 81 a mais que o segundo colocado, Eric Book.

Números e premiações na Premier League: quarto maior artilheiro da história (182 gols); Time do Ano PFA (2018 e 2019); Jogador do Mês PL (7x); Artilheiro da PL (2015); campeão Premier League (2012, 2014, 2018, 2019 e 2021); primeiro com mais hat-tricks (12); maior artilheiro do Manchester City (260).

Para você, em qual colocação Agüero se encontra na lista de maiores atacantes da Premier League?